Cuidado com as suas palavras: 8 formas de otimizar o seu diálogo interno
Psicologia Comportamental 22/09/2016

Cuidado com as suas palavras: 8 formas de otimizar o seu diálogo interno

Miguel Lucas Publicado por Miguel Lucas


Falar em voz alta para si mesmo em público não é sinal de uma boa saúde mental, mas manter um diálogo interno é bastante normal e muito útil. Na verdade, as conversas internas têm um forte impacto sobre o bem-estar emocional e a motivação. Tornar-se consciente do que você está dizendo exatamente  para si mesmo, sobre si mesmo, pode ajudá-lo a entender porque por vezes reage de determinada maneira com as pessoas e nas situações da sua vida. Pode também ajudá-lo a controlar o seu humor, repetir sucessos e reorientar as suas ações, falhas e erros.

Autorrealização de profecias

O diálogo interno positivo pode contribuir muito para a construção da sua confiança libertando-o para usar os seus talentos ao máximo. Por exemplo, se tem medo de falar em público, use a sua voz interior para se tranquilizar: “Eu consigo fazer isto. Já fiz isto bem antes, consigo voltar a fazer”.

Por trás do nervosismo, seja medo de falar em público, medo de fracassar, medo de chumbar num exame, fobia social, ou outro qualquer tipo de medo,  podem muito bem estar suportados por pensamentos negativos, que alimentam esse próprio medo, tais como: “Há 300 pessoas lá fora! Eu nunca vou ser capaz de prender a sua atenção.”

Para o bom ou para o mau, o nosso diálogo interno tem em si o potencial para tornar-se numa auto-realização de profecias. Ou seja, o seu discurso orienta as suas ações, influencia as suas crenças, aumentando a probabilidade de acontecer aquilo que teme, ou pelo contrário, aquilo que deseja que aconteça. É por isso que é tão importante monitorizar a sua voz interior.

falar menos

Coerência no diálogo interno

Mas não podemos confundir autoverbalizações positivas, com afirmações meramente “positivas” desprovidas de conteúdo, sentido, ou pior ainda, ilusórias. Tal como já referi no artigo: Pense positivo, insista no pensamento positivo. Por exemplo, se eu fosse dizer a mim mesmo que eu não sou bom em desenho artístico, o meu diálogo interno seria negativo, mas não falso.

A verdade é que tenho dificuldades em desenhar. Por outro lado, se eu disser que não consigo desenhar nada, estaria pensando negativamente, e a fazer uma generalização abusiva, e isto sim é pejorativo. O que é preciso levar em consideração na construção do seu diálogo interno é a precisão, lógica, especificidade, que dependa de si, discurso voltado para a ação e que esteja de acordo com as suas crenças.

Há no entanto momentos, em que você começa a ouvir mensagens negativas vindas da sua voz interior. Então é hora de corrigi-las usando algumas das técnicas da terapia cognitiva-comportamental que irei descrever mais adiante.

Dica: “Cuidado com as suas palavras” ou “o uso das suas palavras” elas são poderosas e comunicam aquilo que desejamos e como nos percepcionamos.

Oriente o seu diálogo interno de acordo com o que pretende realizar

O seu diálogo interno, ou seja, as palavras que usa para descrever o que está acontecendo com você, e para informar como se sente acerca dos eventos externos, determina a qualidade da sua vida emocional. Quando você vê as coisas de forma positiva e construtiva e procura o melhor em cada situação e em cada pessoa, você ganha uma tendência a permanecer naturalmente positivo e otimista.

Dado que a nossa qualidade de vida é determinada pela forma como nos sentimos, pensamos e agimos, momento a momento, uma das metas mais importantes que eu recomendo é a utilização de técnicas psicológicas para a promoção do hábito de pensar sobre o que queremos e afastarmos o pensamento daquilo que não queremos ou que tememos.

A psicologia em geral, e particularmente a psicologia positiva oferece-nos estratégias, técnicas e abordagens que facilitam a construção de uma estrutura mental positiva, tal como descrevi em alguns artigos que expressam a importância de conscientemente reestruturarmos o pensamento, mudar crenças e saber lidar com os pensamentos e sentimentos negativos.

Artigos recomendados:

Como pode verificar, em todos os artigos a linha de raciocínio tem por base um factor fundamental, que é a nossa plasticidade cerebral e a possibilidade que cada um de nós tem em podermos pela força de vontade, motivação, pensamento positivo e algum conhecimento técnico, mudarmo-nos a nós mesmos, no sentido da construção de soluções para os problemas que enfrentamos, quer em nós, quer no mundo exterior.

Dica: Reflita acerca do tipo de palavras que utiliza para guiar as suas ações, para gerir as suas emoções, para reorientar os seus pensamentos.

Que tipo de palavras usa para aumentar a sua motivação? Está consciente das mensagens que envia para si mesmo e o quanto influenciam os resultados que obtém?

As palavras são tão poderosas e refletem os nossos pensamentos. Apresento oito palavras comummente usadas nas nossas conversas diárias connosco  mesmo e o que precisamos monitorizar e alterar, a fim de promovermos os resultados que desejamos alcançar.

Tentar

“Eu vou tentar terminar isso …” “Eu vou tentar passar aí no sábado”

Sempre que ouço alguém dizer isso, ou até mesmo eu, então eu sei que a pessoa não está convicta do que pretende e a probabilidade de realizar o que prometeu tentar é tremendamente reduzida. Tentar é uma palavra insípida que é desprovida de compromisso, deixando aberto um espaço para desculpas e entraves no caminho daquilo que supostamente se pretende.

Ninguém criou a vida de seus sonhos e resultados positivos, apenas tentando. Intenção não é ação. Obtém-se resultados fazendo as coisas acontecerem.

Faça um compromisso mais claro dizendo “Eu vou ter isso pronto por volta das …” “Eu estou livre neste momento e eu posso passar por aí …” ou em caso de necessidade: “Eu não posso prometer nada, mas eu farei o meu melhor para … “.

Desejo

Se apenas desejar, é como se permanecesse sentado no seu sofá a sonhar acordado, esperando por ganhar a lotaria ou que a fada madrinha apareça. Desejar de forma passiva, sem ação ou comportamentos voltados para os resultados, remove-o da equação de eficácia e transmite-lhe a mensagem que você tem que confiar em algo externo a si.

Mude a palavra desejo, para “Eu vou … Eu estou convicto que … Eu estou determinado …. Eu mereço … Eu estou a reunir recursos para … Eu faço…”.

Eu sou

Tenha muito cuidado como você usa o termo “Eu sou” para definir quem você é. Você não é hostil, você não é deprimido, você não é feliz. Todas estas coisas são emoções temporárias que vêm e vão. Se você se define como sendo desta ou daquela forma relativamente à sua identidade, pode ter uma tendência para prender-se a isso e passar a agir de acordo com isso, construindo desculpas como: “Eu não posso fazer isso porque estou deprimido.” Ou “Não há nada que eu possa fazer sobre isso, este é quem eu sou.”

Este tipo de colagem ao sentimentos provocam uma desadequação em determinadas situações e ambientes. A melhor maneira de dizer é: “Eu estou a sentir raiva. Eu sinto-me deprimido”. Isso permite que se saiba que é um sentimento temporário, que não é permanente e que pode facilmente mudar para outro estado.


Se

Quantas vezes você murmura: “Se eu conseguisse uma promoção então … Se o dinheiro chegasse, então …”

“Se” apresenta sempre o elemento de dúvida. Dúvida e insegurança não trazem o que você quer, certeza e confiança fazem as coisas acontecerem. Então, ao invés de “se”, simplesmente transforme essa palavra para “quando”

Um discurso mais virado para a ação e vontade própria seria: “Quando eu conseguir o emprego novo …. ”

A palavra “quando” emite e faz ressoar sinais de que você é coerente e comprometido, que acredita que está no caminho certo para alcançar o que pretende.

Deveria

Novamente uma palavra virada para a promessa, mas igualmente insípida. “Eu deveria ligar mais vezes para a minha mãe .” “Eu deveria ir ao ginásio esta noite.” A palavra deveria está repleta de sentimentos de culpa e complacência.

Você sabe que nunca vai fazer isso e se de alguma forma disser a si mesmo que reconhece que deveria fazer uma determinada coisa, que só por isso se irá sentir melhor. Realmente não, isso é uma ilusão, a única coisa que poderá contribuir para sentir-se melhor, é fazer exatamente aquilo que verbalizou que deveria fazer. Nem mais, nem menos, simplesmente fazer.

Substitua a palavra “deveria”, por: “Eu vou fazer…” ou ” Agora tenho de…”

Eu não consigo

Esta é uma daquelas palavras que podem ser polémicas. Todos nós já ouvimos alguém dizer que não há tal coisa como não consigo. Eu não pretendo ser tão radical, porque efetivamente por vezes existem coisas que não somos capazes de fazer. Eu não consigo cantar bem, mas posso cantar. Poder posso, mas sou terrível. No entanto, com muito esforço e dedicação, eventualmente, posso conseguir aprender.

Assim que o seu cérebro ouve a palavra não consigo, ele tira folga. Desliga-se e fica em standby, porque já não tem que encontrar uma maneira de realizar essa tarefa. Se disser, “Eu posso tentar” significa que você abriu um espaço criativo para aprender e explorar novas formas de fazer as coisas.

Quando um atleta me diz: “Treinador, eu não consigo”, a minha resposta é: “Talvez, mas você pode sempre tentar fazer e depois logo se vê se consegue ou não. Faça algo, depois corrigimos e melhoramos o que há para melhorar”.

falar

Desesperado

Quando realmente queremos algo, há uma tendência para anexar a palavra desesperado ao que queremos determinantemente, como se essa palavra incrementasse algum poder no sentido de mais rapidamente alcançarmos o que queremos.

“Estou desesperado para  que ele me chame.” “Estou desesperado para sair daqui.”

O desespero faz com que se desespere ainda mais acerca das coisas. Não é uma palavra atraente, não é uma palavra capacitadora. É uma palavra de urguência sem controlo,  acabando por promover a ansiedade.

Em vez disso diga: “Estou tão animado que acredito que me chamem esta noite.”  “Eu realmente desejo uma transferência para outro lugar e estou pronto para ir!”

Sorte

Esta é uma palavra que raramente utilizo. Eu realmente abomino quando oiço coisas do género:  como ouço muitas vezes dizerem-me: “Você teve sorte em ter um atleta nato para o desporto.”

Eu só quero gritar. Sorte não tem nada a ver com isso. Eu trabalhei e aproveitei o facto de ter a oportunidade de treinar um atleta com características favoráveis para a prática do desporto. No entanto, proposemo-nos a trabalhar para algo que nunca alguém tinha alcançado. Com esforço, dedicação e muita vontade de obter bons resultados. A sorte não teve qualquer influência no sucesso.

Se você atribuir o sucesso de outras pessoas ao fator sorte, estará a fazer duas coisas prejudiciais:

1) Não reconhecer e valorizar todo o trabalho duro que essas pessoas colocaram na sua vida em prol de alcançar o que queriam.

Mas o mais importante:

2) Você está dizendo que não é possível para você. Então você desiste antes mesmo de começar a criar a vida que quer para si. Você acha que só vai acontecer o que quer se lhe aparecer o génio da lâmpada mágica. Isso é uma ilusão. Você pode ter o que quiser, desde que esteja disposto a fazer o que é preciso para obtê-lo.

Dica: Escolha as suas palavras cuidadosamente e em breve você vai perceber o quanto potenciam o que você quer ser, fazer e ter.

Abraço,

Miguel Lucas

Novo usuário?
Comece aqui
Obtenha Grátis o Programa “Diga Não À Depressão”
Obtenha Grátis o Programa “Diga Não À Depressão”

Receba os vídeos gratuitamente no seu email e aprenda como superar a depressão.

Comentários
Avatar for Miguel Lucas
Fernanda S. Lima

Artigo interessante, infelizmente eu costumo muito dizer frases como: – Gostaria que isto mudasse para mim, ou, talvez quem sabe quando vai melhorar, anulando toda a positividade que criei anteriormente.
Mas está de parabéns, gosto dos teus textos, até mais.

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Fernanda,Obrigado pelo comentário.

Devemos esforçar-nos para colocarmos o discurso no presente e na primeira pessoa, virado para a ação e que dependa de nós.

Não se fique apenas pela intenção, execute, não espere, vá ao encontro…

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Fernanda, obrigado pelo comentário.

Agora já tem informação acerca do quão algumas frase e pensamentos nos podem dificultar a obtenção de algumas coisas que queremos alcançar. Está sempre a tempo de poder modificar o diálogo interno, otimizá-lo, melhorá-lo de acordo com aquilo que quer para si.

Força e esperança.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Tiago Pimentel

Muito completo e esclarecedor. Sou adepto de escolher diariamente frases, expressões e questões capacitadoras e tenho apreciado mudanças várias e muito positivas com esta técnica muito simples!
Obrigado pela partilha!

Avatar for Miguel Lucas
Morenafa

Estamos todos de parabéns… pelos artigos aqui publicados. Agradeço
ao Dr. Miguel, pelos textos tão pontuais. Esclarecedores para todos
nós.
Parabéns e Obrigada!

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Morenafa, obrigado pelo comentário.

Fico lisonjeado por reconhecer valor nos artigos da Escola Psicologia. As suas palavras motivam à continuação do projecto de levar conhecimento e esclarecimento psicológico a quem mais precisa.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Diego Carvalho

Excelente artigo Miguel,

o que você relatou em seu artigo é a grande realidade que distingue as pessoas de sucesso das pessoas de fracasso.

Parabéns pelo artigo

Abraço

Diego

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Diego, obrigado pelo comentário.

Sem dúvida, sempre que conseguimos orientar a nossa voz interior e consequentes pensamentos, seguimos alinhados com os nossos objetivos, facilitando a obtenção dos resultados desejados.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Denis

Parabéns, Miguel pelos seus ótimos artigos!
Tenho aprendido bastante com eles, e estou aprendendo a identificar os momentos em que minha negatividade vem me atrapalhando. Mas estou acreditando que vou mudar isso. Obrigado.

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Denis, obrigado pelo comentário.

Fico contente que possa estar a contribuir para a identificação de alguns dos seus gatilhos que lhe fazem disparar a negatividade. Acredito que se mantiver persistente nessa caminhada, acabará por conseguir.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
katia regina

ola dr miguel.venho agradecer-te pois seus textos são ótimos e muito tem ajudado-me. tinha problemas baixa estima.e venho mudando meus pensamentos. gradativamente,meus pensamentos .hj prendi a prestar atenção ao que digo a mim mesma.e tem feito muita diferença na minha qualidade de vida .obrigado que deus o abençoe e multiplique seus conhecimentos ..

Avatar for Miguel Lucas
Carlos Ramos Cabral

Sucesso ser questão de sorte é a desculpa de todo fracassado.
Li uma vez de um pensador: “Dizem que tenho sorte. O interessante é que quanto mais me preparo, mais sorte eu tenho.”
Excelente matéria. Parabèns

Avatar for Miguel Lucas
Marcos Antonio Gomes Cordeiro

É,entender a diferença entre ser e estar é muito importante para conseguirmos evitar que um dia depressivo torne-se uma vida depressiva.

Há dias que eu não quero ver ninguém, mas entendo que não posso deixar minha vida inteira neste estado porque tenho compromissos profissionais.

Mas quando não quero ver ninguém, apenas me recolho.

Avatar for Miguel Lucas
carlos Fereira

A forma como os seus artigos se desenvolvem tem-me permitido um melhor auto-conhecimento e relativização de alguns comportamentos que julgava permanentes.A visão biomédica esteve sempre presente no meu processo de crescimento impedindo-me de progredir em muitas vertentes.Graças a si Miguel e à sua perspetiva da Psicologia Positiva consigo hoje vislumbrar caminhos de desenvolvimento pessoal que rompem claramente com antigos padrões geneticistas e estaticistas.
Obrigado Miguel

Avatar for Miguel Lucas
Mônica Gomes

Olá Miguel, quero parabenizá- lo pelo maravilhoso trabalho. Seus artigos me fazem muito bem, aprendo muito com cada um, e isso me ajuda muito uma vez que já me encontro em terapia psicológica. O trabalho, a faculdade, a vida social, a vida familiar e a convivencia com os amigos, em tudo me ajuda e faz bem. Gosto muito de ler seus artigos. FELIZ ANO NOVO, em 2013 quero colocar em prática mais ensinamentos dos seus artigos e vídeos.

Avatar for Miguel Lucas
Rodrigo

Me ajudou muito que Deus te abençoe ainda mais neste seu dom maravilhoso!

Avatar for Miguel Lucas
Débora Regina

Tenho acompanhado seu excelente trabalho e acho espetacular a maneira como você nos ajuda a refletirmos melhor sobre nossas vidas e atitudes, para assim melhorarmos cada vez mais como pessoas e profissionais. Obrigadaço com aço!!!!
beijos de luz.

Avatar for Miguel Lucas
Paulo

Que artigo maravilhoso Miguel, tomei posse… foi como se você estivesse falando diretamente pra mim! Muito bom! Abraços, Paulo Fernando.

Avatar for Miguel Lucas
Diogo

Gostei dos seus textos! VOU mudar meus pensamentos e atitudes! Só que vc se contra diz quando escreve que temos que trocar os termos: " Eu não consigo" por "Eu vou tentar" e o "Desesperado" por "Eu realmente desejo…" Vc primeiro diz que devemos parar de dizer "tentar" e "desejo" e depois substitui outros dois termos por essas palavras. Eu não consegui entender o que vc tentou dizer, desejo mudar para tirar esses desespero de mim, melhor VOU mudar! Grato!!!

Avatar for Miguel Lucas
Marilza

Oi Diogo, também tive a mesma duvida que vc. Mas depois de ler e reler, entendi que aí ele está querendo dizer no sentido da ação. Ou seja, um "desejo" que necessita da sua ação pra se realizar e concretizar, por exemplo "desejo mudar de emprego" então aja para que isso aconteça, e um "desejo" que independe da sua ação, por exemplo "desejo que ele melhore a sua saúde". Algumas coisas podem estar sob o seu controle para que aconteçam satisfatoriamente e outras não, mas que vc também gostaria que acontecesse.

Avatar for Miguel Lucas
Maria Helena

Muito bom os seus textos, estão me ajudando muito…

Avatar for Miguel Lucas
Rian

Falar em voz alta para si mesmo em público não é sinal de uma boa saúde mental…

Essa parte do texto me preocupou, eu falo sozinho e em voz alta, tem se tornado algo frequente…

Sera que é indicio de algum problema psioclogico??

Avatar for Miguel Lucas
maria mariosa

Boa tarde!!
Faço um trabalho com dependentes quimicos,junto com um grupo. E ler estes artigos tem me ajudado bastante. Obrigada por disponibilizar artigos tão imortantes, que nos orienta, para que a gente possa fazer um trabalho cada vez melhor!

Avatar for Miguel Lucas
Mel

Ola
Gostei muito do artigo, acho k precisava de algo assim p mudar de vez com certas atitudes n vida.sempr fui ou tentei encarar as dificuldades da vida d forma positiva,dizendo p mim mesma que tudo vai melhorar. Mas ate certo ponto perdi esa capacidade. agora estou no processo de resgate. com este artigo estou mais firme, pk sei k fzia p fzr agora vejo k e algo cientifco e k d facto devo continuar com firmeza. importa citar k na minha opiniao, a autoestima joga papel importante neste processo pois com autoestima melhorada estamos mais confiantes nas nossas capacidades,potencialidades. Quem tem autoestima acredita k tudo pode conseguir basta acreditar e agir nesse sentido. Pensar positivo sempre cria bem enorme para a vida, relacoes c outros, da nos a chance de olhar a janela aberta kuando a porta k tanto batemos nao se abre e por ai encontrarmos uma saida.Obrigada e Parabens

Avatar for Miguel Lucas
Laiza

Que artigo foi esse! Um dos melhores aqui já publicados, sou uma pessoa extremamente impulsiva,que sofro com antecedência e já tinha conhecimento de alguma palavras que aqui foi colocada mas não consigo pensar antes de falar + , de agir. Gostaria tanto de colocar essas maravilhosas palavras em prática!
Laiza

MUITO OBRIGADA!!!!

Avatar for Miguel Lucas
vladi

Ótimo assunto, ótima matéria!

Avatar for Miguel Lucas
andre soares

Eu acho que não pode ser tão preto no branco assim. Isso tudo é relativo. Existem fatores externos que não controlamos e que vão influenciar o resultado. Conheci muita gente que jamais usava esse "tentar", sempre dizia "vou fazer…", "vamos obter…", sem jamais honrar tais compromissos. Há uma falsa predisposição naquele que não admite que está num intento, mas sim supõe ser senhor do resultado.

Há sempre um imponderável, cujo peso no resultado pode sim ser mitigado ao máximo com todo o esforço e desenvolvimento pessoal que propõe.

Avatar for Miguel Lucas
Juliana Braga

Excepcional o texto. Começarei agora mesmo a ter mais consciência de minhas palavras. Muito obrigada pela leitura!

Avatar for Miguel Lucas
adriana

Excelente texto, rico em informações. Lamentavelmente somos aquilo que o feitiço das palavras fizeram em nós (pais, professores, amigos, esposos(as). Por isso disse o grande Ruben Alves: vamos raspar a tinta e nos livrar da realidade sapal. Assim, aprendemos. Vamos repetindo o que aprendemos sem saber do perigo e do "feitiço" das palavras. Estou plenamente convencida da veracidade desse texto que deveria circular mais vezes para ensinar mais e mais. Gratidão!

Avatar for Miguel Lucas
Austelino

Boas dicas para melhorar o estilo de vida. Muito obrigado.

Avatar for Miguel Lucas
Robert

Realmente nao acho mas sim tenho a certeza que esse texto me ajudou e continuara me ajudando

Avatar for Miguel Lucas
Guaraci

Adorei ler este artigo. Muito bom!

Avatar for Miguel Lucas
aderssi

Nossa esse artigo e muito bom me ajudou muito Um dos melhores sou uma pessoa extremamente impulsiva,que sofro com antecedência e não tinha lido algo assim tão esclarecedor
esta de parabéns más Parabéns mesmo Miguel pelos seus ótimos artigos

Avatar for Miguel Lucas
Dinalva

Amei o artigo, muito bom e enriquecedor.
Eu acredito que estas palavras tem um significado positivo e podem fazer a diferença para nossas conquistas, devemos treinar bastante para mudar certos comportamentos "aprendidos", culminando com traços de personalidades, que podem ser altruístas ou pessimistas (negativo).
Excelente contribuição, obrigada.

Avatar for Miguel Lucas
Lorena.

Muito vaioso aprender coisas que possam i fluenciar em nossa vida de forma positiva.
No dia a dia a gente se sabota muiyas vezes com o mau uso das palavras.
Gostaria de receber mais artigos.
Parabéns.

Avatar for Miguel Lucas
marta

Miguel parabéns esse foi o melhor artigo que já li estou me deleitando nele, abrigada.

Avatar for Miguel Lucas
ELIEDSON

Realmente palavras tem poder por isso devemos escolher BEM as que vamos usar no nosso dia-dia.

OBRIGADO.

Avatar for Miguel Lucas
Rita

Que artigo esclarecedor, me ajudou muito! Obrigada Dr. Miguel por essas postagens, com certeza muitas pessoas serão ajudadas através dos seus artigos.
Que DEUS continue lhe abençoando com muita sabedoria.

Avatar for Miguel Lucas
Aires prenda

Na realidade, encontro- me preso num vício que me mata a cada dia que pasa. Estou morrendo aos poucos! Esta matéria é como água no deserto. Obrigado.

Avatar for Miguel Lucas
izabel debus

não te conheço mais já tenho grande adimiraçao ;.sabedoria emocional e raro,e e disso que o mundo precisa,obrigado/

Avatar for Miguel Lucas
Vitor

interessante obrigado to fazendo um poema

Avatar for Miguel Lucas
Vitor

estou fazendo poemas sobre virtudes

muito obrigado

Avatar for Miguel Lucas
Simony

Sempre aparece uma voz na minha mente me dizendo para desistir de tudo e me matar. É terrível e eu sei disso, eu luto para não dar atenção as coisas que surgem na minha mente em momentos ruins e é muito difícil. Eu quero um emprego, ter mais amigos, ser feliz sem precisar do dinheiro de ninguém (ou melhor do meu pai) e eu não consigo. Viu? Eu fico dizendo o tempo todo não consigo.

Avatar for Miguel Lucas
Fabrício

Simony! Você precisa ser forte e saber que é mais forte que tudo isso que te atordoa! Eu não sou psicólogo, mas te dou um conselho: A SUA EXISTÊNCIA NÃO É INERTE! VOCÊ É IMPORTANTE!!!!!!!!! Você foi presenteada com a dádiva da vida, você também faz parte do mistério do universo. Olhe no espelho e veja que você vale a pena. NÃO DESISTA NUNCA! Enviando pensamentos positivos para você!!!! VOCÊ CONSEGUE!

Avatar for Miguel Lucas
Rita de Cássia

Parabéns pela sua generosidade de compartilhar seus conhecimento,estou na lutar para pará de fumar e me sentia desaminada e desesperada. Mas agora estou confiante que encontrarei um caminho.

Avatar for Miguel Lucas
Paulo Victor

Muito bom, nunca vi um material tão esclarecedor como o seu, gostaria de aprender mais, estou aberto a indicação de livros, cursos e artigos. Aguardo resposta!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *