Como manter o equilíbrio emocional face às adversidades da vida?
Psicologia Positiva 22/09/2016

Como manter o equilíbrio emocional face às adversidades da vida?

Miguel Lucas Publicado por Miguel Lucas


Escrevo este artigo enquanto decorrem os Jogos Olímpicos do Rio 2016. Não podia existir melhor cenário para entendermos que a necessidade de um enorme equilíbrio emocional é necessário para colocar em competição o melhor que cada atleta tem dentro de si. No entanto, este é um evento onde os atletas vão participar numa situação vantajosa, onde se apresentam motivados pela ideia de irem concretizar num desempenho quatro anos da sua dedicação diária. Onde se vão desafiar a si mesmos, tentando levar para os seus países os melhores resultados possíveis. Mas se até à véspera da competição os Jogos são encarados com um espírito positivo, o que dizer, após o descalabro que alguns atletas vão viver. A deceção, o fracasso, a falha, a lesão, o orgulho ferido, a esperança de um pais deitada por terra. Como superar a desilusão? Como manter o equilíbrio emocional perante a adversidade da vida? Todos, sem exceção, debatemo-nos em algum momento das nossas vidas com a adversidade. Vimos a nossa zona de conforto ser abalada, os objetivos a caírem por terra, os nossos pensamentos ficam confusos, instalam-se pensamentos negativos e emerge algum tipo de sofrimento.

Na sequência do sofrimento, seja por perda, por desilusão, por fracasso, por abalo, por trauma, é muito comum sofrer-se de algum tipo de ansiedade, ou noutros casos instalar-se um estado deprimido. Estas são reações normais e comuns na presença da adversidade, e podem ser funcionais e adaptativas, mas apenas o tempo necessário para perspetivar um caminho para a solução. Claro que cada pessoa reage de formas diferentes. Mas certamente muitos de nós, podemos ficar presos em comportamentos, sentimentos e pensamentos que em nada contribuem para o reequilíbrio emocional. Perante as dificuldades da vida, algumas das nossas formas de lidar com a adversidade são muito mais destrutivas e prejudiciais do que assertivas e funcionais.

controle emocional

Apresento em seguida seis passos para promover o equilíbrio emocional perante as adversidades da vida:

DÊ TEMPO A SI MESMO PARA PROCESSAR OS ACONTECIMENTOS

Quando você se depara com a adversidade, é importante ocupar algum do seu tempo para processar o que está acontecendo. Algumas pessoas vão dizer-lhe para esquecer e seguir em frente. Para levantar a cabeça, que o que lá vai, lá vai. Mas, se você tentar seguir em frente imediatamente, sem reflexão, sem analisar os seus sentimentos e pensamentos, o que eles lhe transmitem, e qual o impacto que isso pode ter em si, na sua vida e na forma como vai passar a olhar o mundo ou situações futuras, certamente não será benéfico. Pode demorar um dia. Pode levar uma semana. Pode levar um mês. Mas o importante é ter o seu tempo de reflexão, análise e leitura do sucedido.

A chave, é certificar-se de que retém-se nessa análise apenas o tempo suficiente para perspectivar um caminho. Ficar recorrentemente num ciclo de avaliações, ou emaranhado nos acontecimentos à espera que melhores dias apareçam, pode fazer com que você fique mentalmente paralisado e incapaz de seguir em frente.

EVITE REAÇÕES DESCABIDAS

Quando você atinge um grande revés é inevitável que tenha algum tipo de reação. Usualmente podemos ter reações a quente, que nos protejam e nos retirem sofrimento. Ou por outro lado, podemos passar ao ataque, culpabilizando outros, ou descartando responsabilidades. Cada caso é um caso. Cada situação demandará certamente um tipo de resposta de acordo com a nossa forma de ser, ou de olhar a situação no momento. Por isso, a ideia que pretendo transmitir, é que você consiga usar a seu favor o que descrevi no primeiro ponto, para que possa evitar qualquer reação impensada. Abordei este assunto de forma mais aprofundada no artigo: Como desenvolver equilíbrio emocional.

DEIXE DE RESISTIR ÀS CIRCUNSTÂNCIAS

Você provavelmente já ouviu as palavras “o que você resiste, persiste.” O que aconteceu, aconteceu. Aquilo em que nos focamos expande-se. Se você ficar detido nas circunstâncias adversas que lhe aconteceram, mais tempo do que aquele que expliquei no ponto um, a vida pode tonar-se num tormento. Você é colhido pelo passado, e aí pode ficar retido, condicionando o seu presente e assombrando o seu futuro. É necessário encarar as deceções, e superar algum sentimento de culpa para que não entre numa espiral negativa e enraíze uma mentalidade de vítima acerca do seu revés. Ficar paralisado pelo passado corta o seu fluxo de vida e faz revivê-lo uma e outra vez, impossibilitando uma mudança benéfica.  Aprofundei o assunto no artigo: Viva o presente. Não se paralise pelo passado.


CONSIDERE AS POSSIBILIDADES

Ao fazer a si mesmo algumas perguntas simples, um mundo de opções se abrirão para você: “O que é possível?” ou “O que posso fazer?” Ao perguntar o que é possível, você abre-se à possibilidade, coloca-se num cenário positivo, construtivo e capacitador. Você permite-se perspetivar um caminho virado para a solução. Coloca-o numa posição de monitorizar as possibilidades que se vislumbrem, ou melhor, você próprio coloca-se num estado de recursos que promove a criação de uma possibilidade. Pode emergir então um cenário em que você decide criar a solução mais adequada.  Aprofundei este assunto no artigo: Construa o seu futuro.

OLHE PARA OS SEUS RETROCESSOS

Se há uma coisa que a minha experiência desportiva me ensinou e, fui posteriormente reforçando essa ideia nas consultas de psicologia com os meus clientes, foi que: a vida flui e reflui, tem altos e baixos. Às vezes as condições são fantásticas. Às vezes, eles são uma porcaria. Um dia batem-se recordes, noutro dia fracassa-se. No entanto, esta fluidez de avanços e recuos permite que possamos aprender com os erros e falhas. Permitem-nos também que possamos aceitar as perdas, que possamos aceitar que somos falíveis. Que tudo muda. Que nada é constante. E que, tal como referi no ponto anterior, existe um mundo de possibilidade sempre prontas a serem concretizadas. Quando você está tentando restabelecer o seu equilíbrio, quando se desafia a si mesmo, quando pretende mudar a sua vida para melhor, por vezes, os recuos, dificuldades e adversidades fazem parte do processo que permite construir o percurso do seu sucesso.

AVANCE, MESMO PERANTE A DIFICULDADE E PERSISTA

Muitos são os exemplos que podemos retirar quando analisamos as pessoas bem sucedidas. Estas pessoas demonstram uma caraterística que as define como persistentes. Perante a adversidade mantêm o foco nos objetivos traçados, quando a grande maioria das pessoas desistiria. Eles avançam, mesmo sentido os grandes obstáculos que encontram pelo caminho. Mantêm os olhos na recompensa desejada. Têm uma perspetiva de longo prazo.

“Para me manter no topo tenho de sofrer dores físicas, tenho de abdicar de muitas coisas, na minha vida pessoal. Tudo para poder treinar e estar disponível para um objetivo que é a minha paixão: o triplo-salto.” – Nelson Évora, Campeão Olímpico do triplo salto em Pequim, 2008. Em entrevista à visão.pt

Ao manter a resiliência diante da adversidade, você será capaz de navegar nas águas turbulentas da vida. Abordei aprofundadamente este assunto no artigo:  Porque razão desistimos dos nossos objetivos?

PALESTRA EM VÍDEO

Se ao longo da sua vida tem vindo a ter problemas emocionais, pessoais ou psicológicos porque tem dificuldades em ter equilíbrio emocional, pondere adquirir a minha Palestra em Vídeo: Motivação, Equilíbrio Emocional e Felicidade. Você irá ficar com uma noção do que é o equilíbrio emocional, o que fazer para regular as suas emoções e como obter força emocional para lidar com as adversidades da vida. Você ficará ainda a saber implementar estratégias para promover a sua felicidade. Não perca esta oportunidade, e veja a sua motivação, felicidade e bem-estar a serem potenciados!

Abraço,

Miguel Lucas

Novo usuário?
Comece aqui
Baixe Grátis o e-book “Seja Um Vencedor”
Baixe Grátis o e-book “Seja Um Vencedor”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.

Comentários
Avatar for Miguel Lucas
Criar

Belo artigo! Uma das coisas que tenho feito de um tempo pra cá é não tomar atitudes imediatas, sempre penso antes de falar ou fazer algo, se você pensa antes fica muito mais fácil de “digerir”.

[]’s

Avatar for Miguel Lucas
REGINA.

GOSTO DE TUDO QUE VOCÊ ESCREVE, LEIO TUDO, POIS TENHO DEPRESSÃO E SOU BIPOLAR, ISSO ME AJUDA MUITO. OBRIGADO.

Avatar for Miguel Lucas
claudio lucio da penha

as pessoas estão doentes e alienadas com as adversidades da vida é por isso que o mundo ta do jeito que ta!! precisamos ter a mente renovada, não sou religioso mas li isso na biblia no livro de romanos 12:2 muito bom!!

Avatar for Miguel Lucas
Patrik

Gostei da matéria que li, estou em meio relacionamento complicado e pessoa está muito confusa, fico
muito ansioso em inventar alguma coisa que possa agradar e de modo que não me sinta culpado e nem com sentimentos de perda, mas quando mando alguma mensagem e retorno não vem fico mais ansioso ainda e decepcionado, ai sofrimento se torna uma constante.
Sei que preciso dar tempo ao tempo seguir minha vida e deixar que pessoa sinta minha falta, mas estou inseguro.

Avatar for Miguel Lucas
Fama

Parabéns! Sem duvida este seu trabalho ajuda muita gente.

Avatar for Miguel Lucas
SILVONEY HERCULANO DA SILVA

GOSTARIA MUITO DA AJUDA DE TODOS VOCÊS, TRABALHO EM UMA EMPRESA EM QUE PERCEBI QUE UMAS PESSOAS ESTÃO FALANDO MAL DA MINHA PESSOA, PROCURO SER EU MESMO DANDO ATENÇÃO PRA TODOS SENDO GENTIL COM TODOS, PROCURO RESOLVER OS PROBLEMAS DE TODOS QUE ME PROCURAM, DEIXO OS MEUS PRA RESOLVER OS DOS OUTROS, MESMO ASSIM TEM SEMPRE PESSOAS QUE FALAM MAL DE MIM, E AINDA MAIS TEM UMA PESSOA QUE TEM UMA MESA AO LADO DA MINHA, SÓ DEUS NA CAUSA, SEI QUE PACIÊNCIA TEM LIMITES E EU ACHO QUE A MINHA JÁ ESTA SE ESGOTANDO. ELA CONSEGUIU DE CARTAZISTA PRA TELEVENDAS AO MEU LADO. NÃO SEI O QUE FAÇO, ACHO QUE MEU TAPETE TA COMEÇANDO A SE MOVER EI NÃO. MUITO OBRIGADO POR RECEBER ESTE E-MAIL. ABRAÇOS DE SILVONEY HERCULANO. COSTA RICA MS

Avatar for Miguel Lucas
Henriques Troco

grande artigo sobre a manutenção da manter bem alto a autoestima

Avatar for Miguel Lucas
ANDERSON SILVINO

Pois é na vida e assim mesmo algumas pessoas não se contentam em ver alguem que se da bem com as outras ,pessoas as vezes por falta de habilidafes em conviver em sociedade é dificil mas enfim vida que segue.

Avatar for Miguel Lucas
Carolina vasconcellos

Orei bastante, não me enviaram a cura mas um anjo, este anjo é você! Obrigada pelos artigos gratuitos! Estão me ajudando muito nesse pesadelo em que vivo. Você não imagina o bem que está fazendo.

Avatar for Miguel Lucas
lucia

estou muita dificuldade em tudo fico em casa ne sinto triste depremida me sentindo um lixo nada faz sentido pra mim presisomudar mascomo nao sei qual e o caminho queria tanto trabalhar arrumar um emprego mas tudo que arrumei foi casa de familia sofri muito decidir que nao vou mais trabalhar em casa de familia me humilharam nao tive recompensa nem reconhescimento fasia horas estras nunca recebi nada por iso so trabalho nada mais chega basta nao queromais este tipo de emprego para mim me fas sofrer me sinto um tapete eu desejaria mudar mas como fiz ate segundo grau nao especializei em nada por favor se for pedir dinheiro ja adianto que nem trabalho tenho nao sei nem do que quero trabalhar de hoje emdiante espero que este vedeo me ajude nao aquento mais a pressao

Avatar for Miguel Lucas
Karol

Estou enfrentado problema enorme, mas quero te dar uma palavra porque passei pelo mesmo que você, pelo menos 15 anos da minha vida, hoje tenho 43. decidi que queria mudar, voltar a estudar, depois de 6 meses meus patrões não aceitaram, voltaram atrás , mandaram decidir ficar lá ou estudar, não tinha pra onde ir eles achavam que eu ia desistir e continuar lá, a unica pessoa que eu tinha neste estado era meu namorado uns 4 meses de namoro, e uma amiga de trabalho que tinha uma casa e me ofereceu pra eu ficar enquanto me ajeitava, fiquei morando lá 2 anos, durante este período, estudando, reformulei meu curriculo, trabalhei num shoping como vendedora 8 meses e fiz vestibular 2 x passei pra pedagogia, pra muitos pode não ser nada, mas pra mim foi, depois me casei, na faculdade consegui um estagio de 2 anos no tjce trabalhava 4 hs e ganhava mil reais, estudava , cuidava da minha filha sozinha, pois meu marido não tinha muito tempo trabalhava das 3 da manhã as 3 da tarde, já me formei, mas ainda continuo na luta, ainda não trabalho por não ter quem fique com minha filha de 7 anos, mas sei que vai dar certo. siga em frente na sua decisão, trace planos e objetivos, decida o que vc quer e mantenha o foco nisto, foi assim que fiz pra sair dessa vida de humilhação.Você também vai conseguir.

Avatar for Miguel Lucas
Dalila

Esses artigos são ótimos, já li sobre o medo, e sobre a auto-estima, e estar me ajudando a cada dia….
Gostaria que me indicasse alguns livros para ajudar mais..

Obrigada…

Ahh… Parabéns pelos artigos…..

Avatar for Miguel Lucas
Sergio

Muito bom o texto ..
Tem fazes na vida que tudo parece desmoronar.
Muito importante analisar os erros aceitar as perdas e ter
força pra construir novos caminhos,
criar pensamentos positivos,
mesmo quando parece impossivel….
Acho q quando mais adversidades agente
passa mais evoluimos…

Obrigado pelo texto veio na hora certa ….

Avatar for Miguel Lucas
HELCIO GONÇALVES DA SILVA

NOSSA CAPACIDADE DE AVANÇAR QUANDO TUDO INDICA RECUAR É NA RAZÃO DIRETA DA NOSSA CAPACIDADE DE CRIAR ALTERNATIVAS DIANTE DE UM OBSTACULO TIDO COMO INTRANSPONIVEL.

HELCIO GONÇALVES DA SILVA

Avatar for Miguel Lucas
HELCIO GONÇALVES DA SILVA

OS OBSTACULOS SÃO TROFEUS PARA OS CORAJOSOS POIS SOMENTE OS COVARDES SE CURVAM DIANTE DE UM OBSTACULO

MAS VEJA VOCE UM COVARDE PODE SE TORNAR UM HEROI EM CERTAS CIRCUNSTANCIAS.

É DO HOMEM O CAMINHAR MAS NÃO É DO HOMEM O DESTINO
.
HELCIO GONÇALVES DA SILVA

Avatar for Miguel Lucas
Daniela

Será que o equilíbrio é o que nos satisfaz? Tem uma reflexão legal aqui: http://www.tantasmulheres.blogspot.com.br/2015/07/equilibrio.html

Avatar for Miguel Lucas
adilson

parabens isso ajudou muito eu gostei muito

Avatar for Miguel Lucas
anonimo

Sinto-me desligada da realidade, é como se minha mente estivesse vagando pelo infinito, precisando que alguém me puxe. passei e estou passando por situação muito extrema, por falta de equilibrio num momento que enfrentava grandes desafios pessoais que eram pra me fazer muito feliz, conseguindo concluir minha graduação, houve um furto em minha casa e perdi arquivos importantes no desespero falei o que não devia estou sendo intimada, pois não tinha como provar o que falei, me formei, mas de lá pra cá, já faz um ano perdi a capacidade de seguir em frente e encontrar o foco das coisas, convivo com frequencia como os mesmos, passei ameaças, entrei em panico, tenho dificuldade até em sair de casa, tenho uma criança e já não me sinto mais capaz de cuidá-la. o que devo fazer para que ela não sofra? preciso de ajuda.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *