Saiba como lidar com a depressão
Terapias Psicológicas 22/09/2016

Saiba como lidar com a depressão

Miguel Lucas Publicado por Miguel Lucas

A depressão é um transtorno de humor que drena a sua energia, esperança e ânimo, tornando-se difícil fazer o que você precisa para se sentir melhor. Ainda que ultrapassar a depressão não seja uma tarefa fácil e muito menos rápida, está longe de ser impossível. Ainda que a sua força de vontade jogue um papel fundamental para a sua melhoria, se a sua depressão for severa ou já durar à mais de dois meses, provavelmente necessita de uma abordagem estruturada e de alguma forma de ajuda.

Como já referi no artigo: O que é a depressão: sintomas, causas e tratamento, você pode fazer uma enorme diferença para aprender a lidar com a depressão, através de mudanças de estilo de vida simples: fazendo exercícios diariamente, evitando a necessidade de se isolar, desafiando as vozes negativas na sua cabeça, comer alimentos saudáveis, e encontrar tempo para descansar e relaxar.

Sentir-se melhor leva tempo, mas você pode chegar lá se fizer escolhas positivas para si mesmo todos os dias e contar com o apoio dos outros. Na verdade, a depressão não é uma doença, como é por exemplo a diabetes,  encare a sua depressão como um estado deprimido que pode ser alterado através de um conjunto de estratégias e ferramentas que deve aplicar no seu dia a dia.

O caminho para a recuperação da depressão

Para recuperar da depressão aplicando as ferramentas que incluo nos programas de tratamento  da depressão  através da  Terapia Cognitivo-comportamental com base na Mindfulness e Aceitação, você deve fazer uma Ativação Comportamental, que não é mais do que passar à ação.

No entanto agir, voltar a fazer um conjunto de coisas que provavelmente deixou de fazer e que lhe parecem agora um tormento, é exigente. É exigente porque a pessoa no estado deprimido encontra-se com a vontade paralisada, iniciar uma ação mais parece um trabalho de hércules.

Na verdade, só de pensar as coisas que você deve fazer para se sentir melhor, como ir fazer uma caminhada ou gastar tempo com os amigos, pode ser desgastante. É o paradoxo da recuperação da depressão. As coisas que mais ajudam, são as coisas que são mais difíceis de fazer. Mas há uma diferença entre difícil e impossível. Não perca a esperança, a recuperação é possível quando abordada com estratégia e conhecimento.

Comece aos poucos e mantenha-se focado na estratégia

A chave para a recuperação da depressão é começar com algumas metas pequenas e lentamente construir o seu programa a partir daí. Comece com os recursos que tiver à sua disposição. Você pode não ter muita energia, mas provavelmente você tem o suficiente para fazer uma pequena caminhada à volta do seu prédio ou pegar o telefone para falar com um amigo.

Escolha alguém de confiança que conviva diariamente consigo. Peça-lhe para o convidar a sair de vez em quando, peça-lhe que lhe pergunte se tem caminhado, se tem ido às compras, se tem lido o jornal. Essa pessoa pode funcionar para si como um “auxílio” de monitorização.

No inicio não exija demasiado de si, possivelmente não fará tudo aquilo a que se propõe, não tem problema, mantenha-se firme, leve as coisas um dia de cada vez e recompense-se por cada realização bem sucedida.

Os passos podem parecer pequenos, mas eles vão permitindo implementar alguma dinâmica. Aos poucos por cada ação concretizada e energia gasta (aquela que parece não ter) irá aumentar o seu ânimo, você pouco a pouco irá sentir os seus níveis de energia aumentarem.

Passos para a ação nº1: Construa relações de suporte

Obter o apoio que você necessita desempenha um grande papel no alívio da depressão. Tentar recuperar da depressão por si mesmo pode transformar-se num fardo pesado, pode ser difícil manter a perspectiva e sustentar o esforço necessário para vencer a depressão.

Mas a própria natureza da depressão torna difícil à pessoa que sofre ter a clareza de pensamento necessária para pedir ajuda. Desta forma, alerto para o facto de tentar desafiar esse sentimento de isolamento, o isolamento e a solidão são sintomas da própria depressão.

Se tiver este tipo de pensamento, desafie-o, é importante para si promover os relacionamentos íntimos e as atividades sociais. O pensamento de ter que se relacionar com os familiares mais próximos e amigos pode parecer esmagador. Você pode sentir-se envergonhado, exausto demais para falar, ou culpado por negligenciar o relacionamento. Lembre-se que isto é a depressão a falar. As pessoas que gostam de si preocupam-se consigo e querem ajudá-lo.

Proponha-se a fazer o seguinte:

  • Ligue para os amigos e membros de confiança da sua família. Compartilhe o que você está passando com as pessoas que você ama e confia. Peça ajuda e o apoio de que necessita. Você pode ter abandonado e desinvestido dos seus relacionamentos mais próximos, mas essas são as pessoas que o podem ajudar a ultrapassar o problema da depressão.
  • Tente envolver-se em atividades sociais, mesmo que você não sinta impulso para isso. Quando você está deprimido, sente-se mais confortável ficando sem fazer nada, recolhendo-se para dentro de si mesmo. Mas, com o passar do tempo, estar perto de outras pessoas fará você sentir-se menos deprimido.
  • Se possível junte-se a um grupo de apoio para a depressão. Estar com outras pessoa que estão lidando com a depressão pode ser uma forma eficaz de reduzir a sua sensação de isolamento. Você também pode incentivar os outros, dar e receber conselhos sobre como lidar com depressão, e compartilhar suas experiências.

Algumas formas para promover a Ativação Comportamental e construir relações de suporte:

  • Fale com alguém da sua confiança acerca dos seus sentimentos
  • Vá tomar café ou lanchar com um amigo
  • Peça a alguém chegado que entre em contacto consigo regularmente
  • Saia com alguém para ir ao cinema, teatro ou para dar um passeio
  • Telefone a um amigo
  • Agende um jantar semanal
  • Conheça alguém novo, inscrevendo-se num curso ou num clube
  • Confie num psicólogo, padre ou conselheiro

Passos para a ação nº2: Cuide de si mesmo

A fim de superar a depressão, relembre-se, você tem que cuidar de si mesmo. Isto inclui tempo para fazer coisas que você gosta, pedindo ajuda aos outros. É importante que estabeleça limites  para o que você se propõe e é capaz de fazer, adotando hábitos saudáveis, e agendando atividades divertidas para o seu dia.

Faça coisas que gosta (ou que gostava de fazer)

Como já tinha referido anteriormente, um dos sintomas muito incapacitantes da depressão é a paralisia da vontade , acresce ainda o facto da pessoa não sentir prazer em grande parte das atividades que usualmente tinha e gostava. Tendo isso em mente, sabendo que você não consegue forçar-se a ter prazer no divertimento usual, você pode optar por fazer as coisas que se lembra que gostava e lhe davam prazer. Seja um hobby antigo ou um esporte que você gostava. Expresse-se criativamente através da música, arte, ou escrita. Saia com os amigos. Faça uma viagem a um museu, às montanhas, ou à praia.

Desenvolva um conjunto de ferramentas de bem-estar

A depressão tem um enorme impacto no dia-a-dia da pessoa, aos poucos a vida deixa de fazer sentido e com este sentimento em mente, a pessoa vai-se despojando de tudo o que a fazia sentir-se bem. A paralisia da vontade e a Anedonia (ausência de prazer generalizado) instituem-se como um grande entrave à recuperação.

A pessoa com depressão deve tentar perceber que este estado mental depreciativo sobre a vida, deve-se em grande parte à desativação comportamental derivado do seu estado deprimido. Então o que fazer?

Apresento em seguida uma lista com algumas coisas que você pode fazer para o ajudar a ganhar impulso e melhorar o seu humor mais rapidamente. Deverá  começar por incluir todas as estratégias, atividades e habilidades que o têm ajudado no passado.

Quanto mais “ferramentas” tiver para lidar com a depressão, melhor. Experimente aplicar algumas dessas ideias no seu dia-a-dia, mesmo que você não esteja a sentir-se bem.

Proponha-se a fazer o seguinte:

  • Passe mais tempo na natureza
  • Leia um bom livro
  • Veja programas de TV ou filmes de comédia
  • Tome um bom banho (tente apreciar esse momento)
  • Oiça música que goste
  • Envolva-se em algumas pequenas tarefas
  • Escreva no seu diário
  • Faça algumas coisas espontâneas
  • Vá a um centro de massagens
  • Relembre-se do que gosta em si

Motive-se  para fazer coisas, mesmo quando não lhe apetece (e isto será o mais provável). Você pode ficar surpreendido com as suas melhorias assim que começar a activar-se. Mesmo que a sua depressão não alivie imediatamente, você irá gradualmente sentir-se mais animado e enérgico à medida que vai tendo iniciativa para as atividades lúdicas.

Adote hábitos saudáveis de vida

  • Durma o tempo suficiente (em média oito horas de sono). A depressão geralmente envolve problemas de sono. Se você está dormindo pouco ou muito, o seu humor será afetado com isso.  Aprenda alguns hábitos saudáveis do sono: 6 dicas para melhorar os seus problemas de insónia.
  • Exponha-se a um pouco de sol todos os dias. Falta de luz pode fazer a depressão piorar. Verifique se você está recebendo o suficiente. Dê uma caminhada ao ar livre, beba o seu café no exterior, desfrute de uma refeição ao ar livre, leia o jornal no banco do parque, ou sente-se um pouco no jardim.
  • Pratique técnicas de relaxamento. A prática do relaxamento diário pode ajudar a aliviar os sintomas da depressão, reduzir o stress e estimular sentimentos de alegria e bem-estar. Pode praticar yoga, respiração profunda, relaxamento muscular progressivo, ou meditação.

Alivie os sintomas da depressão gerindo o stress

O stress faz-se sentir sempre que os desafios da vida são superiores à nossa capacidade de resposta. A acumulação de stress lesivo pode prolongar e agravar a depressão, mas também pode contribuir para o seu aparecimento. A fim de superar a depressão e ter a sua vida de volta, é essencial aprender a minimizar e a combater o stress.

  • Identifique os seus stressores. Tente descobrir todas as coisas que na sua vida possam estar a provocar-lhe stress em exagero. Os exemplos incluem: sobrecarga de trabalho, relações conflituosas, abuso de substâncias, esforçando-se em demasia, ou problemas de saúde. Depois de identificar os seus stressores, você deve  fazer um plano para evitá-los ou minimizar o seu impacto.
  • Vá com calma. Muitas pessoas deprimidas são perfeccionistas, propondo-se a padrões elevados e difíceis de atingir, sendo que quando não os conseguem alcançar, geram sensações depreciativas acerca delas mesmo. Diminua esta fonte de stress auto-imposta, desafiando os seus padrões de pensamento negativo.
  • Planeje com antecedência. Se você conhecer os gatilhos e limites do seu stress, certamente será capaz de identificar e evitar muitas situações incapacitantes e angustiantes. Se você perceber os problemas que irá ter  pela frente, proteja-se accionando algumas da coisas da sua caixa de ferramentas de bem-estar (descritas anteriormente) e dizendo “não” a responsabilidades acrescidas.

Passos para a ação nº3: pratique atividade física regularmente

Quando você está deprimido, muito provavelmente a  atividade física pode ser a última coisa que lhe apetece fazer. Mas o exercício físico é uma ferramenta poderosa para lidar com a depressão. Na verdade, estudos mostram que exercícios regulares podem ser tão eficaz como a medicação antidepressiva em níveis crescentes de energia e diminuir a sensação de fadiga.

 A atividade física liberta um conjunto de químicos na corrente sanguínea, nomeadamente, endorfina, aumentando a sensação de bem-estar, reduzindo ainda a sensação de  stress e aliviando a tensão muscular. Todas estes benefícios  têm um efeito positivo no tratamento da depressão.

Para obter o máximo benefício da prática do exercício físico, deve pelo menos dedicar-se a  30 minutos de exercício por dia. Mas não necessita começar logo com 30 minutos, pode começar de forma progressiva. Caminhadas curtas de 10 minutos  podem ter um efeito positivo sobre o humor.

Apresento algumas maneiras fáceis de se exercitar:

  • Suba escadas, ao invés de ir de elevador
  • Estacione o seu carro num lugar distante do sitio para onde pretende ir
  • Dê um passeio ao fim do dia
  • Arranje um companheiro para o exercício físico
  • Aproveite andar enquanto está ao telefone

O próximo passo a dar é tentar incorporar no seu dia-a-dia alguma forma agradável e fácil de exercício físico, de forma regular e programada.  A chave é escolher uma atividade que você goste, assim terá mais chances de não desistir.

Deixo-lhe algumas dicas que pode experimentar para impulsionar o seu humor:

  • Pratique atividade física, não deixe o fazer. Uma caminhada de 10 minutos pode melhorar o seu humor durante algumas horas. A chave para manter os benefícios do humor é fazer exercícios físico regularmente.
  • Escolha atividades que sejam de intensidade moderada. O exercício aeróbico, sem dúvida, traz benefícios à saúde mental, mas você não precisa suar arduamente para ver resultados significativos.
  • Escolha exercícios que sejam contínuos e rítmicos (ao invés de intermitentes). Andar, nadar, dançar, andar de bicicleta e yoga são boas escolhas.
  • Implemente uma atividade de corpo-mente. Atividades como yoga, tai chi ou meditação, são ótimos restauradores do corpo e mente com a mais-valia de aumentarem os seus níveis de energia. Você também pode adicionar um elemento de meditação à sua caminhada ou natação, repetindo um mantra (uma palavra ou frase) quando está em movimento.
  • Comece devagar e não exagere. Mais não é melhor. O aumento exagerado da atividade física, pode surtir no efeito inverso, diminuindo ainda mais os seus estados de humor. Por isso, pratique com moderação.

Para mais algumas dicas para promoção do exercício físico e da sua saúde, leia: 11 formas de promover a sua saúde e capacidade física.

Passos para a ação nº4: desafie os pensamentos negativos

A depressão funciona como um filtro que deturpa grande parte das coisas para onde você olha . O mesmo acontece com o seu pensamento, quando se está deprimido, a sua forma de raciocinar altera-se para um padrão negativo de pensamento. Acontece o fenómeno da tríade negativa: tem uma visão negativa de você mesmo, dos outros e do mundo,  depreciando as suas expectativas para o futuro.

Mas você não conseguirá sair deste padrão negativo do seu pensamento, “apenas pensando positivo” (infelizmente a abordagem do pensamento positivo está vista como redutora, não o sendo na verdade). Pensar positivo é muito mais que dizer apenas  umas quantas palavras de capacidade e ter pensamentos “felizes”.

Caso queria aprofundar este tema, leia: pense positivo, insista no pensamento positivo.

Assim sendo, para além de poder implementar pensamentos mais positivos no seu dia-a-dia é igualmente importante  substituir os pensamentos negativos e pessimistas por pensamentos mais adequados, capacitadores e equilibrados.

Formas de desafiar o pensamento negativo e pessimista:

  • Pense fora de si mesmo. Pergunte a si mesmo se você diria a outra pessoa o que está pensando para si. Se acha que não diria, pare de ser tão duro consigo. Pense em declarações mais ajustadas e como as pode verbalizar ou pensar de uma forma mais realista.
  • Faça um registo dos seus pensamentos negativos mais severos. Sempre que tiver um pensamento negativo, anote o pensamento e o que o desencadeou num livro de registo (pode fazer isso ao fim do dia). Reveja o registo quando você estiver de bom humor. Pergunte a si mesmo se a  negatividade que pensou  foi verdadeiramente justificada. Para obter uma segunda opinião, você também pode pedir a um amigo ou um terapeuta para conversar sobre seu registo. Pode ainda imaginar uma lista de cinco amigos, e o que é que eles pensariam para a mesma situação (a que o levou a pensar de forma negativa).
  • Substitua pensamentos negativos por positivos. Reveja o registo de pensamentos negativos. Depois, para cada pensamento negativo, escreva algo positivo. Por exemplo, ” O meu chefe odeia-me. Por isso deu-me este relatório super difícil para eu fazer”. Poderia  substituir para: “O meu chefe deve ter muita fé em mim para me dar tanta responsabilidade”.
  • Socialize com pessoas positivas e bem humoradas. Tente perceber como essas pessoas encaram a vida e a forma construtiva como lidam com os desafios, mesmo os menores, como não ser capaz de encontrar um parque de estacionamento. Então pense  como é que você reagiria na mesma situação. Mesmo que você tenha que simular, tente adotar uma visão otimista, uma atitude positiva e persistente perante as dificuldades.

Passos para a ação nº5: Trabalhe no entendimento das suas emoções

Todas as nossas respostas emocionais afetam o nosso dia-a-dia, quer seja na relação connosco mesmo, nas relações com os outros  e relações de trabalho. Sinais não-verbais ou pistas emocionais, como o contacto visual, expressão facial, tom de voz, a intensidade da voz, postura corporal ou gestos com as mãos, podem por vezes transmitir muito mais informação às outras pessoas sobre o que estamos realmente pensando e sentindo, do que as nossas palavras.

Muitas vezes as pessoas dizem uma coisa e estão a pensar, a sentir ou a expressar outra. As pistas não-verbais desempenham um papel enorme na maneira como nos comunicamos. A maneira como reagimos a esses sinais não-verbais afeta a forma como entendemos os outros, e é igualmente importante para a maneira como eles nos entendem.

Se conseguir desenvolver a sua consciência emocional, a capacidade de reconhecer e compreender as suas próprias emoções, aumenta a sua habilidade para de forma mais fácil reconhecer e ler sinais não-verbais durante a comunicação com os outros e consigo mesmo. Isso aumenta a probabilidade de ser  bem sucedido no trabalho, nas relações intimas e nas relações de amizade.

Conseguir ler adequadamente aquilo que sente, e porque razão está a sentir determinado sentimento, permite-lhe ganhar a capacidade de distanciar-se de algumas sensações e pensamentos desagradáveis.

Este distanciamento é muito útil, dado que a pessoa deprimida pode conseguir perceber que não é aquilo que pensa ou sente, e que pode em determinadas circunstâncias, decidir não orientar os seus estados de humor por pensamentos negativos, depreciativos e desajustados às circunstâncias em que se encontra no momento.

Certamente, existirão momentos no dia-a-dia da pessoa deprimida que não são de total desespero e incapacidade, nesta circunstância a pessoa pode conseguir perceber que nada justifica o seu humor diminuído naquele instante, e optar por mudar o seu estado.

Ganhar consciência da sua experiência emocional: Perceber o que estava lá o tempo todo

O processo de sensibilização emocional envolve reconectar-se com todas as suas emoções, incluindo raiva, tristeza, medo, nojo, surpresa e alegria através de um processo de auto-consciencialização. Quando você iniciar este processo, mantenha os seguintes factos em mente:

As emoções vão e vêm rapidamente, se você permitir. Ao reconectar-se com as suas emoções, ou seja, ao aceitar as suas emoções, perceber que elas lhe pertencem e que lhe transmitem informação acerca da sua situação (sentimental e situacional), você pode sentir um impacto forte, dado que as tem evitado, tem-se forçado a não olhar para elas, a evitá-las.

Este impacto é funcional, pois você volta a sentir as coisas, relembro-o que a paralisação da vontade e a ausência de prazer, deve-se ao facto de você se ter afastado das suas emoções, deve-se ao facto de você não querer sentir.

Portanto, se sentir alguma forma de dor emocional, não desespere, não irá ficar para sempre nesse estado. Quando não ficamos obcecados com as nossas emoções, mesmo os sentimentos mais dolorosas e difíceis diminuem  e perdem o poder de controlar a nossa atenção.

Quando os nossos sentimentos são libertados, as emoções como a raiva, tristeza, medo e alegria rapidamente vêm e vão. Durante  o dia-a-dia, você, pode ver, ler ou ouvir algo que momentaneamente desencadeie um forte sentimento de algum tipo. Mas se não se focar durante muito tempo nesse sentimento, ele acabará por desaparecer,  e uma emoção diferente em breve ocupará o seu lugar.

As sensações físicas do seu corpo podem dar-lhe pistas para as suas emoções. As nossas emoções fazem-se sentir no nosso corpo através das sensações físicas. Quando você experimenta uma emoção forte, provavelmente você também sente isso em algum lugar do seu corpo. Ao prestar atenção a essas sensações físicas, você pode entender melhor as suas emoções.

Por exemplo, se os seu estômago se contrai cada vez que você está perto de uma pessoa especial,  poderá concluir que você sente-se desconfortável na sua presença. Se você fica ciente que se sente desconfortável, então você pode pensar sobre o porquê desse desconforto e passar a ser pró-ativo sobre o que você pode fazer para se sentir melhor, e isto é capacitador, representa um grande passo na sua melhoria.

Você, não tem que escolher entre pensar e sentir. A consciência emocional funciona como o instinto.  Quando é fortemente desenvolvida, você sabe o que está sentindo sem ter de pensar nisso. Quando os seus sinais emocionais se tornarem fortes o suficiente, você irá perceber que algo importante está acontecendo e mudar o seu foco atencional de acordo com os seus objetivos.

Quando você conseguir experimentar uma gama alargada de emoções, sem se sentir sobrecarregado, angustiado ou com medo, você pode passar a envolver-se em atividades do dia-a-dia sem perder o contacto com as sensações físicas que sente no seu corpo. Relembre-se as sensações físicas do seu corpo (agradáveis e desagradáveis) ajudam a sinalizar o seu estado emocional. Você depois pode agir de acordo com o que acha ser melhor para si.

Construir consciência emocional e compreensão. A chave para a sensibilização emocional e inteligência emocional é a prática. Como o aumento de músculos no ginásio, quanto mais você exercitar as suas emoções, mais aumentará a sua “musculatura emocional”. Você não pode esperar vir a tornar-se um fisioculturista após um dia de trabalho no ginásio.

Quanto mais consistente for a sua prática (não evitar sentir emoções), maior vai ser a mudança na maneira de sentir, pensar e fazer. Para desenvolver a sua auto-consciência e conexão com os outros e incorporar isso na sua vida, você vai precisar treinar-se através de exercícios práticos e prática no mundo real.

Inevitavelmente isto consegue-se não inibindo aquilo que sente, não rejeitando os seus sentimentos. Relembre-se que você não é os seus sentimentos, tal como o fisioculturista não é os seus músculos. No entanto ambos (você e o fisioculturista) para desenvolverem músculos (físico ou emocional) têm de trabalhar, têm de se exercitar, e ao exercitar irá sentir algum tipo de dor.

O fisioculturista associa a essa dor, crescimento e desenvolvimento muscular. Você tem de tentar fazer o mesmo quando sente dor emocional. Deverá associar à dor emocional alguma forma de crescimento e desenvolvimento da sua “musculatura emocional” melhorando desta forma o seu equilíbrio emocional.

Como você vai saber se pratica o suficiente? Em geral, você deve sentir-se com mais energia, experiencia sentimentos mais positivos (bem como outros sentimentos), e tem uma maior capacidade para concentrar sua atenção naquilo que sabe ser o indicado para si.

Passos para a ação nº6: Saber quando procurar ajuda profissional

Se você sentir que a sua depressão está a piorar cada vez mais, procure ajuda profissional. Precisar de ajuda adicional no tratamento da depressão não significa que você é fraco ou que é pior que os outros. Às vezes o pensamento negativo da depressão pode fazer com que você sinta que não vale a pena, que não existe nada que o possa ajudar e que você irá ser sempre assim. Mas isso é falso, a depressão pode ser tratada e você pode voltar a sentir-se melhor!

Tratar a depressão é possível

Se tem vindo a sofrer com a depressão e apesar das tentativas de superação e de todos os esforços que tem vindo a realizar para melhorar, não tem conseguido resultados positivos, pondere adquirir o meu livro: Diga Não à Depressão – Programa Inovador para Superar a Depressão. Se gostou deste artigo e de alguma forma contribuir para a sua melhoria, estou certo que irá conseguir aplicar na sua vida o conhecimento que apresento no meu livro e com isso voltar a sentir-se bem.

Clique na imagem em baixo para ter acesso ao livro e recuperar o seu bem-estar e qualidade de vida:

Abraço,

Miguel Lucas

Novo usuário?
Comece aqui
Receba Grátis os Vídeos “Fórmula da Positividade”
Receba Grátis os Vídeos “Fórmula da Positividade”

Dê a si mesmo a oportunidade de florescer e ser bem sucedido!

Comentários
Avatar for Miguel Lucas
Nuno

A depressão é, para mim, um tema muito complexo… Já atravessei diversas fases depressivas na vida, mas penso nunca ter estado deprimido! Actualmente, atravesso uma dessas fases e, tendo lido o artigo e também “O que é a depressão: sintomas, causas e tratamento”, consegui identificar-me com alguns dos seus sintomas.
Comecei a abusar do álcool, só para “esquecer”. Pergunto-me, constantemente, o que ando a fazer neste mundo. Penso, muitas vezes, que as pessoas à minha volta estariam melhor sem mim. Sinto-me culpado por coisas que não posso controlar. Quando acordo, choro, porque fico possuído pela sensação de infelicidade. Quando me deito, passa-se o mesmo. Perdi a vontade de cuidar de mim. Sou muito introspectivo e muito pouco sociável. Detesto lugares que concentrem muita gente (discotecas, shoppings…). Não consigo admitir a minha situação, mesmo perante os melhores amigos, porque sinto-me forçado a manter a imagem que têm de mim…
Eu conheço os motivos que me levaram a este estado… Estou desempregado… Não consigo decidir que área seguir na faculdade, porque não quero viver revoltado com a profissão que exerço, nem quero ser mais um que termina o curso e fica no desemprego, ou vê-se obrigado a exercer outra profissão qualquer, só para sobreviver… Praticava desporto, mas lesionei-me e tenho que estar em repouso até recuperar… Andava a conhecer a rapariga mais linda e doce do mundo mas, porque sou um idiota, acabei por perdê-la…
O que mais me atormenta é, precisamente, a minha vida amorosa! É sempre a mesma história… Conheço uma rapariga, ela gosta de mim, começamos a namorar, mas não consigo amá-la… Ou… Conheço uma rapariga, fico perdidamente apaixonado, imagino uma vida perfeita a dois, mas ela não gosta de mim e, de uma hora para a outra, perco tudo… Sinto, constantemente, que não fui feito para amar e ser amado… Logo eu, que preferia ser um sem-abrigo, mas ter alguém do meu lado, para chorar comigo, do que viver rodeado de luxo, mas sem amor. Logo eu, que coloco o amor acima da própria vida!
Depois de ler “O que é a depressão: sintomas, causas e tratamento”, consegui alterar alguns comportamentos, nomeadamente o relativo ao consumo do álcool e, em frente ao meu irmão, que é também o meu melhor amigo e maior confidente, consegui quebrar as correntes que me prendiam e deitar cá para fora tudo o que me atormenta… Por algumas horas, ele foi o meu psicólogo! Fiquei a sentir-me muito melhor!
Algo que também me ajuda é a música, principalmente o Heavy Metal. Sinto uma raiva enorme, só me apetece destruir tudo cá em casa mas, pelo menos, já não sou eu o alvo dessa revolta…

Não sei como vai ser daqui para a frente… Ainda sou muito novo para desistir do amor, mas sinto que o amor desistiu de mim! Porém, que homem seria eu se desistisse sem ir à luta? Vou dedicar-me ao desporto, aprender a tocar viola, aprender línguas novas… Há muitas coisas que quero fazer antes de morrer!

Miguel Lucas, fiquei “viciado” nos seus artigos, desde que li e comentei “Preparação mental nos desportos radicais”.
Parabéns pelo excelente trabalho desenvolvido na Escola Psicologia e pela ajuda que presta aos seus leitores!

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Nuno, obrigado pelo seu comentário.
Fico esperançado que os passos que começou a dar, no sentido de fazer alguma coisa para melhorar o seu ânimo, motivação e vida em geral, possam pouco a pouco transformar-se em grandes passos. O importante é reconhecer que tem alguns problemas (o que fez, pois descreveu-os em detalhe) e propre-se a fazer coisas para que possa vir a sentir-se melhor. Sem dúvida que as atividades que se propõe a praticar serão de grande ajuda, irão funcionar como um impulsionador energético. É igualmente importante que identifique alguns padrões negativos de pensamento, assim como identificar algumas das coisas que se tem afastado, por motivo da sua incapacidade de não conseguir enfrentar alguns ambientes e situações. Se algumas destas coisas são importantes para a sua vida, tente perceber e/ou arranjar forma de voltar a incluir isso na sua vida. Tente arranjar forma de não limitar a sua vida pelos seus (medos). Provavelmente necessitaria de ajuda para implementação de um programa psicológico de aprendizagem de habilidades sociais e como enfrentar algumas situações que lhe provocam ansiedade e angustia.

Alguns desses problemas podem ter ganho “vida própria” forma condicionados e são ativados de forma automática, é necessário perceber e saber o que fazer nessas situações no sentido de desconfirmar algumas crenças inadequadas que tenha e possam estar a atrapalhar a sua melhoria.

Força, faça coisas das quais gosta e lhe dão prazer e satisfação, será sem dúvida uma grande ajuda. Seja persistente.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
cristiane

desejo as melhoras para ti. li suas palavras e fiquei a pensar que há pessoas que sofrem. eu tb sofri muito por diversas coisas mas graças a DEUS estou conseguindo recuperar. cada passo que está neste site eu tento manter.

Avatar for Miguel Lucas
Izabel

Tento muito ficarem mas não consigo. A depressão se agrava a cada dia. Só tenho vontade de dormir e de apagar. Preciso de ajuda mas mesmo as aulas que recebo não consigo levar adiante.

Acho mesmo que não tem mais jeito para mim.

Me tornei fechada e solitária. Tomo Rivotril direito para dormir e nunca mais consegui me arrumar direito.

Avatar for Miguel Lucas
Daniele Minelli Santos

Olá, tenho 17 anos e no momento estou sofrendo com isso novamente.. já passei por isso desde pequena e é a primeira vez que conto realmente o que estou sentindo… Assim como voce Nuno e estou muito confusa e pensativa sobre que faculdade seguir, escola provas trabalhos o futuro… fico com medo, insegura estou pensando em um futuro tao distante… Fico imaginando mil possibilidades e me apego no "e se" ( e se isso nao der certo… e se aquilo não for o que realmente quero… " e se"…
Nao consigo encontrar a vontade… é dificil admitir mas esse mal é compicado se manter firme… não quero tentar tirar minha vida novamente… quero melhorar me sentir liberta… Busco em Deus forças pra animar pra lutar e quero muito não ter isso… é duro pensar a todo instante, nem um segundo sem cobrança, de atençao licao deveres, e nenhum reconhecimento….. a pressao todo instante esse choque de realidade é intenso… é muito dificil encontral alguem com quem conversar alguem que te compreenda… muitos dizem que é "frescura, manha" mas ninguem esta sentindo isso… Ainda nao contei pra minha mae…. mas hoje eu vou, preciso de ajuda… Sei que ela ja passou grandes apuros comigo, é meio constrangedor faze- la passar por isso… Entretanto comecei a buscar e gostei muito de seu artigo Miguel Lucas… Sei que posso dessa vez ser mais forte… so que pensar no amanha e na escola bate o desanimo… sentir a mesma angustia todos os dias e nao poder escorrer uma lagrima….bom CONTINUAREI LENDO SEUS POST…. obg

Avatar for Miguel Lucas
Tercio

Pessoal realmente muito difícil passar por tudo isso, e as vezes não encontro saída pra mim, tomo medicamentos antidepressivos a quase 2 anos, peço a Deus para me tirar disso, me pergunto qual o proposito dessa dor e angustia oque fiz para pagar dessa forma, acho que tornei-me dependente do medicamento conforme vai ocorrendo as reduções muitas vezes tenho recaídas tenho que aumentar a dosagem, acho que vou morrer tomando remédios, e pior além da tristeza, angustia, desinteresse por tudo tenho sintomas como tontura, enjoo, mal estar, afetando o meu trabalho que estando bem ou mau tenho que ir todos os dias tentando amenizar o máximo possível os meus sintomas, queria voltar a ser quem eu era sem medicamentos sem esses sintomas e tristezas constantes, espero ter força para ultrapassar por tudo, que Deus ajude a cada um de nós.

Avatar for Miguel Lucas
Lucas

Sem sombra de dúvidas esse é o melhor site do gênero da psicologia.

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Lucas, obrigado pelo comentário.

Fico muito orgulhoso e lisonjeado com as suas palavras. Este é um feedback que motiva a continuar a trabalhar.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
paulo renato araujo

Parabens pelo seu texto !
As vezes ficamos totalmente sem rumo ,quando acontece algum imprevisto ou quando algo que desejamos fica distante e cada vez mais impossivel de acontecer ,sempre tive uma vida abençoada e feliz me considero o cara mais sortudo do mundo mais ultimanente não sei o que acontece, mais perdi a vontade de estar com amigos,mulher familia… estou cada vez mais distante de tudo e de todos e não sei mais o que fazer para mudar tal situação .Me isolando perdi contato com trabalho com tudo que eu fazia antes que me davam muito prazer vou seguir varios caminhos do qual vc citou e que vão ajudar com toda certeza…
no mais que vc tenha muita sorte pois tem o pensamento em ajudaro próximo até quem vc numca viu ou conheceu !
obrigado

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Paulo Renato, obrigado pelo comentário.

Paulo, se como diz, a vida lhe corre bem, mas sem saber qual o motivo sente-se a afastar-se dos outros, impeça que isso aconteça. Você tem essa possibilidade, você pode decidir orientar-se por aquilo que quer, ao invés de se orientar por aquilo que sente (sendo que aquilo que sente o está a prejudicar). Tal como já referi em vários artigos, nós não somos apenas as nossas emoções, somos muito mais do que isso. caso tenha a noção que está a sentir aquilo que não quer ou não gosta, deverá fazer coisas para mudar esse sentimento e orientar-se por aquilo que quer que aconteça na sua vida. Se acha que quer voltar a aproximar-se da sua mulher, arranje formas de estar perto dela, pense em algumas estratégias para voltar a sentir-se bem junto da sua mulher e família, mesmo que no inicio tenha de forçar-se a isso.

Boa estratégia, e trabalhe naquilo que pretende mudar.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Liliana Silva

Realmente tenho que lhe dar os parabéns. Este foi o melhor site de psicologia que já encontrei.
A depressão é realmente a doença do sec. XXI , eu estou a passar por ela neste momento e o seu texto informou-me e deu-me esperança.. Obrigada!

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Liliana, obrigado pelo comentário.

Fico muito contente por ter encontrado esclarecimento através do artigo. É muito importante que possa ser útil e que quem sofre possa encontrar algum tipo de orientação que lhes transmita o que fazer e como fazer.

A esperança é algo muito importante quando se enfrenta um problema como a depressão: Use isso como fonte energica para fazer coisas no sentido de voltar a ter motivação e prazer no dia-a-dia.

Sorte e motivação

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
doracydurante

eu sofri um avc em 2006 e fiquei com sequela nas pernas, audição e fala, tenho estado muito cansada ultimamente e sem motivação. Vivo em companhia de um filho mas que pouco me dá atenção
. Sempre fui muito ativa gostava de artezanato, musicas, passear mas ulltimamente meu unico meio de distração é o computador que já esta se tornando inutil. Ando muito triste sem motivação, me ajude, por favor!

Avatar for Miguel Lucas
bruno

Tenho apenas 18 anos más aos 15 já vinha sofrendo com a depressão, já pensei em me suicidar más sempre fui covarde demais para isso,então resolvi pesquisar formas de conseguir me recuperar e encontrei este site.Muito obrigado miguel tenho certeza que seu artigo vai me ajudar.

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Bruno, obrigado pelo comentário.

Bruno, se recorrentemente tiver pensamentos suicidas deverá urgentemente procurar ajuda profissional.

Espero que os artigos possam ajudar a perceber algumas das coisas que podem ser feitas no sentido de superar a depressão. Afortunadamente o tratamento para a depressão tem taxas elevas de sucesso. isto é muito esperançador.

Esperança e força.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Liliana Silva

Bruno:

És super novo para estares numa fase tão negra ao ponto de falares em suicídio. Eu também já passei por isso e sei que “para quem está de fora” é simples mas na prática tudo se torna sombrio. De qualquer maneira se quiseres desabafar , sempre ajuda falarmos com alguém que já passou pelo mesmo 😉 lilianaminorca@hotmail.com adiciona-me no msn ou no facebook. Beijinho e as melhoras!

Avatar for Miguel Lucas
Cristina Carmo

Ola Dr. Miguel,

Sou Cristina, e estou no 3ºsemestre do curso de Secretariado, estamos escolhendo nosso tema do TCC e um dos assuntos é A depressão e o Stresse na Profissão de Secretária. Gostaria de sua opinião sobre o tema e nos indicar por onde podemos começar.

Grata

Cristina Carmo

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Cristina, obrigado pelo comentário

Gostaria muito de a poder ajudar, mas o seu pedido foge totalmente ao objetivo da Escola Psicologia.

Sorte e boa investigação

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Heloisa

Vou lutar contra essa depressão que me atormenta ha anos,tenho 45 anos dois filhos e sempre fui dedicada ao lar ,família,sempre sorridente ,alegre mas um dia puff,desliguei como se tivessem tirado a tomada de uma geladeira,ai o resto DR: o senhor pode imaginar,fugas e mais fugas ,tentando rebater de todas as formas,tomo ansioliticos ha anos ,mas agora lendo essa matéria meu pensamento ja deu um pulinho,fez um exercício.rsrsrs.vou seguir sua orientações,devagar e sei que posso,eu quero e vou conseguir …em breve lhe enviarei noticias da minha melhora .um abraço e obrigada por existir.ai família ,amigos to voltandoooooooooooooooo

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Heloisa, obrigado pelo comentário

Fico contente com o facto do artigo ter ajudado a despoletar a esperança e a convicção de que vai ser capaz de melhorar o seu estado. Claro que vai conseguir, se fizer coisas para que isso aconteça. Sim, passo a passo, pouco a pouco, irá melhorando. Não pode ser de um dia para o outro, irá levar tempo, mas tempo não é impedimento.

Aguardo noticias suas 🙂

Motivação, esperança e força

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
LU...

OLÁ BOA TARDE TAMBÉM ESTOU SOFRENDO DE DEPRESSÃO, TAMBE? VOU LUTAR CONTRA ISSO DEUS É MAIOR SOU EVANGÉLICA FUI AO MÉDICO ELE DISSE QUE EU ESTAVA COM TRANSTORNO DE ANSIEDADE PASSOU ANTI DEPRESSIVOS NO INICIO EU ESTAVA MUITO NERVOSA E ANSIOSA AGORA ESTOU UM POUCO MAS CALMA, EU PROCURANDO LER SOBRE MAS ESSA DOENÇA ACHEI ESSE BLOG É REALMENTE AJUDA EU ACHO JA LENDO JA AJUDA PRA QUEM ESSES DISTÚBIOS EMOCIONAIS LEGAL, QUERO DEIXAR UM RECADO PARA QUEM SOFRE DISSO TAMBÉM JESUS É O MELHOR CAMINHO PARA CURAR QUALQUER TIPO DE DOENÇA SÓ BASTA CRER.

Avatar for Miguel Lucas
Cris

Olá, não sei se posso dizer que estou com uma depressão mas…a minha vida transformou-se num buraco muito negro e deixei de conseguir ver luz. Um divórcio arrastou-me para aqui, parece que tudo deixou de fazer sentido, não consigo dormir, emagreci 14 kilos, só me apetece chorar, não tenho vontade de fazer nada, sinto que os meus amigos se afastam, acho que já não me aguentam, a unica coisa que ainda me obriga a ligar o “piloto automático” é a minha filha, mas como estamos em guarda partilhada está uma semana comigo outra com o pai, e na semana que ela está com o pai só me apetece morrer e penso muitas vezes nisso….sinto muita raiva, muito odio pelo meu ex-marido, acho que foi a forma que encontrei para tentar aguentar a dor da perda, mas essa raiva está a fazer com que tenha algumas reações tresloucadas e irracionais, sinto-me a enlouquecer, sinto-me sozinha, começa a não saber o que fazer, estou perdida na minha dor e não sei como sair dela. Vi este blog e apeteceu-me desabafar..obrigado

Avatar for Miguel Lucas
josi

gostei muito das suas dicas ,irei lutar para coloca -las em praticas.estou há dos meses sem fazer as coisas que gosto e isolada de todos.todo ano nos meses de junho até janeiro é essa luta.muito obrigado!!!

Avatar for Miguel Lucas
Raquel

Uns meses para cá comecei a sentir me em baixo, e isso refletiu-se no meu relacionamento, fiquei apática, não queria saber dos outros, era muito irascivel, falta de apetite e sono. O meu namorado nao aguentou e acabei por sair da casa dele, a vida que eu conhecia desapareceu, peguei num punhado de comprimidos e pos a boca, não queria suicidar mas queria que aquele sentimento desaparecesse, acho k associei a perda do meu namorado com a perda do meu pai, este morreu de forma estranha, caiu de uma varanda do 1 andar bebado e ate hoje nunca aceitei isso…por isso levou me a um estado negro. Tive sorte da primeira vez, mas ainda tenho esses pensamentos, fui ao psiquiatra e estou a tomar cipralex e sedoxil, ainda nao sinto qualquer alegria, mas dizem que demora algum tempo, só nao sei se consigo aguentar ate k faça o efeito….

Avatar for Miguel Lucas
Flávia

Adorei tudo que foi escrito. Me identifiquei com alguns posts e comentários. Há mais ou menos 2 anos atrás meu ex namorado que na época era atual, me disse que eu precisa me tratar por que era insuportável lhe dar comigo, minhas variações de humor eram extremamente impossiveis de aturar. Então procurei um psicólogo. Na primeira vez que conversei com ela, mal conseguia falar, apenas chorava. Me sintia a pior pessoa do mundo, não via sentido na vida, me sentia feia, já havia tentado me matar 3 vezes, não entendia o por que continuar vivendo e não queria envolver ninguém nos meus problemas. Estava sozinha, sem ninguém para compartilhar tudo o que estava acontecendo. Minha familia sempre foi desestruturada e eu tinha muita raiva dos meus pais. Então comecei a fazer tratamento com um psiquiatra e a psicologa. Tomava medicamentos e comecei a me senti melhor. Lembro até hoje que ela me disse para nunca desistir do tratamento se eu me sentisse bem, por que a depressão é uma doença que nos engana e quando vemos já estamos completamente envolvidos por ela novamente. E foi o que aconteceu. Eu me sentia ótima, alegre, super ativa e parei de usas medicamentos e frequentar a psicologa. E novamente hoje, me deparo com a pior situação da minha vida novamente. Me vejo sem rumo, não consigo ter uma vida estabilizada, meu novo namorado não me suporta mais, e minhas variações de humor mudam constantemente. Mas hoje, depois de pensar novamente em morrer, tomei a decisão de voltar a fazer o tratamento já que sei que não estou curada. Cheguei nesse site sem esperança alguma e agora sinto que tenho motivos suficiente para continuar minha batalha contra a depressão. Continue sempre com esse trabalha, que indiretamente ajuda muitas pessoas. Obrigado!

Avatar for Miguel Lucas
Erica

tenho 18 anos e faz 1 e 6 meses q perdi meu irmao,depois disso minha vida mudou,eu nao tenho animo pra vida,parece ate q eu stou morrendo tmb…nao sei como lidar com isso…sera que vc´s podem me da uma ajuda?

Avatar for Miguel Lucas
Carlos Alberto

E quando sente-se uma espécie de vazio e grande apatia desde a tenra infância, e nenhuma mudança de racionalização ou de hábito faz isso parar?
É como se mesmo que alcancemos todos os objetivos, superemos todos os problemas, tenhamos relacionamentos maravilhosos e etc., mesmo assim parece tudo tão sem significado, tão vazio, tão insignificante…
Há também o fato de as pessoas sofrerem e não podermos fazer nada para evitar…
Como lidar?

Avatar for Miguel Lucas
Arno Stuhr

Bom dia Carlos Alberto!

Tbm tenho esta percepção da vida, mas após crer que existe um continuidade após esta vida, mudou todo meu pensamento, pecepçao e açao aqui. Creio que quem aceitar o plano de salvação de Jesusu Cristo terá uma vida eterna e quem segue a Jesus entende que Ele nunca prometeu nada pra esta terra, esta fase de nossa vida e sim para a fase que ainda virá. Não sei em que o senhor crê, mas se eu puder lhe aconselhar, humildemente gostaria que lesses a bíblia, a começar pelo evangelho de João. Encontrarás lá um amigo e quem se entrega a Ele, passa a ver tudo isso aqui e forma diferente, como uma grande oportunidade de demonstrar o grande amor e compaixão Dele por todos os seres humanos, porem sabemos que poucos O aceitam, por isso este mundo desagradável aqui. Logo tudo isso mudará. Fica na paz. Grande Abraço!!

Avatar for Miguel Lucas
cesar ribeiro de araujo

Me espanto quando leio os relatos das pessoa que tem depressão. Como os sintomas são tão parecidos! O pior para mim é na hora de acordar, me sinto realmente mal, péssimo, já não faço mais academia. tenho acompanhamento psiquiátrico, mas é tão difícil vencer estes pensamentos angustiantes. Mas gostei do artigo do Dr. Miguel, vou tentar colocar em prática alguma coisa. Mas Dr. Miguel, porque pela manhã a minha angústia é mais intensa?

Avatar for Miguel Lucas
cristina lopes

ajudei-me estou no fundo do posso á 11 anos que sofro de depressão, tiram me tudo o que mais amo na vida, muitas perdas amigos, filho,o meu pai
profissionalmente encontro -me sem emprego, tenho 46 anos sou professora de EVT contratada por isso o que eu adorava fazer também acabou, não gosto do meu corpo, o dinheiro é pouco até para comprar uma simples camisola.
se alguém me quiser ajudar o meu obrigado.

Avatar for Miguel Lucas
luciana gomes

sofro de depressão a um bom tempo,cheio de altos e baixos,as vezes consigo ficar bem, mas mudo de humor com facilidade,faço terapia ajuda bastante,mas desenvolvi alguns problemas psíquiatricos.faço uso de medicações e tratamento com psíquiatra.as vezes tudo ta bom,a horas que quero sumir.Gostei do que li e vou seguir a parte.

Avatar for Miguel Lucas
Maria

gostaria de saber se existe algum tratamentopara este caso. Quando me casei fui estrupada pelo meu (esposo)nunca senti prazer nas minhas relações sexual, parece que tem algo que me bloqueou para isso. Será q/ existe tratamento?

Avatar for Miguel Lucas
joao cabral

ola ha um 3 anos pra ca ando muito em baixo tem horas que tasse bem e outras fico pecimo ha dias que nem apetece sair de casa e fico irritado facilmente depois de ler esse artigo de como superar a depressao vou começar mas tenho medo se nao consigo

Avatar for Miguel Lucas
...

ola… Acabei de fazer 20 anos, e isso nao e motivo de alegria para mim, com 16 anos tive depressao, mas consegui me libertar apos o termino de um namoro destrutivo. Hoje sinto-me velha para realizar meus sonhos, nao entendo o pq disso, sinto um vaziu e coisas tao simples, me deixam extremamente pensativa e angustiada..Como por exemplo, agora descobri que um amigo esta apaixonado por mim, ele e uma otima pessoa,passava horas falando ao telefone com ele, mas eu nao o amo da mesma maneira, e isso ja me deixa desmotivada, triste, no meu trabalho estou angustiada, eu nao queria ser assim, mas eu me importo muito com os outros, e me sinto culpada por ele gostar de mim,e nao conseguir retribuir, ele me liga chorando dizendo pq eu fiz isso com ele.. o que eu devo fazer, pois nao aguento mais sofrer..

Avatar for Miguel Lucas
joaquim goncalves

OLA… ADOREI O INCENTIVO E A AJUDA QUE TENTA DAR!JA HA DEZ ANOS QUE LIDO COM DEPRESSÃO PROFUNDA DA MINHA ESPOSA!E PARA AJUDAR EXISTEM OS TRAUMAS DE INFANCIA NA EDUCAÇÃO,QUE FORAM MUITO SEVEROS!..TODAS AS AJUDAS SERÃO BEM VINDAS…(UM ABRAÇO)

Avatar for Miguel Lucas
Gelson júlio

Olá, sou o Gelson tenho 22 anos de idade, estou a passar numa situação caricata que é a depressão e já agora Sinto-me regozijado por consultar este artigo de Psicologia, que por mim é de mera importância e eficáz pra quem está a viver situações do género como a depressão… creio que farei e tomarei as doses deste artigo.Sei que hão de ajudar nos meus reensentimentos psicológicos.

Obrigado!

Avatar for Miguel Lucas
Lázaro

Há algum tempo minha namorada terminou comigo quando eu menos esperava. Eu investia muito nessa relação e admito que reconheci quando a relação começou a “esfriar” mas naquela época eu relacionava essa questão aos problemas pessoais que minha então namorada enfretava; e, por isso, a separação me pegou de surpresa, e então entrei numa depressão profunda. Fiz tratamento psicológico por quase um ano e hoje estou bem melhor, mas ainda tenho leve estados de depressão de vez em quando.

O problema é que essa minha ex-namorada era uma colega de universidade minha e ainda me sinto deprimido toda vez que a encontro (o que acontece com alguma frequência). Gostaria de acabar com esse problema porque tive uma depressão muito severa e tenho muito medo de voltar ao estado em que estava antes. Alguma sugestão? Não pretendo reaver minha relação com ela e não tenho menor interesse em ser amigo dela (depois do término, descobri que ela estava me traindo com um homem bem mais velho), apenas quero saber lidar ou até mesmo eliminar essa depressão que sinto toda vez que a vejo.

Avatar for Miguel Lucas
franca araujo

oi lazaro joia, gostaria de saber se vc conseguiu resolver seu problema pois é muito parecido com o meu, abços melhoras

Avatar for Miguel Lucas
meu companheiro esta depressivo o que faço para ajuda-lo

olá meu nome é kelly e vivo ha 7 anos com uma pessoa e ele entrou em depressão e ja estamos nessa ha 8 meses, não sei mais o que eu faço pra ajudar ele, gosto muito dele e preciso de uma ajudar de alguem q me entenda??? nos moramos juntos a 1 ano e meio e separamos ai ele ficou assim depressivo, nossa casa esta perto de sair e ele´fica mais ruim por ficar na casa dos outros, ja nem sei mais o que fazer me ajuda por favor??????

Avatar for Miguel Lucas
Alexandra

meu namorado esta passando por um momento depressivo, desde criança ele sofre com esse problema, mas agora os sintomas estão se agravando, os familiares não ajudam, pois continuam transmitindo problemas para ele resolver e eu não sei como ajuda-lo. Gostaria de poder ajudar, mas não sei como fazer isso, existe um obstaculo muito grande, e não consigo influencia-lo a fazer nada, nem atividades físicas, nem passear… nada.

Avatar for Miguel Lucas
Patricia

Olá boa tarde
Desde já parabéns, é sempre bom termos um sitio onde desabafar, e onde as pessoas compreeendem pelo que estamos a passar.Eu tenho um transtorno obcessivo compulsivo há cerca de 7 anos, o que me leva normalmente á depressão, andei sempre medicada o queme fazia andar bem. Á cerca de 4 meses descobri que estava grávida, e tive de parar de tomar a medicação… correu mal os sintomas voltaram todos, mas parece que em dobro então minha psiquiátra e minha obstetra receitaram-me um medicamento que posso tomar durante a gravidez… tudo correu bem durante um mês até que um diameu marido que é fantástico teve de se ausentar de casa durante uma semana devido a trabalho… e parece que tudo desmorenou, mas não por ele ter de sair, mas sim por eu ficar, e não ter absolutamente nada para fazer visto que estou desempregada. Agradecia que me dece dicas para eu ocupar o meu tempo visto que estou a dar em louca em casa e tenho consciência que isto esta fazendo mal para meu bébé.

Avatar for Miguel Lucas
Geane

Ola,
Eu estava procurando materias sobre depressão e acabei encontrando este site. Há aproximadamente 4 anos que venho sentindo esses sintomas que aparentemente me leva a pensar que tenho depressão. Vários motivos me fazem sentir essa falta de vontade de viver.
A começar pela minha mãe que pela moral que ela acredita, não me deixa viver minha vida da maneira que eu quero. Eu consegui minha liberdade, porém perdi o sorriso da minha mãe, isso me parece um preço alto. Outro motivo é o meu trabalho, sou professora, ver como funciona a educação em meu pais me frusta como profissional e saber que não posso mudar me deprime.
Eu tenho 22 anos, namoro, amo muito meu namorado, gostariamos de casar, porém ele tem minha idade ainda está na faculdd, não tem emprego e sua area é muito dificil. Eu acredito que quando casarmos eu irei melhorar, tenho inumeras expectativas sobre a vida que iremos construir, atualmente é a unica coisa que me faz ter esperanças.
Resolvi procurar um médico, pois eu cheguei a um ponto de ter medo de sair do quarto, tive inumeras crises de choro e por mais que eu tentasse não conseguia me levantar e ir trabalhar. Fiquei com medo de perder meu emprego, procurei um psicologo, mas não consegui falar o que sentia, minimizei tudo ao maximo.
Até que chegou uma hora que ficou claro na minha face que precisava de ajuda.
Fui encaminhada para um psiquiatra que me diagnosticou com depressão profunda.
Estou tomando remédios, apos o remédio não tenho mais crise de choros. A verdade é que agora não consigo chorar.
Sinto algo engasgado na minha garganta. Ansiedade, preocupação e medo com o dia que terei que voltar a trabalhar (pois estou afastada da escola) ou o momento em que tenho que sair do meu quarto ou até mesmo quando encontro com minha mãe em algum comodo da minha casa.
Mesmo com tudo isso eu sinto uma culpa enorme por ter sido diagnosticada como estar com depressão. Mesmo tendo todos esses sintomas não consigo aceitar que tenho depressão.
Eu fico procurando sintomas da doença e comparando com o que sinto, todos batem. Mas não encontro na que me sirva para saber se estou melhor.
Parei de ir ao psicólogo faz uns dias.
Como faço para saber se estou melhorando da depressão?
Como aceitar que estou?

Avatar for Miguel Lucas
Tatiana

Olá, Dr. Miguel adorei o seu artigo, e fico sensibilizada com o ato de amor que você tem de ajudar a essas pessoas que passam por um momento difícil em suas vidas, com a depressão.
Meu nome é Tatiana e eu e minha família estamos vivenciado um momento muito difícil.A minha Mãe sempre foi uma pessoa alegre, comunicativa, ativa.
Era fumante, parou de fumar e nos últimos 2 meses entrou em uma depressão profunda:Chora muito, não tem vontade de fazer nada, fala que quer morrer, sente se triste e angustiada o tempo todo, e o pior de tudo é que ela bebia cerveja socialmente só nos finais de semana e agora bebe diariamente sem parar, bebidas fortes como pinga, vinho, catuaba etc.
Já tentamos de tudo, conversar com ela,incentivar a fazer caminhadas, a procurar um especialista para fazer o tratamento.
Mas não está adiantando muito, pois o que percebemos é que a vontade de beber é maior e ela está cada dia mais fraca e debilitada.
Outra questão que nos preocupa é porque ela está tomando remédios que foram passados pelo médico e o médico recomendou que ela não bebesse, mas ela bebe todos os dias.
Por favor nos ajude, não sabemos mais o que fazer.

Avatar for Miguel Lucas
debora

ola! eu estava pesquisando materia sobre depressão acabei encontrando coisas importantes. Depois que fiquei viúva em 2010,minha vida ficou sem graça.Só não ficou pior,porque tenho dois filhos, que a razão da minha vida,sou uma pessoa parada,fico pensando em coisas negativa: como mortes,acidentes etc… e essa semana comecei sentir dor de cabeça,é horrivel.tenho fé em Deus que vou me boa. Dr Miguel adorei tudo que foi escrito.Me indentifiquei com algumas coisas, um abraço e fique com Deus.

Avatar for Miguel Lucas
Patrícia

Olá Dr. eu estou grávida de 6 meses desempregada e estou com depressão. Faço psicoterapia, mas acho que não me tem ajudado muito, o meu maior problema é estar desempregada, e não sei como ocupar o tempo, não tenho objectivos, não sei o que fazer. Por favor me dê umas luzes para eu poder aplicar.
Obrigada

Avatar for Miguel Lucas
dione carvalho alces

ola dr. estou passando por um depressão no casamento a minha esposa esta com a doença, e normal ela se a faz tar do marido.

Avatar for Miguel Lucas
erika gomes

Bom a mais ou menos um ano tenho me sentido muito sozinha , namorava um rapaz que fazia tudo por mim , tudo mesmo , e isso fez com que pensasse que ele era meu principe encantado . Com isso obtive confianca para morar com ele imaginando ser mil maravilhas . Nao foi isso que aconteceu nem esta acontecendo .deixei de fazer tudo que gostava e ele mudou da agua pro vinho . Por amar de mais me encontro num estado muito critico , nunca me dei bem com meus pais , entao me sinto mto so ara me abrir com alguem . Me sinto triste todos os dias, nao levanto mais daca nem pra procurar emprego nem para fazer coisas que fazia como praticar esportes , sair etc… ja tentei suicidio 4 vezes , atodas elas inuteis , estou num poco sem fundo , ja fui a psicologos mas por achar q nao estava mehlorando parei de frequentar . , nao cuido mais de mim e vivo com
insonia . So queria q tudo voltasse a ser como antes , mas tbm peco desculpas a deus por saber que deixei de ter fe nele . Socorro me ajudem .
Quem quiser me adc nesse email as raras vezes que entro na net mexo no msn . Obrigado , desabafando td q sinto .

Avatar for Miguel Lucas
CECILIA

Erika, boa tarde, acabo de ler o que vc. postou no site de psiciologia em 20.11.2012, portanto fazem 3 anos que os acontecimentos ocorreram. E, atualmente, como vc. está. Você seguiu os passos, as sugestões do site ? Ajudou, a vida melhorou ? Ou, vc. não tentou ? Agradeço a atenção dispensada.

Avatar for Miguel Lucas
Rodrigo Castro Pacheco

Tenho tendencia para me isolar, apesar de me relacionar com as pessoas, sou muito individualista e custa-me trabalhar em conjunto. Tive um relacionamento tempestuoso e tenho agora uma possivel companheira de quem gosto, mas está-me a suceder um problema que é não conseguir beijá-la ou dizendo melhor, melhor beijo-a mas com muito esforço. O que me está a suceder. Outra coisa que me acontece é às vezes ter necessidade de me isolar por dois ou três dias. Qual a razão de todas estas paranoias-

Avatar for Miguel Lucas
Ines

Estou em uma crise de depressao, fquei com bastante esperança que tudo q li ira me ajudar.

Avatar for Miguel Lucas
nine

ola meu nome e nine tenho 22 anos e acho que estou com depressao. nao tenho vontade de fazer nada. me sinto triste e perdida. e culpa em si. o meu maior sonho na vida era ser compositora de musicas gospel, mais de um tempo pra ca, esse sonho meu ta longe e triste. as vezes quando vou compor uma musica chego a chorar. por nao conseguir me concentrar. coisa que era facil para mim ta sendo tao pesado. as vezes tenho vontade de pedir pros meus amigos ajuda. mais tambem sinto que nao quero imcomodalo com meus problemas. na verdade ja nao sei o que faço mais.

Avatar for Miguel Lucas
bet angelo

olaa ! semprei fuii uma pessoa alegre estrovertida e muito feliz.. mais infelismente fui perdendo a vontade de tudo , de trabalhar , de sair , e isso me deixa mais triste ainda uma fraquesa eborme e orrivel , so deus para da forças . depressao e triste.

Avatar for Miguel Lucas
silvinha

ola estou passado por uma depressão afastada do trabalho,dos amigo tive crises muitos forte ,mas alem do tratamento com psiquiatra e modicamento tenho buscado Deus que tem transformado meu viver ha dias que sinto que esta tudo bem mais sei que tudo sera aos poucos…..Tenho que 31 ano e filho de 15 anos tive que amadurecer muito cedo sempre trabalhando sozinha sendo pai e mae as vezes nem acredito que um dia vou ser amada por alguém ,mas espero muito em Deus que tudo isso mudar um dia

Avatar for Miguel Lucas
pamela

eu nem sei cmo comentar me sinto triste,irritada com tudo e com todos,nao tenho mais vontade de sair de casa,nao tenho mais animo´pra fazer nada..sinto uma angustia diariamente nao tenho mais vontade de sair fazer coisas que eu fazia antes,creio que pode ser pelo fato de ja ter passado muito sofrimento na vida muitas brigas eu me sinto esgotada como se ninguem gostasse de mim,me sinto feia esquesita nao gosto de fikar assim tenho só 19 anos e nao sei oq fazer eu fico extressada pelo fato de alguma coisa nao acontecer..euu nao aguento mais viver assim sentindo com a auto estima lá em baixo….toda noite tenho insonia,perda de apetite ja perdi 8 kilos..nao consigo dormi e acordo tarde perto do meio dia….nao lembro onde eu coloco as coisas,pego tiro do lugar e nao lembro mais eu esqueco de tudo rapidamente…ficam so pensamentos negativos na cabeça eu nao quero pensar mas nao consigo evitar…att:pamela

Avatar for Miguel Lucas
FRANCISCA BERNARDINO

MUITO LEGAL TODAS ESSAS INSTRUÇÕES, É BASICAMENTE UM LIVRO DE AUTO AJUDA. É COMO SE ESTÍVESSEMOS DENTRO DO CONSULTÓRIO COM O PROFISSIONAL DE TANTA CLAREZA QUE É AS SUGESTÕES.

OBRIGADA

Avatar for Miguel Lucas
Natalia

Olá. Li seu artigo, e realmente é muito bom, mas não consegui me "animar" o quanto gostaria.
É assim, arrasto a depressão há não sei quanto tempo, mas sempre mascarei os sintomoas com compras excessivas, saindo muito, bebendo, fumando, enfim, eu não parava quieta para não ter que pensar. Cheguei a me casar sem amor!!! Claro que não durou mais que 9 meses, e alguns meses depois, quando comecei um tratamento e resolvi viajar de férias, onde conheci uma pessoa muito especial. E essa pessoa me ajudou muito no início, a ver a vida com outra perspectiva. Em pouco tempo resolvemos ficar juntos. Voltei pra o meu país, larguei trabalho, casa, carro novo, amigos, minhas cadelas, e embarquei nesse novo amor. Resolvemos começar juntos a nossa vida em outro país, onde o mesmo tinha uma proposta de trabalho, antes de nos conhecermos. Sou brasileira, formada em direito, até então me achava muito bem resolvida, com um pique total pra tudo, e com fama entre os meu amigos de resolver qualquer problema com muita facilidade. Meu noivo é português, tinha seu negócio, sempre foi um cara independente, com a vida resolvida, mas faltava o amor. Enfim, estamos juntos nessa nova empreitada num país sulamericano, muito diferente de tudo a que estamos acostumados. Desde que chegamos, estou sem tratamento, e ainda sem trabalho. E passo meus dias em casa. Não gosto de sair pra conhecer nada. Na verdade não consigo, não sinto ânimo pra fazer passeios, ou qualquer coisa que envolva sair de casa. Começamos agora um curso para aprendermos a língua do país, e só. Meu dia é acordar triste, sair pra correr, passar o dia em casa (a ler, na internet, etc.) lamentando de tudo que deixei, de como as coisas estão difíceis, que não tenho trabalho, não posso ter a vida confortável que tinha antes. E como consequencia o relacionamento não anda muito bem, pois, estamos ambos sob muita pressão, e como ele não entende, ou prefere não enteder as dificuldades que tenho por estar em estado depressivo, discutimos demasiadamente. Ele me cobra disposição, me cobra tudo, pra que eu converse, pra que eu saia, pra que eu seja uma pessoa que não consigo ser!!!! Choro muito, todos os dias, durmo muito cedo, acordo muito cedo e só consigo ter pesamentos negativos. Não vejo um futuro feliz neste país, até porque a felicidade se tornou algo inatingível para mim, algo sureal.
Li este seu primeiro artigo, que por sinal é muito bom, mas não é a minha salvação, e creio que não seja esse o objetivo, mas já é uma luz no fim do túnel. Creio que para mim seja ideal uma ajuda profissional, afinal eu já tinha começado um tratamento no Brasil e tive que interromper. Vamos ver o que segue…
Obrigada por me "ouvir"
Natália

Avatar for Miguel Lucas
Mariana Lima dos Santos

LEIA SOZINHO porque no passadoeu também não acreditava que iadar certo, mas… funciona mesmo!!! Entrei neste site e fiz esta prece. Fiz para ver se ia dar certo e deu, assim que acabei meu amor ligou. A pessoa que eucopiei também não acreditava mas para ela também funcionou! AGORA VEREMOS… Diga para você mesmo o nome do único rapaz ou moça com quem você gostaria de estar (três vezes)… Pense em algo que queira realizar na próxima semana e repita para você mesmo (seis vezes). Se você tem um desejo, repita-o para você mesmo (Venha cá ANJO DE LUZ eu te INVOCO para que Desenterre NO de onde estiver ou com quem estiver e faça ele ME telefonar ainda hoje, Apaixonado e Arrependido, desenterre tudo que esta impedindo que NO venha para MIM , afaste todas aquelas que tem contribuído para o nosso afastamento e que ele NO não pense mais nas outras… mas somente em MIM. Que ele ME telefone e ME AME. Agradeço por este seu misteriosopoder que sempre dá certo. Amém…). Publique esta simpatia por três vezes , basta copiar e colar por três vezes em in forum diferente esta simpatia abaixo e logo em 48hs você terá uma linda surpresa, beijos Ainda esta noite de madrugada o TEU amor dará conta de que TE ama, algo assim acontecerá entre 1 e 4 horas da manhã esteja preparada para o maior choque de sua vida! Se romper esta corrente terá má sorte no amor

Avatar for Miguel Lucas
pjorge

li muitos comentarios exactamento sinto o mesmo mas confio em deus e nossa senhora fatima para ultrapassar essa agonia chamada depressao quero vos dar força para ultrapassar isso sem cometer loucuras temos familia deus e grande

Avatar for Miguel Lucas
Roberson

Excelente artigo! Parabéns! Confesso que fiquei emocionado ao ver tantas coisas que sinto sendo descritas no texto! Estou passando por um momento muito difícil, mas estou tentando superar. Por enquanto não procurei ajuda profissional, mas não descarto essa possibilidade. Muito pelo contrário, aliás, mas quero tentar mais antes de procurar um psicólogo. Espero que tudo melhore e que eu consiga "me encontrar" novamente. Ironia ou não, um dos meus objetivos nessa "nova fase" é, justamente, cursar psicologia.

Avatar for Miguel Lucas
mattheus

Muito obrigado lucas, li seu artigo sobre o TAG e me senti totalmente inserido, atualmente passei por diversas provas e eu estava estudando exaustivamente, por volta de 9h por dia, não consegui aprovação entrei num estado de tristeza! eu adoro desafios e isso até certo momento me deixou angustiado pq eu sempre tou querendo vitoria, só q nao dava mais sabe! eu comecei a sentir umas sensação de queimação no estomago e isso passou a evoluir para um nó na garganta e hj eu sinto um peso na cabeça como se toda minha capacidade cognitiva tivesse sumido, estou preocupado, eu sei q nao sou assim, na minha familia tem um caso confirmado de depressão e tenho medo de entrar nessa mas eu nao quero!!! tou buscando ajuda.

Avatar for Miguel Lucas
R.Lins

Seu artigo é bem interessante, tenho estado com depressão a uns 4 anos, fui estimulada por meu psicologo a larga minha empresa e aceitar um novo trabalho, aí foi que as coisas pioraram, hoje tento me manter inteira mais fico muito confusa, voltei para deste psicologo mais de certa forma o responsabilizo por minha atual situação, se ele sabia como a depressão funciona, porque me incentivou a me afastar de todos? Isso me deixa mais angustiada, não sei bem o que fazer.
Todos os depoimentos são parecidos, acho que estou enlouquecendo, é uma sensação pessima. Mais acredito que vou supera-la.
Acho que estou mais triste do que deveria, consegui superar tantas coisas mais não fico deliz, ME AJUDE.

Avatar for Miguel Lucas
ana rita ferraz

achei otimo tudo que eu li,pois agora eu tenho certeza que eu ja estou na faze final da depressao.So que eu ja tinha procurado ajuda medico,eu tomo sertralina e clonazepam para dormi mas acho que não esta funcionando,vou tentar voltar para a academia porque eu me sentia bem e vou procurar o medico de novo,e horrivel esta sensaçao parece que a gente não vale nada.

Avatar for Miguel Lucas
JULIANA

Antes de ler esse artigo estava mim sentindo sem rumo tento depreçao a uns 8 meses comecei a fazer tratamento com o psiquiatra mas parei mim sentie bem melhor.Lendo esse artigo venho agradercer esse informaçoes agora vou colocar em pratica.Obrigado pela ajuda.

Avatar for Miguel Lucas
samara abreu

nossa ando ruin com varios sentimentos nao sei se é depresao muitos pensamento triste me sinto gorda feia nao quero sair sentimendo de uma pessao sozinha triste nao sei porque sera que estou com depresao??

Avatar for Miguel Lucas
Rosa

A depressão é algo realmente complicado. Eu nunca me deixei ir abaixo, mas tenho alguém bem próximo de mim que tem muitos destes sintomas.
Desde que o meu namorado foi para a universidade agarrou-se mais às drogas leves, perdeu a vontade de se levantar da cama, e sempre que estava comigo estava desmerecido, em baixo. Junto dos amigos dele, ja se recompunha. Mas comigo ia-se completamente a baixo. Começou a culpar-me de tudo, do estado dele e da nossa relação estar a perder a vivacidade.
Fiz com que fosse a uma psicóloga, e a dr. disse que ele nao tinha depressão nenhuma, mas sim dependência de canabinoides. Agora vai lá de duas em duas semanas, mas nao tem melhorado. Eu nao sei mais como lidar com ele. Os pais dele estao-se a ir a baixo, andam tambem muito em baixo. Ja pensei que talvez a culpa seja minha, e que se ele estivesse sozinho, que melhorasse.
Namoramos há um ano e pouco, eu conheci-o sendo uma pessoa divertida e relaxada. Agora, agramente o vejo assim. Nao há dia em que nao haja uma discussão. Há um ano morreu um grande amigo meu e ainda estou a lidar com isso. Há dias em que me sinto completamente perdida.
Alguém me pode indicar como lidar com isto tudo? Ja tentei tanta coisa..

Avatar for Miguel Lucas
shirlley

nossaaaa!!!! muito bom, adorei,q esse ducumentáro,que ajudem muitas pessoas que tenha depressão,e a cima de tudo peça sempre a Deus que pode ter certeza q ele te ajudara, certeza, que com essa combinção vai ser perfeita, mais acima de tudo confie em Deus.tchau um abraço.

Avatar for Miguel Lucas
JULIA

sinto me feia sem animo p fazer nada,um medo de rejeiçao das pessoas nao,ja pensei em me matar varias vezes vivo triste ..

Avatar for Miguel Lucas
Felipe

Muito bom o que encontrei nesse site, com certeza ira ajudar.
Tenho depressão apos terminar um namoro um tanto quanto complicado, mas tento lidar de forma positiva, e na maioria do tempo penso em me recuperar logo, afinal, ficar deprimido não ajuda em nada, tem um mundo ai fora cheio de coisas novas e diferente que podem te surpreender. Só você mesmo sabe o quanto fica difícil e complicado lidar com o mundo quando quando se sente mal, mas só você pode mudar isso. É só ter paciência e coragem, e pessoas para de ajudar. O amanhã ainda pode te surpreender.

Avatar for Miguel Lucas
Paula

Um artigo feito com muito cuidado e carinho! Certamente já me ajudou muito, há quase três meses passo por uma crise em meu casamento, que era pleno e feliz do meu ponto de vista, havia respeito e muito amor, nós lutamos juntos e sempre nos apoiavamos. De repente, tudo ruiu, meu mundo virou ele disse não amo mais e como se isso não bastasse se transformou num homem hostil e violento, pressionando me com injurias e maus tratos a deixar o lar, nosso ninho de amor. Eu desabei, emagreci 7 kg, adoeci gravemente, tranquei a faculdade porque não me concentro em nada, e ainda descobri que tem outra na parada, minha pele ressecou, minha alegria escapou de mim, e parece até que não vale mais a pena nada. Não enchergamos perspectiva de nada, parecemos um barco a deriva perdido, a idéia de suicidio vem sim, mas não o faço porque lá no fundo ainda tenho esperança, por um lado isso salva minha vida por outro continuo ligada ao esposo que nada quer comigo.

Avatar for Miguel Lucas
Clunes Cambria

muito realista e otimista ao mesmo tempo sua intenção em SALVAR o semelhante. Parabéns Miguel Lucas pela preocupação com o outro, coisa rara hoje em dia, onde tudo o que interessa é o TER e não o SER… Gostei muito de suas abordagens. Continue se doando. Há milhares nessas situações descritas acima que não podem sequer ir atrás de um tratamento em clínicas ou consultórios devido a situação econômica. Já passei por isso e consegui sair da tal depressão pós parto há 15 anos. Saí sozinha mesmo, onde meu psicólogo foi Deus, porque também como muitos dos leitores NÃO tinha recursos financeiros para o tratamento. Mas posso dizer por experiência própria que é uma das piores "doenças" que já enfrentei… obrigada por ler meu depoimento.

Avatar for Miguel Lucas
Lena Heinrichs

Bom dia! Parabéns pelo texto realmente é muito rico .

Avatar for Miguel Lucas
Ana

Ola!!!…Percebo que a tempos não responde mais os comentarios….o que sucedes…???
Queria sua ajuda, apesar de ter lido o artigo, ainda sinto medo de essa cura não chegue e que eu me deprima ainda mais.
Queria palavras que me fortalessem, tens algum caso de depressão que a pessoa ficou curada???
Obrigada e quem quizer add laynarapj@hotmail.com

Avatar for Miguel Lucas
tharibeiro.arq@gmail.com

Olá..estou precisando muito de ajuda, li todos os sintomas da depressão, e me encaixo em todos eles…nunk imaginei q eu fosse passar por isso,realmente parece que eu tenho os pensamentos paralisados…num tenho vontade de num é todas as horas..mas 90% o dia…num tenh vontade de comer..tenho enjoos…mas tenho certeza que não estou gravida…ja tem uns 20 dias que estou aqui…
sinto um aperto no peito o dia inteiro como se fosse uma azia…emagreci 4 kilos em uma semana…num tenho vontade de fazer nada…tenho muitos pensamentos negativos..
como se uma parte da minha cabeça falace eu quero fazer isso…e a outra dissesse não!!! vc não quer fazer isso…me distorcendo sempre para o que não é bom…
eu era muito feliz…morava com minha tia…trocava qualquer coisa para ficar com meu namorado que é lindo e maravilhoso comigo…agora num tenho vontade de mais nada…nem comer..nem ter filhos..nem ver meus parentes..nem mesmo ficar rica e poder ter minha casa..essa tristeza toda começou quando fiquei sabendo que minha tia q era que nem uma mae pra mim..disse q iria embora..agora estou sozinha…tendo que morar num quartinho..pq meu namorado ainda não tem condições pra gente ter uma casa e se manter sozinhos…´so tenho ele e mais ninguem nessa cidade…num quero chegar em casa…pq num vo mais ver minha tia…assistindo novela e nem minha cachorinha vindo brincar comigo…
amo muito meu namorado e num quero fazer ele sofrer…vendo eu sofrer…assim só pq minha tia foi embora…quero voltar a ser feliz como eu era a dias atrás..passa tantaas besteiras pela minha cabeça…to sofrendo muito..me ajude se puder..so muito pobre e num tenho condições..de pagar um psicólogo…

att Thais.

Avatar for Miguel Lucas
LETIÇIA RITA DE MORAES

EU SEMPRE FUI MUITO NERVOSA,ALGUM TEMPO VENHO TOMANDO AMITLIPITILINA E ATENAROL MAIS DIA 13 DE DEZEMBRO 2012 MEU FILHO DE 15ANOS SAIU DE CASA FOI A UMA CACHOEIRA E UM RAIO MATOU ELE EU LEVEI UM CHOQUE MUITO GRANDE ENTAO PERDI A VONTADE DE VIVER JA TENTEI O SUICIDIO HOJE NAO DURMO MAIS A NOITE SO CUCHILO E VEIJO MEU FILHO DENTRO DE CASA ELE DEITA NA MINHA CAMA COMIGO CRIEI MEU FILHO SOZINHA FUI MAE E PAI DELE ELE ERA TUDO NA MINHA VIDA HOJE EU ESTOU TOMANDO FLUROXETINA HAROL DIAZEPAM AMITLIPITILINA ATENAROL E OMEPLAZOL SIMTO DORES PELO CORPO TODO DA CABEÇA AOS PES NAO ALIMENTO TO NO CAPS MAIS E UMA LUTA PRA MIM LEVANTAR DA CAMA POIS SOFICO DEITADA SEM DORMI OS MEUS NERVOS DOI SINTO TRIMULOS DESMAIO E ESTOU PERDENDO A VOZ SINTO UM NERVOSO MUITO GRANDE SINTO VONTADE DE MATAR SE EU FICAR NERVOSA OU PENSANDO FICO IMAGINANDO COMO VOU ME MATAR E TENHO CORAGEM OQUE EU TENHO ME AJUDA ATE IR VIVER COM OS MENDINGOS EU TENHO VONTADE MAIS NAO ME DEIXAM SAIR VONTADE DE FUMAR DROGAS EU TENHO

Avatar for Miguel Lucas
dani

OLA ,TENHO UMA IRMÃ QUE JA TENTOU O SUICÍDIO POR TRÊS VEZES SENDO DUAS COM QUANTIDADE DE REMÉDIOS E A OUTRA QUE FOI DIA 1952013…NA MADRUGADA COM SINTO NO PESCOÇO GRAÇAS A DEUS MINHA MÃE FOI VELA E QUASE MORRE NÉ UMA UMA FILHA NAQUELE ESTADO ,CORREU PEGOU UMA FACA E CORTOU O SINTO,COM ELA QUASE DESFALECIDA MINHA MÃE PERGUNTOU PORQUE ELA DISSE NÃO SEI E DESMAIO………………NÃO SEI COMO AJUDAR ELA NEIM MINHA MAE.S SEI QUE MINHA MÃE TA ABALADA NOS ESTAMOS E CLARO E NAO SABEMOS COMO AGIR….

Avatar for Miguel Lucas
keila

Ola gostaria de ajuda achu qui estou com depresao, nao sou de ficar espondo meus problemas para minha familia ate porque tudo pra eles e frescura..
Meu sintomas sao: perdi totalmete a vontade de fazer oq gostava de fazer antes como trabalha sair cm amigos, perdi o interese sexsual prefiro me isolar do resto do mundo so trenhu vontade de ficar trancada no quarto chorando achu qui por causa.disso me vem fortes dores de cabeça me sinto um lixo perdi. meu serviço ja tentei me matar senpre passa isso pela minha cabeça.
Pros meus pais isso e coisa de jovem frescurinha.. meu marido ta preucupado com qui isso po
a acabar cm nosso relacionamento nao tenhu corague pra procura ajuda. De medicos .. me ajudem

Avatar for Miguel Lucas
anna

ola antes de mais quero te dizer que esas ideias do suicidio nao pode ter isso na cabeca tem que afastar essas ideias porque isso nao leva a lugar nenhum so pode vir a destruir a vida um dia como muitos que o fazem …posso dizer que entrei em depressao a muitos meses vai fazer um ano no inicio achava que conseguia vencer sozinha como sempre venci tudo na vida mas a medida que foi passando o tempo percebi que sozinha n aguentava pois e um fardo muito pesado e vou comecar traramento medicamentos estou pronta para a luta nao desistir nunca e um conselho que deixo todos os que passam por isto um bem haja para este artigo mais o livro ira ajudar muito forca e fe

Avatar for Miguel Lucas
Rosa

Olá. Devo dizer que gostei muito dos seus artigos. Artigos sobre depressão é o que nao falta na internet, mas encontrar alguns que sejam realmente utéis no tratamento e não apenas informativos é raro e os seus são de uma extrema utilidade.
O mundo dos deprimidos é um mundo negro, desesperante e doloroso em que o suicido, nos casos mais graves, é visto como a única solução para acabar com a dor. Eu sinto-me assim constantemente. Dizem que há solução, que há tratamentos, que devo ter ajuda profissional (que já arranjei) e ficarei bem. Mas até que ponto é ficar bem? Queria saber se no meu caso é possível mesmo bem.
Eu tenho 19 anos e não me lembro de alguma vez ter sido feliz. A história da minha vida foi baseada em situações graves de abusos, agressões e num crescimento na completa solidão. Só há uns anos é que compreendi o que realmente havia passado e os efeitos que isso teve na minha vida. Ainda que fique bem e me sinta feliz e com vontade de viver a minha vida quando acabar a terapia, o que quero mesmo saber e ninguém me explica, é se vou conseguir preencher o "vazio" causado pela falta de afectividade ao longo desdes anos? Posso ser feliz, mas é possível ultrapassar todas as minhas falhas emocionais e viver de maneira a que o passado não interfira com o presente?
Estou consciente da importância da infancia e adolescência na formação de um indivíduo e sei que os episódios negros por que passei condicionam o meu desenvolvimento pessoal e a minhas relacões com os outros e quero ultrapassar estes condicionamentos mas parece-me impossível que, de imensos anos de sofrimento, se possa recuperar na sua totalidade. Poderia esclarecer-me por favor. É que ja estou farta de respostas positivas irreais.
Obrigada.

Avatar for Miguel Lucas
vanessa

Preciso de ajuda n sei mas o que fazer só me passa coisa ruim na cabeça , estou desempregada cortarão minha agua n tenho nada em casa pra comer tenho 2 filhas e só penso em morre pq vou fazer o que roubar n tomo banho a 2 dias minha casa esta de pernas pro ar . n consigo arrumar forças só choro a dor q sinto é tanta …

Avatar for Miguel Lucas
Ana Lucia Dimitrios Rentzios

Gostei muito do seu artigo, acho que vai me ajudar muito, Estou em tratamento c/psicologapsiquiatra ha seis meses. Agora que estou tendo pequenos resultados. E muito dificil entrar em contato com os sentimentos. Sei que estou no caminho certo. A paralisia que e o mais complicado, Voce explicou tudo. Mmuito bem, Neste periodo fui afastada do meu emprego, mas sou professora efetiva, recebo, Perdi sala de aula, estou me conhecendo mais, e bom. Parabens pelo texto. Ana Lucia,

Avatar for Miguel Lucas
ivo santos

ola

sou o Ivo e venho aqui por um motivo

sobre a minha mãe que teve um AVC imorragico profundo de nível X

e desde ai ela ficou sem andar e sem mexer o braço nem a mão esquerda , deixou de falar e etc.
depois de ter estado internada no hospital ela foi transferida para uma clinica de recuperação numa cidade distante da minha pelo que me era muito difícil para a ir visitar mas mesmo assim sempre que eu não podia eu ligava e falava com ela .
ela compreendia mas só que começava a chorar e nunca mais conseguia para de chorar .
estava na altura a tomar uns comprimidos para a depressão que não faziam absolutamente efeito nenhum mas só que infelizmente só eu é que via que não estavam a fazer efeito
depois de sair da clinica de reabilitação ela veio para casa somos três irmãos mas ninguém quer saber dela a não ser eu que fui considerado pela seg.-social o único cuidador dela
e o que me preocupa é que ela tem estado a chorar por tudo e por nada como também foi o caso de hoje que a minha cunhada foi para o hospital de ambulância e a minha mãe começou a chorar sem razão absolutamente nenhuma e eu estou a ficar cada vez mais preocupado

por favor agradecia
que me tentassem ajudar porque eu próprio também já me tentei matar mas só não o fiz por causa da minha mãe
ela tem 56 anos e eu tenho neste momento 29

obrigado e continuação de um bom trabalho neste excelente blog que até já o guardei nos favorito
mais uma vez obrigado

Avatar for Miguel Lucas
Patricia

OLÁ! Obrigada por este espaço!

Primeiramente, eu entendi que eu estive em constante luta contra a depressão: ouvindo muitas músicas, namorando, procurando igrejas, insistindo em tudo que dá alegria e sentimento de se sentir amada e conquistadora de meus objetivos. Entendi que estudo pra me auto afirmar como uma mulher forte, independente e capaz. Porém, ultimamente estou vivenciando uma terrível tempestade: me irrito com bagunças que meu enteado faz, acredito que a preguiça dele me incomoda muito (não estuda nada e o pai dele não toma uma atitude adequada, não o castiga, não o corrige, parece que para o pai dele está bom do jeito que está.) Eu fico muito precupada, até falo brigo, mas acabo por sair como a vilã e idiota porque nada se faz. Eu me sinto muito sobrecarregada, porque meu enteado não ajuda, não joga o lixo e nem lava a louça (suas únicas obrigações na casa, além do estudo que nem o faz). Então, a minha casa que eu sempre imaginei como um lar vive em constante bagunça, o banheiro dá nojo. A pia vive cheia de louça e suja. …Ou seja, eu vim de uma casa onde tudo era muito bem organizado, e eu pai e minha mãe nos as de disciplinaram a dividir as tarefas de casa e a sermos organizados, estudiosos. Sempre tentamos não sobrecarregar a minha mãe com os deveres de casa e nem preocupar nossos pais com os estudos, obtendo sempre boas notas. Meu pai é um homem de muita correção, as vezes até se excedia, mas sabia reconhecer seus erros e se desculpar. Sinto muita falta dessa organização. Me sinto morando com duas pessoas loucas, que não se importam com a minha vida, e que dificultam a minha vida. Não consigo estudar num local tão sujo e bagunçado. Eu as vezes penso em me separar do meu marido pra poder seguir a minha vida que no momento parece travada por causa da maneira como ele conduz a família. Não gosto do egoismo e por isso acho que eu que tenho que mudar minha forma de pensar. O problema é que eu ainda estou fazendo faculdade e vim reprovando as disciplinas, estudo mas não entendo mais nada, amo direito e já chegaram a me perguntar como eu passei no vestibular. Sendo que eu passei em 4 vestibulares federais. Eu sou inteligente, mas estou com muitas dificuldades de me concentrar e entender e lembrar o que estudo. Minhas preocupações se resumem a casa e marido, e meu irmão doente de esclerose multipla.

Por favor me ajude…eu penso em arranjar um emprego e me separar pra poder seguir a vida.

Avatar for Miguel Lucas
joana

Meu namorado sofre com depressão como posso ajudar ??

Avatar for Miguel Lucas
seleida

me ajude por favor, estou com depressão a um ano e estou so na cama, já tomei vários antidepressivos e nada adiantou, tenho acompanhamento com psicólogo e nada,

Avatar for Miguel Lucas
luciana de c g

Gostei muito do comentário, tenho certeza que certas coisas iram ter grande valia para mim, passei por um problema emocional muito desagradável 16 de Dezembro do ano passado, data que para mim jamais vou esquecer. Então quando comecei a ler e vou pensar em varias coisas ditas, eu mesma estou tentando retomar minha vida, mas não é fácil, eu achava que tinha tudo, que era td perfeito mas…É assim as pessoas nos surpriendem a cada dia que passa.
É claro, que pensei em fazer varias coisas, ruins é claro? Mas hoje tenho um bebe 1a e5 meses então tenho que ser mais forte ou representar, as vezes acho que não vou conseguir, hoje pratico reique, e vou em um centro para me benzer, mal não faço deixo td para a a lei divina.
Bem vou finalizando e agradescendo.
Obrigada
LCG

Avatar for Miguel Lucas
Fábio (Salvador Bahia)

Miguel, só tenho uma coisa a dizer: MUITO OBRIGADO por ter escrito este artigo.

Um grande abraço.

Avatar for Miguel Lucas
Nathália

Gostei muito do artigo,ando passando por uma fase depressiva horrível que ocorreu do nada , larguei tudo que eu gostava de fazer estudo,amigos,academia deixei de me cuidar e muitas vezes de duvidar do amor que eu sentia pelo meu próprio companheiro ao qual eu fazia muitos planos. Aos poucos estou lutando contra tudo logico as vezes tenho recaída choro muito as sensações de medo, culpa,angustia são muito comum. Mas quero vencer sempre fui linda e feliz e ando tendo apoio enorme tanto do meu parceiro como da minha família.

Avatar for Miguel Lucas
Alex

Dr. Miguel, muito bom seu artigo, entretanto vc sumiu…

Avatar for Miguel Lucas
Fátima

Dr. Miguel:

Esta msg serve simplesmte p/ lhe dizer q/ (vou tentar resumir) tenho 39 anos e q/ há mtos q/ sofro de depressão, diagnosticada, contudo, somte há c. de 5. Tenho tido sp acompanhamto psiquiátrico, c/ medicação c/d x + poderosa, q/ me ajudou a engordar, em c. de 3 anos, 30kg (facto q/ arrasa c/ o q/ resta da minha auto-estima). Tb procurei, s/ mto entusiasmo, até pq a depressão ñ promove, de todo, o entusiasmo p/ nada, 1 psicóloga e 1 psicoterapeuta, e isso valeu o q/ valeu. Senti q/ só eu conversava, só falava de dor, ñ ma aliviavam e, portanto, + valia ñ gastar dinheiro e deixar q/ a família e os amigos debitassem os seus lugares-comuns. A depressão tornou-se crónica, grave e extremamte profunda. Os sofrimtos na minha vida sucediam-se vertiginosamte e eu desisti. A ideação suicida era 1 constante, ñ p/ "chamar a atenção", mas p/ me "libertar", e acabei por fazer 1 1ª tentativa 1 pouco fraca, em agosto de 2012, da qual quase ninguém se apercebeu. Tal facto fez c/ q/, à minha volta, se encontrassem desavisados p/ a 2ª tentativa. "Fortaleci-me" e, desta x, entrei praticamte em coma, mas as raparigas q/ viviam comigo acabaram por se aperceber no último instante e chamaram o INEM. Eu procurara avidamte a paz mas, qdo abri os olhos, senti q/ até nisso falhara. Q/ até de desistir tinha de desistir. Tentaram reanimar-me, fizeram-me 1 lavagem ao estômago de 7h (no Hospital de S. José, em LX, correspondente à minha área de residência na altura), e dali fui enviada (faz parte do processo, ao q/ parece) p/ o Hospital Psiquiátrico Júlio de Matos, onde estive internada. Este episódio ocorreu em finais de maio deste ano. Desde então, + desencantada e cética do q/ nunca, acabei por, por curiosidade, ir ter ao seu site. Foi anteontem, 5ªf, 19 de setembro de 2013 e, desde então, q/ tenho a clara noção de q/ descobri nas suas palavras a teoria q/ me há de levar à prática, a afastar o passado, a ter 1 presente e, inclusivamte, 1 futuro, a conseguir alcançar os meus maiores objetivos, e a ser feliz, tanto qto alguém assim se pode considerar. Ñ sei c/o lhe agradecer e gostaria sinceramte q/ lesse e desse 1 feedback deste meu "depoimto" pq, s/ exagerar, fez + enqto eu lia os seus artigos e os links p/ outros, do q/ tudo e todos, inclusive eu, me fizeram em anos! Comecei a sentir q/ eu valia a pena, e isto ñ é 1 cliché q/ eu digo da boca p’ra fora… Assim esta força motivadora se mantenha e permaneça p/ sp, o q/ faz de si 1 Psicólogo ímpar, 1 pessoa extraordinária e q/, literalmte, ñ sei se já percebeu, me salvou a vida! Obrigada.

Évora, Portugal

P.S. Vou mtas xx a Leiria, nomeadamte de 5ª p/ 6ªf (26/27) da próx. semana e seria mto bom, se tivesse 1 consultório, eu poder agradecer-lhe pessoalmte.

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Fátima, obrigado pelo comentário.

Agradeço imenso o seu testemunho. A descrição da sua experiência de depressão, infelizmente é partilhada por muitas pessoas. Pessoas que sofrem, por desconhecimento, por ineficácia de alguns profissionais, por deturpação de tratamentos, pelo sistema olhar mais para a "doença" do que para a possível solução.

Fico tremendamente contente que os artigos possam ter permitido encontrara uma esperança renovada, e com isso aplicar os conceitos, técnicas e estratégias no sentido de voltar a tomar a sua vida na suas mãos. Passo a passo é possível sim.

Ao postar o seu comentário já me está a agradecer. O facto de eu ficar a saber que através das minhas palavras consegui transmitir esperança, é um enorme conforto, sinto que o meu objetivo está a ser atingido.

Força e convicção na sua recuperação. Deixo-lhe o email: geral@escolapsicologia.com . Envie um email, e em resposta posso deixar-lhe o meu número de telemóvel, caso pretenda tentar contactar-me pessoalmente.

Força e convicção na sua recuperação

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Fátima

Dr. Miguel:

Obrigada + 1 x pelas palavras de incentivo… e tb espero q/ o meu testemunho ajude outros em situações +- semelhantes… Espero, ainda, ñ ter mtas recaídas e conseguir perspetivar o meu presente e o meu futuro c/ a alegria e a esperança q/ perdi há tanto tempo, mas q/ pautavam a minha personalidade. Entretanto perdi-as e substituí-as por sentimtos destrutivos, mas sei q/ vou recuperá-las: c/ a sua ajuda!

Avatar for Miguel Lucas
Paulo

Preciso de ajuda,mas ñ tenho coragem de pedir pra minha familia ou amigos,tenho pensamenos suicidas.axo q aconteceu depois da separação dos meus pais.depois disso deixei meu emprego,ñ saio de casa,quase ñ tenho amigos.isso jaá dura 09 meses.estou no meu limite,ñ aguento mais.Me ajudem por favor.

Avatar for Miguel Lucas
Fátima

Olá, Paulo.

Li o teu aflito desabafo de há pouco: lê, p.f., o meu comentário acima, datado de 21 de setembro, ao qual o Dr. Miguel respondeu prontamte. Vais-te identificar, embora c/d caso seja diferente, e espero sinceramte q/ ele e a resposta deste Psicólogo te ajudem. Esta "Escola de Psicologia" está a fazer mto por mim, e eu sou 1 cética. Espero do fundo do coração q/ te ajude tb. Se precisares de palavras amigas, exatamte pq sei aquilo por que estás a passar, contacta-me aqui. Força, mta força! Abraços!!

Avatar for Miguel Lucas
Glenda

Dr. Miguel,

Li o seu artigo e foi de muita ajuda para eu entender mais sobre a depressão. Meu marido sofre disso a muito tempo, quando o conheci ele estava saindo de uma crise, mas não expôs para mim. Caí de paraquedas nessa, mas o ajudei mto e ele superou a crise, as pessoas que conviviam com ele antes me falam que eu fui a salvação dele. Venho enfrentando junto a ele essa doença ha 5 longos anos, pois ele nunca fica bem 100% é só acontecer algo de errado, que para a maioria seria fácil de superar e a crise volta. Eu não aguento mais, eu estou a ponto de explodir! tenho que viver em função dele, sempre me vigiando para não magoa-lo, fazendo tudo para agradá-lo. Por que tudo o deixa chateado, triste as vezes sem motivo aparente. E o pior que ele não quer se tratar, já pedi a ele para ir ao psicologo, psiquiatra, neuro mas ele não me ouve, e vive me cobrando que eu não o ajudo, que eu não entendo a doença dele. Eu me sinto mal, incapaz de ajudá-lo eu era uma pessoa tranquila, nada me abalava o mundo podia tá desabando ao meu redor e eu estava feliz hoje em dia me vejo triste, estressada, grossa, egoísta a ponto de surtar jogar tudo pro alto e ir embora, deixá-lo eu tenho apenas 25 anos, sou mto nova para passar por isso. A minha vida parou, não consigo ter foco, não fiz uma faculdade que era o que eu tanto queria por que fico me anulando esperando que ele cresça, para que depois eu possa também, por que tenho medo de dá td certo pra mim e surgir a vontade de deixá-lo, e eu não quero isso eu o amo muito e desejo que ele fique bem, para que possamos construir nossa família. Ultimamente tenho tratado ele mal, tô sem paciência e sei que isso só piora as coisas pra ele, mas é inevitável já não estou conseguindo controlar. Peço que me ajude, me oriente no que devo fazer por que eu mesma já não sei. Desde já obrigada por me ouvir.

Avatar for Miguel Lucas
thayla eduarda silva veloso

minha tia esta assim mas eu sei que ela pode mudar essa situação minha mãe consiguiu pq ela nao pode conseguir quero uma resposta urgente por favor………………………………….

Avatar for Miguel Lucas
A.Cris

Bom dia. Tive uma infância muito conturbada.Passei muita necessidade. Perdi meu pai muito cedo, aos 08 anos. Minha mãe, com muitos filhos (10) nos separou. Fui morar com uma de minhas irmãs que já estava casada. Sofri abuso sexual pelo meu cunhado aos 11 anos, quando fiz 18 anos, já estava trabalhando, fui morar sozinha Não consegui concluir minha faculdade pois, o dinheiro que eu ganhava, mal dava par pagar aluguel e comer. Tranquei minha matrícula e nunca mais voltei. Conheci meu marido aos 18 anos (ele era 20 anos mais velho que eu), casamos e tivemos um filho. Meu casamento foi ótimo.Com 26 anos de casada, fiquei viúva. Meu marido morreu de câncer, ficou 05 meses no hospital sofrendo, e eu, vendo tudo pois, ele já tinha 65 anos e podia ficar com acompanhante. Não saia de lá para nada. Meu filho ficou na casa de uma vizinha durante todo esse período. Foi horrível!!!!! O que resta de minha família, ninguém se prontificou a ficar com ele.Meu filho hoje está com 24 anos. Com 08 anos de viuvez, conheci uma pessoa mais jovem (na época ele tinha 41 anos) e eu 52 anos. Ficamos juntos por 04 anos. Um dia sem mais e sem menos, ele me disse que não dava mais. Foi embora com outra pessoa mais jovem. Uns meses antes eu vinha percebendo algo diferente. Parecia que ele tinha nojo de me tocar. E, logo em seguida ele vai embora. Entrei em uma grande depressão, passei a odiar meu corpo, meus seios então!! Nossa, odeio!!! Perdi a vontade de viver. Tenho ódio dele só em pensar que ele me olhava com cara de nojo e eu não reagi. Tenho muita raiva de mim. Não consigo falar com ninguém sobre isso. Tenho vergonha até de tocar no assunto. Perdi a vontade de viver. Me isolei de tudo e de todos. Não sei o que fazer. As vezes penso que a morte seria muito melhor. Mas, penso em meu filho. Hoje somos só eu e ele. Minha família foi morrendo aos poucos e, resta quase nada. Na família de meu marido, já não existe quase ninguém. Como deixar meu filho assim. Ele não tem namorada, é uma coisa que me preocupa muito. Ele está com 24 anos e vive isolado, sem amigos. Somente os que tem no trabalho. Quando chega fim de semana, lá estamos nós dentro de casa. É muito triste viver assim.Este é um pequenino resumo de minha trajetória de vida. Vida essa que lembro muito pouco de ter prazer de viver.Estou sem motivação para tudo. O que fazer? Só tenho vontade de chorar e dormir. Estou engordando, ficando cada dia mais feia. Preciso de uma cirurgia em meus seios, mas não posso pagar. Meus seios pesam e me incomodam muito. Me diga aonde está o prazer nesta vida? Como viver com dinheiro contado? Como confiar em alguém se logo logo esse alguém te trai??? Cade o prazer? Mil desculpas mas, é meu desabafo!!! Tem dias que parece que vou EXPLODIR de angústia e ódio de tudo!!!! Por favor me ajudem!!!!
Att.
A.Cris

Avatar for Miguel Lucas
Paula

Cris, bom dia!
Eu li seu depoimento e me comovi bastante. Fico triste por saber como existem pessoas c depressão no mundo. Eu TB tenho. Eu sei o qto eh difícil se sentir só no mundo. Por favor, não faça nenhuma bobagem. Faça algum curso profissionalizante (senai,senac…), tente se aproximar de alguma vizinha q pareça confiável, caminhe num parque ou numa praia, procure fazer um programa diferente com seu filho, conhecer uma lanchonete nova, passear c o cachorro na praça. Sei q eh difícil. Eu sei. Parece q o mundo não ta nem aí p gente. Mas nós temos de ser mais fortes, tirar forças nao sei de onde. Não se ache feia, talvez vc tenha descuidado da aparência, mas eh pq vc tá mal por dentro e isso acaba sendo exteriorizado. Qdo vc se sentir melhor por dentro, TB terá vontade de cuidar mais por fora TB.

Avatar for Miguel Lucas
Paula

Continuação:
Não desista d vc! Pense em vc e TB no seu filho. Procure ficar mais perto da natureza. Alimente seu lado espiritual; os budistas e os espíritas são inteligentes, solidários e flexíveis, geralmente. Procure fazer coisas simples, mas q deixem vc mais feliz, aos poucos tente sair mais, mesmo q algo pareça prendê-la. Não tenha medo. O medo só existe em nossa mente.
Fiquei bastante preocupada c vc.
Tente se encontrar e seja feliz!

Avatar for Miguel Lucas
Cintia Silva

A depressão é um problema muito difícil de ser combatido, já superei uma vez e ela volta de novo, quando menos imagino com os mesmos e outros problemas .

Avatar for Miguel Lucas
Maria

Olá,

estou a passar por um depressão (recaída) estou a ser medicada tal como das outras vezes.
Para além da depressão há uma ansiedade extrema associada (pânico).
O problema é que não vejo razão aparente para esta recaída. Tudo me corre bem, todos temos os nossos problemas mas nada de grave.
Poderá ser um problema interno de serotonina ou os fatores externos é que contribuem para esta alteração química?

Avatar for Miguel Lucas
marizete gritti da rocha

ola tenho depressão tomo o fluxene,mas ainda mão estou muito bem sinto tonturas ,dor no peito,no braço esquerdo gostaria de saber se isso faz parte da depressao? e tomo tambem eutonis tarja preta,queria melhorar logo essa tontura que me encomoda.

Avatar for Miguel Lucas
marcia

Olá Miguel, conheci suas publicações procurando na internet maneiras para ajudar meu filho que está enfrentando uma crise de depressão chegando até pensar em suicidio. Meu filho Miguel sempre foi um aluno otimo passou na faculdade federal de medicina na primeira tentativa, e de uns meses pra cá vive desmotivado, chora por tudo não sente vontade de estudar e vive jogando no computador até altas horas da madrugada. ele disse q eu não conheço o filho que tenho quanddo tento lhe dar incentivos dizendo q ele é otimo, estudioso, amigo, ele retruca dizendo q ele não é nada que não merece os nossos esforços. Há uns 15 dias ele foi se consultar com uma psiquiatra q receitou floxetina. No inicio ele estava um pouco melhor depois o remedio acabou e ele não foi buscar outra receita e nem procurou terapeuta como a medica tinha indicado.Começou essa semana com o terapeuta mas ja disse q acha q nao vai resolver nada. Ja pensei em marcar uma hr com a medica pra ouvir o q ela me diz ou com um terapeuta a parte pra poder eu saber como agir. as vezes me falta paciência pois fazemos o possivel e eu não vejo melhora, e temo por ele fazer uma besteira. Por favor Miguel me ajude.

Avatar for Miguel Lucas
lucimar santos da silva

bom dia miguel, parabens pelo artigo… tenho dificuldades de me relaciorar com pessoas em geral. meu unico amigo e o meu marido,mas sinto que o resto do mundo não me compreende não consigo realizar tarefas religiosas preciso de um tempo ,as pssoas da minha religao acha falta de fé…então sinto-me culpada todos eles realizam suas tarefas congregacionais menos eu. tenho um filho e nem consigo cria-lo meu esposo faz tudo sozinho a8 anos .e quando começo a dar alguns passos as pessoas me jugam acham que estou fingindo cobram de mim que não ajudo meu filho espiritualmente fico frustada pois já tentei e não consigo ajudalo .faço tratamento psquiatrico a mais de dois anos gasto com medicamentos de alto custo. porem o que mais me sensibiliza são palavras e cobranças…atraves deste artigo entendi que começamos com pequenos paços .mais ainda me sinto perdida tenho transtorno bipolar e depreção profunda acho dificil lidar com meus sentimentos e opiniõe dos outros e voltar a viver.

Avatar for Miguel Lucas
Manoel Juselino

ESTAVA BASTANTE PREOCUPADO, ANDO MUITO APÁTICO, AS VEZES DESANIMADO, NOS ÚLTIMOS DIAS CHORO COM FREQUÊNCIA, PRINCIPALMENTE PELA MANHÃ, COMO JÁ TIVE DEPRESSÃO, DURANTE TRES MESES A CINCO ANOS ATRÁS, QUALQUER MUDANÇA NO MEU COMPORTAMENTO, TRISTEZA, ANGUSTIA, APATIA, FALTA DE HUMOR, UM PROBLEMA POR MENOR QUE SEJA, ME AFETA MAIS QUE O NORMAL; NO MOMENTO ESTOU PASSANDO POR DOIS PROBLEMAS, NÃO SÃO GRANDES PROBLEMAS MAS ESTÃO ME AFETANDO: NÃO ESTOU CONSEGUINDO ME ENTENDO COMO MINHA ESPOSA, E ESTOU PASSANDO POR UM PEQUENO PROBLEMA FINANCEIRO. NÃO SÃO GRANDES PROBLEMAS, O FINANCEIRO É O MEDO DE VIR A DEVER NO FUTURO, OU SEJA ESTOU ANTEVENDO O PROBLEMA, A MINHA ESPOSA NÃO ACEITA MEUS FILHOS… POR VÁRIOS MOTIVOS, VISTO POR ELA… ENTRE ELES É QUE EU DOU TUDO A MEUS FILHOS E A ELA NADA…….

Avatar for Miguel Lucas
Janaína

oi, tenho depressão ja faz dois anos, e não consigo melhorar, tudo é muito difícil até porquetenho um bb de11 meses e meu marido é contra o tratamento medicamentoso…
as vezes acho q vou morrer!!

Avatar for Miguel Lucas
erik alexandre

Ola, me chamo erik… eu era uma pessoa tao auto estima, sempre andei de skate pedalava bastante, jogava futebol etc… conheci minha primeira e unica namorada ha 5 anos, tanto desejei, tanto cuidei e vim a perder tudo, o namoro durou 4 anos. Foram muitas historias, muitos planos, muitos momentos que nao me saem da cabeca nem mesmo um segundo! Ja fazem 5 anos que eu amo incondicionalmente… apesar de tudo antes de deitar eu relembro tudo que passamos, choro, me dopo… tenho inumeras cicatrizes no meu ante-braco esquerdo, tudo isso por conta de tentar fazer com que a dor fisica ajude na dor psicologica. Da ultima vez levei 62 pontos… e deve ter sido as 21* vez que isso acontece.
Me sinto indisposto para trabalhar, parei com minhas atividades fisicas e nunca fui muito apegado com meus familiares, ja fui socorrido inumeras vezes com urgencia para o hospital e quando acordava na cama com minha mae ao lado ficava desapontado por ela ter me socorrido mais uma vez.
Nao sei o que fazer, tomo 40…50 gotas de rivotril e quase nao faz mais efeito, meus amigos vem ate mim mais eu nao me socializo mais… nao espero mais nada desta vida, minha ex namorada nao se preocupa em saber como eu estou e isso me intristesse ainda mais.
EU TENHO SONHOS INDESTRUTIVEIS! e morrerei com eles e se possivel que seja breve.

Nao quero ni guem com pena de mim… ja sao 1:42 da manha e eu estava aqui pensando em me cortar de novo pra ir ate o hospital e tomar alguma remedio na veia pra dormir e resolvi pesquisar pessoas com o mesmo problema que eu, me fez bem ler seu texto, de verdade! Mais nao vejo nenhuma saida para o que eu estou passando e sentindo.
Me perdoem se eu encomodei alguem. Nao foi minha intencao.

Boa sorte a todos!

Avatar for Miguel Lucas
Vânia

Erik, um dia amei muito um rapaz , parecia ser a pessoa que nasceu para mim. Ficamos juntos mais de 3 anos, amava tudo nele. Um dia ele terminou o relacionamento sem motivo claro, fiquei muito mal, pensei que nunca mais amaria novamente. Eu tinha 23 anos na época. Ninguém mais me interessava e assim fiquei por 3 anos. Saí com outros rapazes, o que foi bom para me distrair. Mas o mais importante chegou: após 3 anos conheci outro rapaz bonito, inteligente por quem me apaixonei e estamos juntos até hoje há mais de 20 ano, temos dois filhos.
Pense que tem uma pessoa em algum lugar para você, fique aguardando que ela vai entrar uma hora dessas na sua vida, procure praticar um esporte, ficar atraente, leia. Você precisa ter o que oferecer.
Abraço e força !
Vânia

Avatar for Miguel Lucas
Pablo

Bom; desde que terminei o ensino médio, em 2011, comecei a mudar.
As coisas parecem cada vez mais distante, as pessoas, tudo. Meus gostos pessoais mudaram, me sinto mais introspectivo, cada vez mais.
Como comparação, posso citar o seguinte sobre o eu antigo e o eu atual:

O que eu era e fazia há 4 anos: Ouvia muito Rock, conversava com as pessoas, praticava esportes, socializava, criava coisas, aprendia coisas.

O que atualmente sinto: Já não escuto mais músicas agitadas, estou cada vez mais decaído para o lado da música emocional, profunda e estranha (Como Volta Cab, Lowbrows, dentre outros). Isso aconteceu porque perdi o prazer em ouvir o que eu sempre ouvia, então me tornei um eclético anti-social e estranho, sem uma personalidade artística própria. Já não converso mais com as pessoas, evito lugares muito movimentados. Não socializo mais.
Sobre esportes, fiquei um ano parado, e estou tentando voltar. Estou fazendo muita força, muita força mesmo para conseguir, vem sendo difícil, mas sigo em frente.
As coisas que crio atualmente são melancólicas, de cunho desesperançoso e apocalíptico, como poemas e artes gráficas, que pratico há anos. Algumas pessoas que me acompanham nesse ramo tem estranhado o rumo que estou tomando nos meus conceitos atualmente. Inclusive eu estou estranhando tudo isso; está tudo super estranho.
Sobre aprender coisas, estou cada vez mais exigente; não consigo aceitar quando eu não consigo compreender um novo aprendizado, e fico louco. Começo a estudar exaustivamente sobre aquilo. Também, nos últimos 3 anos, venho tentando aprender tudo ao mesmo tempo e tentando ser o melhor. Meus amigos falam que sou inteligente, mas quase sempre discordo disso por motivos desconhecidos.

Está sendo realmente difícil pra mim, manter um equilíbrio emocional.
Nos últimos meses, passei a sentir sintomas físicos, não mais apenas os emocionais. Comecei a realizar uma série de exames para tudo. Sinto extrema ansiedade e alguns períodos de ataque de pânico. As vezes sinto algo caminhando comigo, junto de mim, então começo a achar que estou louco. Desenvolvi alguns medos inexplicáveis, como medo de trem. Inclusive, as vezes tenho medo de mim mesmo e acabo por me afastar das pessoas, pois se eu permanecer perto de outra pessoa por muito tempo, acabo iniciando uma discussão tola e sem sentido, que me faz sofrer ainda mais.

Também sinto sensação de desesperança, de que o mundo está errado e eu não faço parte dele.

Quando criança, não tive meus pais presentes. Quem criava de mim era minha avó e meu avô, que era alcoólatra. mesmo quando criança, quando via a situação de meu avô, me vinha uma angustia tremenda e uma sensação de impotência. Meus demais familiares nunca foram tão amigáveis.

As vezes sinto vontade de largar tudo isso e viver como um nômade, viajando pelo mundo, conhecendo o mundo natural, as mais simples culturas. Porque não aguento mais toda essa mesma m**** que é minha vida. Não me aguento mais!

Avatar for Miguel Lucas
Vânia

Tenho lido e relido e procurado colocar em prática. Minha esperança é superar o problema ou amenizá-lo. Tenho dias bons e outros ruins, mas sempre penso três coisas, De acordo com a terapia cognitiva comportamental ou neurolinguística. É preciso repetir varias vezes, anotar em um papel e colar no seu quarto:

SOU MAIOR QUE ISSO
RELAXAR (inspirar e expirar três vezes)
FAZER (o que for preciso)

Não se desesperem,meninos, vocês têm toda vida pela frente, vão surgir muitas pessoas e acontecimentos interessantes e um belo dia vocês não terão mais esses sentimentos (ou eles vão ficar pequeninos, uma vaga lembrança)

Avatar for Miguel Lucas
Vânia

Miguel, as orientações são ótimas. Tenho lido e relido e procurado colocar em prática. Minha esperança é superar o problema ou amenizá-lo. Tenho dias bons e outros ruins, mas sempre penso três coisas, De acordo com a terapia cognitiva comportamental ou neurolinguística. É preciso repetir varias vezes, anotar em um papel e colar no seu quarto:

SOU MAIOR QUE ISSO
RELAXAR (inspirar e expirar três vezes)
FAZER (o que for preciso)

Não se desesperem,meninos, vocês têm toda vida pela frente, vão surgir muitas pessoas e acontecimentos interessantes e um belo dia vocês não terão mais esses sentimentos (ou eles vão ficar pequeninos, uma vaga lembrança)

Avatar for Miguel Lucas
aparecida

Olá , no momento esse artigo veio acalma os meus nervos, pois estou passando por essa fase depressiva , passei por um resgado do qual teve pré- eclampsia grave e a minha bebe não sobreviveu e infelizmente com essa situação fui bem profundo ao fundo do poço. No momento estou mim recuperando com a ajuda de medicamentos, ainda não estou totalmente bem , a minha mente ainda esta muito conturbada e pior sou professora e não consigo estudar , não tenho paciência e nem consigo compreender todos os assuntos, mas estou tentando conviver comigo mesma nesse momento, ao ler esse artigo mim sentir bem melhor, não sei se vou prática todas as ações propostas no artigo, mas vou provar para mim mesma que é possível sair dessa situação. E queria muito ajudar , pois preciso reaprender a gosta de ler e estudar e para queria
que o senhor mim indicasse qual seria o melhor tratamento para mim nesse momento?

Abraços e aguardo respostas.

Avatar for Miguel Lucas
Maria Elizabeth Paulelli

Olá Aparecida.
Meu nome é Beth sou de Campinas, tenho 59 anos, e eu saí da depressão aos 43. Até hoje não tive nehuma recaída. Procurei um parapsicólogo em Sorocaba, Professor Valter Alfredo Franceschini, fone 015 .3231.0958,(vc o acha até no faceboock), ele tem 74 anos e faz esse trabalho de ajudar as pessoas há 50 anos. ele nunca dispensa médico, apenas ajuda as pessoas a se reprogramarem e programarem suas mentes. Ajudou a me livrar de traumas,
pensar e sentir positivamente a vida, sem depender dele nem de ninguém, apenas de Deus!
o atendimento dele não cria dependência dele, é um método prático que funciona mesmo! É um coadjuvante na recuperação de doenças mentais e físicas, e repito: não dispensa médico ou profissional da saúde, e acelera a cura, apenas e no máximo 3 atendimentos bastam. É á base de relaxamento e afirmações positivas. Muita capacidade dele.
Eu sabia da existência dele desde os 26 anos, mas só aceitei aos 43 anos, foi o último lugar que fui, quando deveria ser o primeiro! Não custa tentar, abraço e sucesso1!!

Avatar for Miguel Lucas
Maria Elizabeth Paulelli

Eu tive depressão. Quer saber como me curei??? Descobri e encarei os fatos que me provocaram raiva, e muitas! Daí, tratei das raivas e me curei! A gente sente raiva quando morre alguém que a gente acha que não devia morrer! A gente sente raiva quando nos injustiçam! quando agente faz algo errado e não devia fazer! porque não disse tal coisa para fulano, porque perdeu o emprego, porque não aceitou o emprego, e passou o momento! Enfim, sente raiva por uma porção de coisas, ale´m da negatividade que já arrastou desde a infância, e fica se culpando por aquilo, nenhum prazer vai compensar, depois se culpa por tudo o que acontece no mundo. Os pensamentos ficam num círculo vicioso, não saem da mente. É uma mágoa só, depois vem a tristeza e a depressão e mexe com todo o organismo, é uma autopunição! É a doença da alma. Um pouco de fé em Deus, muito exercício físico e mental diário! Precisa quebrar o pensamento vicioso, com relaxamentos e afirmações positivas, sempre diários, além de acompanhamento médico, lógico. Foi só dar o primeiro passo que muita gente boa apareceu pra ajudar, e nunca mais a depressão me pagou e acredito que nunca mais me pegará, porque sei distinguir quando a tristeza por um fato real e quando ela brota de dentro, daí vem sempre uma reação positiva, que não tinha antes, e ficava curtindo fossa. Chega, agora só Paz e Harmonia interior. Decidir ser feliz ajudou muito! Decidi deixar o passado no lugar dele e partir pra frente. Quando decidimos, paramos de sofrer, seja ela qual for a conseqüência que advenha, saberei se é para aceitar ou resolver, e muita paciência! como Padre Haroldo Ham me falou: "UM ‘X’ VERMELHO NA Ansiedade, NA tristeza, NA mágoa!" um vermelho em tudo que é negativo!

Avatar for Miguel Lucas
Matheus

Antes de ler esse artigo eu estava meio perdido, não sabia ao certo o que saber. Estava chegando ao fundo poço. Depois que li tudo que esta escrito eu me sinto muito melhor. Creio agora que posso dar um jeito de melhorar. Estou fazendo uma lista de acordo com tudo que li, coisas que eu sei que podem mudar a minha vida. Quero agradecer de coração pelas palavras que li, salvaram a minha vida.

Avatar for Miguel Lucas
Iraci Fernandes Santos Guimarães

Parabéns pelo artigo, com certeza vai ajudar muita gente.

Avatar for Miguel Lucas
VILMA TORRES

51 ANOS,E EU ME PERGUNTO O QUE EU ESTOU FAZENDO AQUI…PROMETI A MIM MESMA E A DEUS QUE NUNCA MAIS ATENTARIA CONTRA A MINHA PROPIA VIDA(2 TENTATIVAS)ANOS DE TRATAMENTO,MAS A DOR NAO ME DEIXA,EU OLHO EM VOLTA E ME PERGUNTO O POR QUE?E O PRA QUE? FUGI DE MINHA CIDADE(RJ) A DOIS ANOS E VOLTEI PARA ONDE TUDO ESTOUROU,TRABALHAR ME FAZ BEM,NO RIO NAO TENHO CONDIÇOES POIS A CRISE DE PANICO ME ATACA NAS CONDUÇOES LOTADAS,MUITAS HORAS DE VIAGEM,ETC…AQUI EU CHEGO EM 20 MINUTOS AO SERVIÇO.TODOS OS DIAS E UMA IMENSA BATALHA,TODOS OS DIAS E NOITES EU CONVERSO COM DEUS,NAO PEÇO MAIS PARA QUE ELE ME LEVE(NUNCA MAIS)SOMENTE PARA QUE ELE ME EXPLIQUE O POR QUE TANTA TRISTEZA DENTRO DE UM CORAÇAO? ATUALMENTE TOMO RIVOTRIL QUE CONSEGUI DE UMA AMIGA(ABANDONEI TUDO AO SAIR DO RIO)PENSO SE DEVO PROCURAR O PINEL E ESTE PENSAMENTO ME APAVORA…NAO ACEITO ESTA DOENÇA! E CREIA HOJE SEI QUE TENHO DESDE QUE ME ENTENDO POR GENTE,MAS ERA MAIS FACIL CONTROLA-LA QUANDO EU ERA MAIS JOVEM E NAO SABIA DA EXISTENCIA DELA…TUDO O QUE VOCE DESCREVE ACIMA EU TENTO FAZER,CAMINHO,AUXILIO EM UMA ONG DE CRIANÇAS QUE FORAM ABANDONADAS PELOS PAIS,VIAJO,LEIO…MAS LA NO FUNDO,QUANDO A NOITE CAI,AS LAGRIMAS E A DOR TEIMAM EM CAIR JUNTAS…RELACIONAMENTOS,NEM PENSAR,MINHA CRISE MAIOR DEFLAGROU APOS MINHA SEPARAÇAO DE MINHA ESPOSA DE 20 ANOS DE CASADA,NAMORO AS VEZES,SE RELACIONAR NUNCA MAIS,GOSTEI DE SEU ARTIGO,APROVEITEI PARA DESABAFAR.BOA NOITE!

Avatar for Miguel Lucas
Maria Elizabeth Paulelli

Comece com um relaxamento físico. Respiração é importantíssimo. sincronize a respiração com as partes do corpo quando relaxar. A cada ponto respire e ao expirar relaxe e coloque pra fora toda tensão que houver. determine: – sinta-se bem! ordene a vc mesma: SINTA-SE BEM! não importa o que esteja acontecendo dentro de vc naquele momento, se vc acredita ou não, apenas Ordene: SINTA-SE BEM!!! e continue a jogar fora toda a tristeza, frustração, tudo o que é de ruim e substitua por pensamentos bons. Elogie-se! diga que vc é inteligente, forte! como disse, não importa o que vc ache de si mesma! Faça este relaxamento 3X ao dia. Descubra do que tem raiva. A raiva que gera a depressão, aí já é metade do problema resolvido. Peça a Deus que aumente a sua fé e peça a Ele como vc pode ver este problema por outro ângulo, procure ver de outra forma. Olhe-se com amor, como se olhasse alguém querido. isto irá melhorar sua auto-estima. durante o dia vigie seus pensamento e determine, em voz alta se possível, que vc é quem manda, e que saiam da sua mente, porque vc está mandando. Respire sempre, profundamente e relaxe mesmo fora da hora do relaxamento. A conversa que vc tem com vc mesma tem que mudar, porque vc assim o quer. Lembre-se: vc não pode mudar o mundo, mas pode mudar-se a si mesma, é assim que se muda o mundo. O passado já foi, não adianta mais sofrer. Sucesso.

Avatar for Miguel Lucas
Brida Castro Pezzin

Olá Dr Miguel, parabéns pelo seu trabalho. Você tem me ajudado muito a repensar minha vida, minhas escolhas e meu estado emocional. Abraços.

Avatar for Miguel Lucas
Vânia

Passei para desejar uma boa noite a todos e força nessa caminhada!!

Vânia

Avatar for Miguel Lucas
Sandra Barbosa

Boa tarde Dr.

mais ou menos há 3 anos tive um esgotamento cerebral e depois disso uma depressão para a qual fiz medicação durante quase um ano.
Sinto-me bem e controlada, trabalho e faço a minha vida normal mas ainda um pouco esquecida, no entanto, aquilo que me preocupa e a enorme dificuldade k ainda tenho em ler e em escrever… Não sei explicar mas, por mais que me esforce, não consigo, por exemplo, ler um artigo quanto mais um livro.
Para escrever este comentário foi necessário revê-lo varias vezes

Avatar for Miguel Lucas
jonas

Sandra eu também estou passando por isso, sinto uma grande dificuldade para ler e escrever que antes nem tinha tanto. Isso está relacionado ao animo mesmo, pois, quando percebi que estava com depressão não podia nem olhar para um livro, pior msm ler ou escrever algo, agora, depois de algum tempo consigo pensar mais abertamente e organizar as frases sem tanto esforço. não se preocupe tanto com isso, o tempo cura tudo, é na verdade um processo natural, quanto mais vc se preocupa, pior se torna a sua situação.

Avatar for Miguel Lucas
Denise

O texto é muito bom, ensina bem a lidar com a depressão. Mas como posso superá-la se não tenho coragem para enfrentar o real problema que me causa a depressão. Minha vida está passando e nunca vou conseguir resolver!

Avatar for Miguel Lucas
Vitoria Micaelle

Então doutor Miguel Lucas , estou com depressão ja faz mais ou menos 3 meses e nao quero entrar com o processo com um psicologo , pois acho que eles pegam muito o dinheiro das pessoas "desculpe , talvez nem todos " , mas enfim eu procurei ajuda pela internet e estou contando que vc possa me ajudar , se puder me responder o meio mais facil de eu conseguir tratar disso em casa , eu agradeço , bemm Muito obrigada e aguardo sua resposta

Avatar for Miguel Lucas
aline

olá miguel,me identifiquei muito com o seu artigo,principalmente quanto aos fatores que desencadeiam a depressão.comigo foi exatamente assim,sobrecarga de trabalho,horas e horas sem dormir ou ter nenhum tipo de relaxamento,falta de apoio e pessoas que compreendam essa situação,além de problemas familiares.hoje é o primeiro dia que tive a certeza que estou deprimida.tenho dois filhos que precisam de mim,não quero viver assim,mas já não tenho forças para lutar,sinto-me completamente exausta.seu artigo é o melhor,vc descreveu com perfeição até o fato de não ter forças nem para responder a amigos e familiares.eu já sentia isso a muito tempo não sabia o que era agora graças a vc eu pude identificar mais um sintoma.obrigada.

Avatar for Miguel Lucas
maria joao

olá, eu estou com uma depressao e ate já estou a ser medicada para dormir. o problema é que no dia segunte ando a cair e cheia de sono e tonturas, mas pelo menos descanso melhor.
li este artigo por alto, e so diz o que toda a gente diz : faz o gostas, isso passa, tens que ter força, bla bla bla bla. mas isso é uma treta. eu trabalho naquilo que quero e adoro o que faço e começei a relativamente 4 meses e estou cansada e sem paciencia. nao penso em suicidar-me, mas já pedi muitas vezes a deus para me levar, porque lá estava melhor, de certeza.
resumindo, eu nao tenho vontade de ler esse texto todo, como é que alguem como eu ou ainda pior vai querer ler? fica a dica

Avatar for Miguel Lucas
Monique

Olá! Estou preocupada com meu namorado, pois ele está passando por um momento difícil. Se acha sem amigos, e mesmo quando está rodeado deles só mantêm a aparência de alegria, se acha inútil e vive reclamando que está sentindo algo estranho dentro dele…Ele já não está mais animado com as coisas que gosta de fazer, as vezes me trata com frieza, coisa que ele nunca fez antes e depois me pede perdão dizendo que nem ele está se reconhecendo. Essas coisas são desgastantes e me machucam muito, porque sei que ele não é assim! Ele sempre se acha sozinho, desanimado, infeliz no trabalho, se acha sem graça e sem atitude, tem pensamentos de derrota, mas principalmente acha que as pessoas não gostam dele…e eu não sei o que fazer. Eu quero ajudar, já até pedi que procurasse ajuda que isso parece ser depressão, mas acho que nem para isso ele tem ânimo. Eu tento conversar, incentivar, mas não sei o que fazer para ajudar realmente. Ele sabe que estou do lado dele para tudo, mas queria não só estar do lado e sim ajudá-lo a resolver esse problema. Estamos planejando casar, mas acho que isso está prejudicando nosso relacionamento, não por minha parte, porque o amo, mas porque temo que isso destrua seus sentimentos…O que posso fazer para ele reconhecer que pode ser depressão e procurar ajuda? Eu mesma devo procurar e forçá-lo a fazer um tratamento? Me ajude, por favor…

Avatar for Miguel Lucas
sÓnia Oliveira

Olá, Tenho 37 anos e ja passei por varias depressoes, e penso te las ultrapassado, só que agora de repente eu fiquei com esgotamento risco de colapso, segundo a minha medica psiquiatra. Sou acompanhada por psicologa, mas nada tem mudado mt. Neste momento tou no buraco mais fundo da minha vida. Sou divorciada tenho 2 filhos de 10 e 8 anos que exigem mt de mim. E não tenho amigos. Criei os mas todos me abandonaram. Tenho me esforçado mt pra sair deste estado horrivel. Tou de baixa médica à 3 meses e medicada com anti depressivos e ansioliticos. Vivo compeltamente sozinha, nÃo tenho familia nem forma de socializar. Sou mt emotiva e não consigo deixar de ser. As vezes parece que ultrapassei essas emoções. Principalmente no meio do meu trabalho. Não sei como fui asssaltada por este esgotamento que não sai de mim. Faço algumas caminhadas mas não surtem mt efeito. Sempre ando e vivo sozinha.
Gostaria que desse uma ajuda.

Obrigada

Avatar for Miguel Lucas
Ano Novo Cor Do Arco Íris

Olá Miguel, sou do blog Ano Novo Cor Do Arco íris. De forma alguma tive a intenção de copiar seu blog sem mencionar seu nome. Sou nova utilizando o blog, por isso a cada atualização que faço já publico e este artigo no qual coloquei suas informações seriam contextualizadas no meu texto e com certeza seu nome (link) seria citado, pois não sou formada em nada, apenas passo por todas as situações das quais vc descreve. Como sei q nada na minha vida da certo, com certeza isso tb não daria, então estou excluindo toda a minha publicação, pois ao contrário do q vc diz, não sou uma pessoa imoral, apenas uma pessoa tentando me ajudar e ajudar os outros e espero assim, ao contrário do q vc diz que meu blog prospere assim como minha vida. Já descartei a possibilidade de pedir sua ajuda, visto a fúria com a qual vc lidou com esta situação. Obrigada e felicidades!

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Ano Novo Cor do Arco Íris,

No comentário que coloquei no seu blog, eu disse que o ato é que era imoral, não você, até porque não o conheço pessoalmente. Muitos são os blogs que copiam o meu material sem fazerem referência à fonte, o que não acho justo.

Muitos são os que me perguntam se podem publicar. Sempre respondo que sim, que podem divulgar os artigos, com a condição de colocarem a fonte e o autor.

Eu também não desejei que o seu blog não prospere, o que disse é que copiando sem os devidos créditos, nenhum blog prospera.

Fico esperançado que possa retificar a situação. Fiquei muito agradado que me tenha respondido, o que demonstra querer prosperar pelo caminho correto.

Sucessos.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Mari

Sinto-me hoje assim, extremamente prá baixo, reclusa, sem ânimo de nada. Muito me aconteceu de uma vez só. Vida amorosa um caos. Não existe mais. Só sensação ruim que vem diariamente. O duro é arranjar forças prá seguir diante de tudo. Estou muito sem rumo e apenas com uma vontade, sumir do mundo, mesmo sabendo que isso em nada resolve, mas pelo menos a dor tira.

Avatar for Miguel Lucas
José Inácio dos Santos Souza

Meus amigos são 4h21min da madrugada, até a estas horas eu ainda não dormi um segundinho sequer. Sinceramente, meus queridos, não é meu objetivo superdimensionar o meu sofrimento e, nem tampouco, passar por coitadinho. Eu já comecei a escrever um poema, no qual vou tentar expressar todo o sofrimento que tenho passado no curso de mais ou menos dez anos de depressão. Quero dizer a vocês que, não veja mais sentido em viver. Quanto mais eu procuro uma razão para viver, mais difícil se torna encontrá-la. Todos os dias, infalivelmente, eu sinto crises de tristeza tão profundas que me dão razão suficiente para dizer a vocês que não vale a pena estar nesta vida. Digo, a exemplo do que disse Jó: "maldito o dia em que nasci". Tomo diariamente três antidepressivos, seis vezes ao dia. Eu já passei por muitas tormentas na minha vida, mas confesso-lhes, como esta não há igual. Eu preferia estar com um câncer daqueles que não levam
muito tempo para matar, do que estar com esse mal. Penso em me matar, mas dos males o menor. Segundo a religião que professo, quem se mata, não merecerá, por parte Deus, a salvação. Então, eu fico entre a cruz e a espada. Meus queridos amigos, o pior de tudo é que as pessoas não entendem a pessoa depressiva, e isso ocorre a partir da nossa própria família. Sou casado, tenho três filhos, todos moços, sendo um rapaz e duas moças. Sou o único arrimo da família, nenhum deles são empregados. Mas, infelizmente, aqui em casa ninguém, pelo menos me escuta. Estou de benefício e com uma ação na justiça contra a empresa em que trabalhava, pois foi devido as condições de insalubridade no trabalho que adveio o processo depressivo. Eu ganhei na primeira instância, porém a patrona da minha causa, mancomunada com o juiz do trabalho, sacou o dinheiro que me pertencia. Constitui outro advogado, e processo continua. Agora contra a primeira advogada e contra a empresa. Eu tenho quase que certeza, de que não verei o fim desse processo. Eu já estou muito fragilizado pela doença. Não há mais nenhum resquício de ânimo na minha vida. O Dr. Augusto Cury, psiquiatra, psicoterapeuta, cientista e conferencista, considera a depressão em alto grau, o último estágio do sofrimento humano. E, conclui em um de seus livros, só sabe quem já viveu esse tétrico espetáculo. Que Deus abençoe a todos vocês que se preocupam com pessoas portadoras da síndrome da Depressão.

Avatar for Miguel Lucas
kamila dos santos

Olá. Hoje estou passando por uma situacao dificil. Sou casada e tenho um filho de 4 anos. Tenho tudo r sou feluz com o meu casamento. Mas tenho passado por momentos depressivos e naovsei a causa. Perco a vontade de fazer tudo e só tenho pensamentos negativos. Procurei um especialista e ele acha que pode estar relacionado ao estresse do dia a dia e a minha rotina semanal. Nao trabalho e cuido so do meu filho. O medico me receitou paroxissetina e no comeco vi melhoras, mas agora nao. Quero ficar boa e voltar a minha vida de antes. O que devo fazer??

Avatar for Miguel Lucas
fatima

Olá MIlguel, obrigada por tua generosidade em compartilhar tantas dicas. Conheço alguém que está muito angustiado há muito tempo (um ano para mais). Esta pessoa tem hoje 47 anos. A história começou com um sentimento de insatisfação e sensação de vazio existencial. O duro é que esta pessoa estava num momento de sucesso profissional e tinha acabado de comprar seu primeiro imóvel próprio. Estava se mudando de um quartinho de 12m2 onde morou 7 anos nos fundos da casa de seus pais para um apartamento de 75m2. Sua mãe, idosa, saiu de casa antes dela e foi morar em outro estado. Os conflitos entre seus pais a deixaram bem abalada mas fora isso não havia motivo concreto para tanta tristeza. Pelo contrário, ela estava em um momento de sucesso profissional. Hoje ela está sem dinheiro, devendo, sem projeto, sem perspectiva, a falta de $$ a deixou imóvel, presa, ela sente muito sono. Dormir de mais de 10 horas por noite é uma constante em sua vida. Humor se altera, irrita-se facilmente. Dispersa muito fácil. Muda de foco muito fácil. Se culpa muito, pois ela tinha $$ no banco e esperou todo o dinheiro acabar sem reagir. se cobra muito, pois dia após dia não consegue sustentar nada produtivo para virar este jogo. Tudo o que começa larga no meio. Agora esta pessoa está no vermelho tendo que fazer empréstimo para viver desde out2013. O sentimento de desvalia e de fracasso piorou ainda mais. O medo do futuro aumentou ainda mais. Mas ela olha tudo e diz para si mesma: você se sabotou, uma grande auto-sabotagem e auto boicote. Como pode uma pessoa em pleno momento de sucesso profissional estragar tudo assim? Há exatamente10 anos atrás esta pessoa viveu algo muito semelhante mas que envolvia fracasso amoroso também. O fracasso financeiro + dor emocional muito grande que a fez voltar para a edícula de 12m2 no fundo da casa dos pais antes que as coisas piorassem ainda mais. Na ocasião também havia uma questão de uso de drogas com um ente familiar e ela precisava ajudar a familia a superar isso. No final tudo deu certo. Mas a recuperação econômica foi bem lenta. De 2008 a 2012 foram os melhores anos e lhe renderam a compra de sua casa própria. Mas neste mesmo ano também começou a auto-sabotagem. Como você analisa este caso desta pessoa? O que ela deve fazer se não pode começar uma terapia agora uma vez que vai criar mais tensão ainda pois irá gerar mais divida financeira? Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come. O que você recomenda? Estamos falando de alguém culto, pós graduado, solteiro, sem filhos, 47 anos vivendo uma vida onde não encontra sentido mas sente muita culpa. seus familiares e parentes são pobres, humildes e ela sente muita vergonha de estar neste estado deplorável a ponto de ter que alugar o apartamento, pois o carro já terá que vender e andar de ônibus, única forma de tentar retardar o aumento das dívidas agora até que consiga novos projetos. Mas como conseguir novos projetos com este energia? Quem vai querer contratar seus serviços com energia vital tão baixa assim? Recentemente foi reprovada numa seleção com 40% de chance de ser a escolhida para uma das 6 vagas de um projeto de 6 meses. E o duro é que ela achou que foi super bem no processo de seleção dos candidatos. Esta pessoa está se sentindo super irresponsável. Ela diz isso a mesma e mesmo assim não arregaça a manga e vai para a ação. Parece que está faltando ela sentir um pouco de raiva, de indignação. Sabe aquela raiva que faz a gente querer virar o jogo e põe em movimento? Mas ela está apática, vivendo de tédio. De vez em quando algumas alegrias ou euforias. Como você analisa este caso?

Avatar for Miguel Lucas
camila

olá Muito bom o site, acho que estou com inicio de depressão, tenho pensamentos ruins e angustias que me fazem chorar, sou jovem e estou preocupada em entrar nessa, se já nao estou, mas queria alguma forma de ajuda com isso, sei que nao posso controlar meus pensamentos, e estou desanimando as pessoas ao meu redor com tanta energia negativa, geralmente em minha adolescencia era mais calada, mas era uma pessoas feliz, hoje parece que perdi minha força e vontade de viver. O que fazer?

Avatar for Miguel Lucas
Silvia Carvalho

Boa tarde
Minha irmã tem 37 anos, e desde que à 10 anos teve minha sobrinha, nunca mais foi a mesma.
O seu comportamento foi-se alterando de ano para ano. Era uma pessoa mt alegre, activa e passou a ser precisamente o oposto. Não tem auto estima, descrimina as filhas e marido, tem ataques inexplicáveis de desespero e angustia. Sempre foi acompanhada por médicos (psiquiatras e psicólogos) está tb a ser medicada e o medico diz-lhe que tem de ter força de vontade pois os medicamentos por si só, não a vão corar…o certo é que ela diz fazer de tudo para pensar de outra forma, sentir de outra forma mas não consegue e depois passa a vida a culpabilizar-se pelos actos e palavras …sente-se inútil desprezível…enfim…tenho mt medo não sei o que fazer mais para a ajudar adoro-a e não a quero perder…ajudem-me por favor

Avatar for Miguel Lucas
lenita rose ferrraz da silva

Boa tarde!
Hà vários anos mais ou menos 10 anos sofro de uma tristeza que guardo so para mim .Para os outros um sorriso nos lábios ,sempre que precisam uma ajuda ,lá estou eu.
Este ano não aguentei e meu corpo começou arelamar dores no estomago , nas pernas ,descoberta de diabetes melitos ,e comecei notaar que ficava tremula com o coraçção agitado em alguns mmomentos pedia a força nas pernas .procurei uma cardiologia que após todos os exames me orientou procuraar um neurologista com o qual fiquei dois anos tomando rivotril e amitril e fluxetina.Aate eu não aguentar mais ouvir as crianças do meu trabalho gritarem conversas em tons altos,comecei ficar irritada achar que todo mundo falava de mim,comecei recusar convites para sair,para ir a casa de meus irmãos festas de aniverssarios ate mesmo ir á padaria comprar pão..Desdes então estu de licença profisssional com diagnostico de depressao leve e sindrome do panico ..tomo venlafaxina, agora diazepam e cloridrato de paroxetina.Só que continuo desanimada, sem forças para fazer qualquer coisa mais simples que seja e o pior nao consigo dormir!!!A minha cas a tive que arrumar alguem para limpar comer so se alguem fizer colocar no prato bem pouquinho e eu tento comer .Gosto muito de pão.Mas se eu tiver que fazer um conserto na minhacerca eu tenho disposição não com a energia que havia antes.Perdi o desejo sexual total.

Avatar for Miguel Lucas
Fábio Vinícius

Ola boa tarde.
Hoje entrei na internet e achei esse site muito bom, e comecei a ler.
Estava procurando alguma coisa que falasse sobre depressão, pois a minha esposa está com começo de depressão, ela passou a 1 ano atras por cirurgia de vesícula, estamos casados a 2 anos e passando por algumas dificuldades de adaptação e eu acabei não percebendo o começo de depressão. Hoje eu sofro sem ela saber, pois me sinto culpado por não ter percebido, e só cobrando dela todos os dias, somos jovens apenas 24 anos. Eu estou escrevendo isso com lagrimas nos olhos, achava que o amor tinha acabado, mas na verdade tinha afastado por esse motivo. Ela tem vários afazeres que tento suprir junto com ela todos os dias, ela faz faculdade ainda e trabalha com crianças em uma creche todos os dias. Eu no momento estou desempregado, pois acabei a faculdade agora e tento sempre ajudar nos afazeres da casa, não temos filhos ainda. Hoje entrei e li esse site e realmente agora vou começar a por em prática o que eu li, pois tenho que ajudar o grande amor da minha vida. Sei que a minha vida não ta fácil também, pois estou desempregado e isso querendo ou não acaba acarretando algum tipo de disturbo. Quero poder ajudar ela a superar essa face e para isso tenho que continuar segurando o meu sofrimento para não agravar as coisas. E se Deus quiser vamos sair disso e voltar a ser feliz, pois é o que eu mais quero nessa vida.

Avatar for Miguel Lucas
maria

agradeço muito li e eu não sabia o que era depressão estou passando por muitas coisa sitada no relatório por esta convivendo com um enteado que me provoca reaçoes o que fazer o meu esposo não tem tempo pra mi não mi dar atenção não troca dialogo com migo fico muinto triste por que o filh dele tem 16 anos e meu esposo conta tudo para o menino o que se passa entre nos dois para so dormi depois da meia noite eu não tenho tempo para convesar com ele estou esgotada com tudo fico nervosa fico chorando muinto tenho duas crianças paquenas a menina de 5 ano e o menino de 2 anos quando estou triste eles percebem e mi abraçam e mi dar mas um pouco de alegria por favor mi ajude pois não tenho comdiçoes de pagar um piscicologo estou sem direção minha direção e so em deus mas deus diz faça tua parte que eu te a judarei e estou fasendo gostei muinto de ler o que voçe escreveu e preciso de ajuda

Avatar for Miguel Lucas
elisangela

minha mãe tem depressão a uns 12 anos mas a 5 anos meu irmão foi assasínado na sua frente. dai pra frente tudo piorou ..hoje ela esta muito mal não quer conversar só quer ficar sozinha não dorme, não come, mesmo a baixo de 8 comprimidos por dia eu não sei mais oque faze ela chora e fala que a culpa dela estar assim não é dela tem dias que nem banho ela não quer tomar. o psquiatrra dela só pensa em dar cada vez mais remédios cda vez que falo como esta o comportamento dela gostaria de saber como devo lidar com ela.obrigada

Avatar for Miguel Lucas
Patrícia

EU SEI QUE EU VOU FICAR LIVRE DISSO TUDO.

Avatar for Miguel Lucas
Maria Aide

Oi, tenho 35 anos e sofro de depressão desde dos 10anos, de uns tempos para cá fiquei muito pior, estou sem trabalhar, não consigo mais fazer absolutamente nada, perdi a vontade de viver, já tentei o suicídio, a única pessoa que me tem ajudado e meu marido e alguns poucos amigos, minha família não se Importa Muito comigo, tem deixado todo o problema para o meu marido, meu organismo está uma bagunça ou fico dias sem dormir ou então durmo o dia inteiro, tenho asma estou tendo crise todos os dias, tenho ido ao médico para fazer inalação e tomar medicação na veia quase todos os dias, sinceramente não estou aguentando mais. Resolvi escrever só para desabafar um pouco

Avatar for Miguel Lucas
Edilson

Nossa! Como é difícil essa doença!
Misericórdia, Senhor!
Perdi minhas forças… Não aguento mais…Mas tenho ainda esperança!
Não acredito que a vida reservou esse destino para mim… Eu quero ser feliz!
Quero levar uma vida equilibrada… Normal!
A tristeza em excesso já não aguento mais.
Deus, tenha compaixão de mim.

Avatar for Miguel Lucas
Augusto

meu nome é Augusto, tenhn 17 anos. Bom acho que sempre tive depressão, mas eu levava uma vida tranquila até o ano passado (2013). Em novembro de 2013 quando eu me formei no ensino medio parei de sai de casa, quase não saio do meu quarto. De vez em quando minha mãe bate na porta e pede pra mim comer algo. Tem dias que eu não como nada mas tem dias que eu como muito. o resultado engordei mto, sempre fui gordinho mas como sou algo dava pra disfarçar. com 13 anos eu percebi que meninas não me atraiam, toda minha familia eh evangélica, então podem imaginar o quão difícil foi pra mim, eu orava, jejuava, implorava pra Deus tirar de mim a homossexualidade, ate que 15 anos eu parei de ir na igreja com meus pais e irmãos pois não aguentava quando ele falavam de homossexualidade, me doia ouvir meus pais xingando os gays na tu, tipo bicha, viado, no msmo ano eu me assumi pra minha mãe, com 15 anos, eu falei pra ela que eu não queria ser uma mulher, que apenas mulheres não me atraiam e sim homens, pra mim ela faria um escandalo e me bateria mas não ela falou apenas que tinha medo que eu sofrese, alguns meses depois ela veio falar comigo, ela me confessou q quando eu falei p ela q era gay ela tava gravida. Ela me falou que abortou o bebê, disse que não queria cometer o msmo erro q cometeu comigo. ela chorou, me pediu desculpa, eu não tive reação, quando foi a noite eu chorei mto, ainda choro. foi quando a minha depressão aumentou, faltei mto na escola e quase não me formei, hj com 17 não tenho amigos, não saio de casa a meses. queria ser normal, fazer uma faculdade, namorar, da o meu primeiro beijo. mas acho q isso soh vai ficar nos meus sonhos msmo.

Avatar for Miguel Lucas
Joice

Ola,essa e a primeira vez que vi esse site e logo de cara.eu ja gostei,estou com começo danimo realmemte para nada,mas quero tenttar superar isso,digamos que esse site e o meu pomtto inicial!!! Parabens e obrigada pelas dicas

Avatar for Miguel Lucas
meire

Tenho depressão nervosa por causa de uma doença me ajudem eu acho que a qualquer hora vou explodir com essa doença e fazer algo comigo mesmo

Avatar for Miguel Lucas
Lucas

Olá a todos, tenho 22 anos e estou com depressão a dois dias. Tudo começou quando passava tempo de mais na frente da tv, olhando só filmes relacionados a mortes e tal. Depois fui começando a ter pensamentos negativos como se não tivesse mais sentido viver pra acabar morrendo un dia. Resolvi contar isso para minha mãe, não consegui controlar o choro e tive uma crise alta, minha pressão chegou ha um nivel muito alto, tive que ir ao medico que mencionou que eu estava com "Sindrome do panico". Depois disso, passeii a ter fortes dores no peito, que consultando o medico, era tudo psicologico. Fui tomando medicamentos, recebendo apoio dos familiares e da namorada, mas continuo ter pensamentos
negativos da vida. Estou tendo um pouco mais de controle das coisas, mas ainda sem muitos vontade de fazer as coisas. Sei que isso vai passr, que vou voltar a ter vontade pra fazer as coisas como fazia antes. Força pra todos que estão passando por isso, assim como eu. Abração

Avatar for Miguel Lucas
Edilson

Nossa! Como é difícil essa doença!
Misericórdia, Senhor!
Perdi minhas forças… Não aguento mais…Mas tenho ainda esperança!
Não acredito que a vida reservou esse destino para mim… Eu quero ser feliz!
Quero levar uma vida equilibrada… Normal!
A tristeza em excesso já não aguento mais.
Deus, tenha compaixão de mim.

Avatar for Miguel Lucas
Edilson

Nossa! Como é difícil essa doença!
Misericórdia, senhor!
Perdi minhas forças… Não aguento mais…Mas tenho ainda esperança!
Não acredito que a vida reservou esse destino para mim… Eu quero ser feliz!
Quero levar uma vida equilibrada… Normal!
A tristeza em excesso já não aguento mais.
Deus, tenha compaixão de mim.

Avatar for Miguel Lucas
matheus alcantara

bom eu n sei bem por onde começar entao vou direto ao ponto…
Eu sou o que no momento as pessoas chamam de Otaku e por ser uma coisa rara aqui nao consigo faser muitos amigos e os unicos que eu consigo acabam por me irritar muitas vezes falando que é uma perda de tempo ou coisas do genero e no final eu acabo me isolando de todo mundo parei de praticar exercicos sempre dando desculpas e fugindo de conversas de grupo e coisas assim.
Agora sinto uma sensação de vazio em mim e queria um jeito de mudar mais sem perder meu jeito de ser quem eu sou que é um otaku declarado.
Nao sei bem se esse meu caso tem alguma coisa a ver com depreçao ou coisa do ripo mais eu me sinto bem me expressando aqui sinto muito por tomar seu tempo e obrigado se puder responder.

Avatar for Miguel Lucas
evanete isaias

sdfjmjkioçjk,.

Avatar for Miguel Lucas
evanete isaias

tenho depressão ha 4 e já tentei suicídio tenho medo pois não estou me tratando psicologicamente só com remedios

Avatar for Miguel Lucas
arleia gonçalves lourenço fernandes

bom dia.
nem sei o que tenho. Só sei te dizer que sei chorar muito. ando errando em casos bobos falta de atenção. não tenho paciência para ler. não aguento escutar um assunto duas vezes e nem ouvir alguém dizer da sua vida perfeita. da vontade de mandar calar a boca e muito mais. deixo transparecer que esta me incomodando. tem hora que dá vontade de sumi. é terrível. estou a trabalhando a formação dos meus filho. tento mais não sei como vou fazer para ele não sair com ceguelas.

Avatar for Miguel Lucas
Elizabeth

Tenho todos esses sintomas a um tempo já, comecei a trabalhar como líder por um tempo e acho que isso agravou meus sintomas pq sempre fiquei triste a ver alguém falar mal de mim e como líder então ai é que as pessoas te julgam, sempre fui muito determinaa e objetiva, mais agora sai do trabalho e estou grávida estou com muito medo de morrer sou hipertensa e tenho sérias chances de ter uma pré eclanpicia, 🙁 eu estou muito triste indisposta acordar todos os dias é péssimo não consigo fazer nada em casa, tbm não tenho ninguém pra conversar, estou escrevendo q tenho a leve sensação de que isso pode me ajudar, vou tentar seguir os passos obrigado por ler!

Avatar for Miguel Lucas
MARYZA

é muito fácil dar conselhos quando se esta fora do problema o difícil é sair dele,voce tem que arcar com todos sozinha ,seu marido é um zero a esquerda,nao tenho apoio dele só cobranças:arcar c/todos encargos da casa ;PAGAR AS CONTAS,SUPER MERCADOS,SERVIÇOS DA CASA(QUE NAO TENHO VONTADE DE FAZER ,não quero mais este casamento mais não sei como sair dele,nao tenho condições financeiras p/me libertar,se me mandar não da porque tenho um filho especial,e este como direi este marido se eu me mandar não tem como se sustentar,estou amarrada,preciso sair desta casa desta cidade que nunca gostei,me diga como posso fazer isso sem dinheiro e não ter p/onde ir?facl dar conselhos e escrever um livro de auto ajuda,vem viver na minha pele p/ver oque é bom!Estou morta já não tenho vontade de fazer nada,como resolver esta mijornia?

é escrever toda esta bestagem,bonito até escrever um livro de auto ajuda,porque vocês não vivem na pele nossos problemas,quando tudo esta nas suas costas,voces estão num bem bom porque é só escrever um artigo que não leva a lugar nenhum,obrigada por nada.

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá,

Sim concordo, escrever acerca do assunto é o mais fácil, o difícil mesmo é ter de fazer as coisas para melhorar a sua vida ou o seu estado. E, por isso mesmo cabe a você mesmo propor-se a fazer o trabalho difícil, só assim pode obter o que deseja, porque a felicidade não se compra. O objetivo de escrever é poder dar pistas e indicações que facilitem as ações que a pessoa se proponha a realizar para melhorar a sua própria vida.

Porque razão anda à procura de informação, se tem a crença de que falar é fácil? Certamente é porque acredita que alguma coisa que possa ler, a possa ajudar. E esse é o meu objetivo, ajudar quem pretende e quer ser ajudada através de informação que se sabe funcionar.

Abraço,

Avatar for Miguel Lucas
Anonimo

Meus pais estão com depressão, não sei o que faço, eles não se entendem, não buscam entender um ao outro. Minha mãe sobre de ciumes, e meu pai se altera excessivamente, após as brigas eles ficam desnorteados, sem saber o que fazer pra melhorar, querem desistir de tudo, e eu e minha irmã não sabemos o que fazer, me ajude por favor.

Avatar for Miguel Lucas
sonia

Olá, chamo-me Sónia e acabei de ler o seu artigo sobre depressão e indentifico- me com tudo o que foi dito. Estou a passar por um momento muito difícil na minha vida, acabei de sofrer uma grande decepção amorosa que Mr deixou sem chão. Tudo parece dar errado na minha vida.passo os dias a chorar, sem querer ver, nem falar com as pessoas, nada nem sítio algum me faz sentirelhor. Chego ao ponto de olhar-me ao espelho e achar que a vida não vale nada. Que todos aqueles que me rodeiam quere-me bem, mas no entanto não fazem nada para que eu me sinta bem e quando sei que na verdade eu a que preciso de ajudar-me a mim própria. Está a ser difícil e sinto que todos os setores da minha vida estão a ser afetados. Quero ultrapassar tudo isto, mas pergunto, por onde começar? Pois eu era pessoa muito activa, envolvia-me em quase todas as actividade s cá da terra e neste momento, não consigo sequer estar numa única. Por favor se puder ajudar- me agradecia. Muito Obrigada
Sónia

Avatar for Miguel Lucas
SergioZ

Várias vezes acontece comigo já no sono e acordo durante a noite com uma tristeza muito forte que me tira a força até de levantar da cama. Não sinto vontade de me suicidar, mas sinto que já estou morrendo. Um ataque de pânico acompanha tudo isso me acelerando o coração, sentimento de estrangulamento, calafrios e vertigens. Levando e tento me ligar numa música ou num filme. O terror dura em média duas horas. Enquanto eu não me levantar da cama, isso não para! Pensei até que algum dia eu perderia a noção da realidade!

Avatar for Miguel Lucas
Wlesley Brito

Olá,adorei o site e estou disposto a me livrar dessa depressão , mas gostaria de saber como passar por esses problemas :

– A tristeza me deu um nó na garganta que tenho dificuldades para falar e quando falo eu sinto que estou forçando a garganta.

– Pelo fato do meu irmão ser gerente de empresa e os amigos dele virem até a minha casa , por saber que eu não sou uma pessoa culta como eles , eu procurei falar pouco pra não fazer meu irmão passar vergonha, então isso virou um hábito e hoje chega as pessoas e eu não consigo desenvolver um papo legal , como proceder ? Eu consigo falar com mendigos, com garis , mas qando sei que é de outro escalão as coisas ficam ruins !

Quando chego em um lugar e as pessoas me tratam bem, eu fico sem jeito e dae pra frente me sinto uma criança !

Quero ser social POR FAVOOOOR ESSA DEPRESSÃO ACABOU COMIGO E EU TENHO MUITOS PLANOS, SOU INTELIGENTE E NAS CONDIÇOES QUE EU ESTOU NÃO VAI TER CONDIÇOES DE IR PRA FRENTE !!!!!

Avatar for Miguel Lucas
jonas

olá, amei o site, sei que agora irei fazer de tudo para me livrar dessa depressão. eu me vejo na mesma situação de wesley, sinto que minha garganta fica forçada, não consigo falar, até mesmo com meus pais, minha própria família. As vezes não consigo dormir, tenho pensamentos intensos, fico as vezes angustiado, sempre me comparo com outra pessoa que está do meu lado, mudo de humor repentinamente. Esse artigo me fez enxergar alguns dos meus problemas, apesar de ja esta em tratamento com a psicóloga. Há um tempo atrás quando passei no vestibular ( curso de direito) estava muito animado, só que mesmo assim setia-me depressivo, com emoções as vezes forçadas, isso devido também a timidez que me afetava bastante. Fui então morar fora de casa, achando que seria uma fuga dessa angustia, que meu humor melhoraria bastante, só que a realidade bateu de frente comigo, com o passar do tempo me sentia sozinho, sem coragem de sair de casa, pensava sempre no dia de amanhã como seria, pensava bastante como eu iria reagir a encontrar os novos colegas da faculdade, comecei a char que todo mundo era social que todos entendiam das questões da faculdade, menos eu, me achava um, em termo mais agressivo, "lesado", comecei a pensar que eu não sabia de nada que todos eram mais inteligentes do que eu, passei então a ter medo de sentir emoções, e ao mesmo tempo ficava com raiva de mim mesmo de não senti-las. houve um tempo em que não conseguia dormir de jeito nenhum, a culpa desse sono eu atribuía ao sinal da cruz que eu próprio fazia antes de dormir que minha mãe tinha me ensinado, isso me deixava bastante irritado, pois ao mesmo tempo eu sabia que isso não tinha lógica. Hoje sei que estou com depressão, pois foi diagnosticado pela psiquiátrica, e vou fazer de tudo para fica curado, hoje comecei a agendar todas a tarefas diárias que podem me fazer feliz, isso me da uma felicidade só de pensar que, na verdade, há uma luz por traz de toda essa escuridão.

Avatar for Miguel Lucas
Monique

Oi Nuno, boa noite!
Procura Deus, vc ja fez isso???
Vc preisa tentar tudo, precisa sair desse buraco, vai ao teatro, cinema, praia, vc precisa se destrair, conversar e se ja fez de tudo e nada muda … vc precisa de Deus, ele é nosso melhor amigo e a bebida … so te faz mal, mal para o corpo, para a mente e é um passa tempo momentaneo e a felicidade em Deus, é eterna com Jesus vc pode qual quer coisa confie ….abraço

Avatar for Miguel Lucas
meu nome e Marcio

Entrei nessa coisa de depressão ainda não sei como , mais sei que o melhor Remédio para qual quer problema e Jesus, então primeiramente busquei a ele pois minha salvação e prioridade e ainda mais com Jesus vc pode qualquer coisa , então sei que logo vou sair dessa , e prometo orar por todos vcs para que seus dias sejam melhores e que assim como eu, vcs com problemas busque o melhor Remédio para qualquer problema ; Jesus

Avatar for Miguel Lucas
T

Olá, espero que não se importe por eu não colocar meu nome pois não me sinto confortável.
Vamos lá, terminei uma relação de 5 anos e eu estou péssima, aliás eu estou melhor do que eu imaginava porque das últimas vezes eu pensei em me matar. Comecei a namorar com 14 anos a pessoa e ela tinha 17, hoje estou com 19 e ele com 21, crescemos juntos, evoluímos, aprendemos um com o outro, por ser a primeira vez em tudo e como de clichê eu pensei que era pra sempre e dói muito saber que não vou ter mais o abraço, beijo, sorriso, carinho dele. Eu estou em um estado de choque ainda, não estou sabendo lidar com a situação, queria tanto que ele tivesse sentindo a minha falta e visse que a ambição dele de querer ser melhor que as outras pessoas não existisse mais. Todas as pessoas ao meu redor diz que ele não merece nenhuma lagrima minha mas é tão difícil isso, tem horas que eu estou boa e em uma questão de segundos meu coração aperta me vem ele na mente e eu começo a chorar, mais logo eu paro. Enfim, eu só queria sair disso, porque eu não sou forte pra aguentar superar isso, você pode me ajudar? Apesar que eu posso ler que eu sou a melhor pessoa do mundo mais eu vou pensar que a pessoa falou mentira, acho que eu queria desabafar. E ler seu artigo me despertou essa vontade imensa de escrever,por mais que eu não consiga me expressar direito, meu coração já está apertado, eu não se o que fazer, me ajuda por favor.

Avatar for Miguel Lucas
Marcia

Olá doutor Lucas,
Essa postagem veio no momento certo. Adorei ler os comentários, pois, é reforçante ver que há outros passando pela mesma situação. Entrei aqui e gostei muito, as vezes tenho a sensação de subir 1 degrau e descer 20, estou lutando contra a vontade indescritível (pelo menos para mim) de não fazer nada ha mais de um ano, estou num caminho de aceitação e autoconhecimento, desde de criança sofria com isso (depressão), mas, não entendia o que era, parecia mais como ausência de vida.
Mas, aqui estou para agradecê-lo por doar um pouco de si.
Que esse próximo ano seja de grandes realizações para sua vida e para aqueles que estão atravessando esse vale tão complexo da depressão.

Avatar for Miguel Lucas
rosani sackt

so queria ter foças pra começar !

Avatar for Miguel Lucas
Cecilia

Olá, Rosani, hoje 10/10/15, acabo de ler seu relato no site acima citado. Gostaria de lhe deixar uma mensagem:

O exercício do perdão – Papa Francisco

Não existe família perfeita.
Não temos pais perfeitos,
Não somos perfeitos,
Não nos casamos com uma pessoa perfeita
Nem temos filhos perfeitos.

Temos queixas uns dos outros.
Decepcionamos uns aos outros.
Por isso,
Não há casamento saudável nem família saudável
– Sem o exercício do perdão –

O perdão é vital para nossa saúde emocional
e sobrevivência espiritual.
Sem perdão a família se torna uma arena de conflitos
E um reduto de mágoas.
Sem perdão a família adoece.

O perdão é a assepsia da alma,
A faxina da mente
E, a alforria do coração.
Quem não perdoa não tem paz na alma
Nem comunhão com Deus.

A mágoa é um veneno que intoxica e mata.
Guardar mágoa no coração é um gesto autodestrutivo.
É autofagia.
Quem não perdoa adoece física, emocional e espiritualmente.
É por isso que a família precisa ser lugar de vida
E não de morte; território de cura
E não de adoecimento;
Palco de perdão e não de Culpa.

O perdão traz alegria
Onde a mágoa produziu tristeza;
Cura, onde a mágoa causou doença.

Papa Francisco
Um abraço fraternal ( se possível, me escreva dizendo se recebeu esta msn.)

Avatar for Miguel Lucas
sueli

eu estou em tratamento ha 15 anos e tive uma super iou varias super crises mas acho que ate perdi esoperança por isso to ficando cada vez pior tento tds os dias mas ta dificil queria tanat ajuda esse e o endereço do meu face quem me ve nem pensa mas tem tempos que mnal saio de casa e fora as vezes que tentei sucudio e ao msm tempo tenho medo de morrer tomo medicamentos pois tem quinze anos que faço tratamento com pisiquiatra e as vezes picicologa nao sou nem de classe media sou pobre msm mas sou honesta enao tenho vergonha de dizer mas essa coisa e horrivelk tenho ja filhos dois o caçula vai fazer 19 anos tenho ja uma netinha mas o que faço quero msm sair dessa

Avatar for Miguel Lucas
Cecília

Olá! Sueli, acabo de ler seu relato no
http://www.escolpsicologia.com
Lí, e simplesmente me deu um grande vontade de lhe enviar Uma Mensagem do Papa:
———————————————————————
O exercício do perdão – Papa Francisco

Não existe família perfeita.
Não temos pais perfeitos,
Não somos perfeitos,
Não nos casamos com uma pessoa perfeita
Nem temos filhos perfeitos.

Temos queixas uns dos outros.
Decepcionamos uns aos outros.
Por isso,
Não há casamento saudável nem família saudável
– Sem o exercício do perdão –

O perdão é vital para nossa saúde emocional
e sobrevivência espiritual.
Sem perdão a família se torna uma arena de conflitos
E um reduto de mágoas.
Sem perdão a família adoece.

O perdão é a assepsia da alma,
A faxina da mente
E, a alforria do coração.
Quem não perdoa não tem paz na alma
Nem comunhão com Deus.

A mágoa é um veneno que intoxica e mata.
Guardar mágoa no coração é um gesto autodestrutivo.
É autofagia.
Quem não perdoa adoece física, emocional e espiritualmente.
É por isso que a família precisa ser lugar de vida
E não de morte; território de cura
E não de adoecimento;
Palco de perdão e não de Culpa.

O perdão traz alegria
Onde a mágoa produziu tristeza;
Cura, onde a mágoa causou doença.

Papa Francisco
————————————————————————–
Um abraço fraternal, se possível me escreva dizendo se recebeu esta mensagem. Fica com Deus!

Avatar for Miguel Lucas
Marcella Reysh

Olá, gostei bastante das dicas. Realmente funciona, eu na verdade desde pequena sentia sensações de sentimentos negativos, e isso me atrapalhava muito no relacionamento com as pessoas. Depois passeis ´por desilusões amorosas… tinha dificuldades de raccionar , e de me concentrar nas coisas, é tanto que na faculdade fui um desastre. E n ao conseguia fazer amizades. Mas com um tempo depois, fiquei gravida perdir um filho ,acabou o noivado.. e depois de muito tempo passado nao quis mais ngm ;;; suporteii;;mas depois outro episódio..no trabalho sofrir muitas pressoes psicologicas, tinha uma moça que vivia fazendo fofoca ,isso me deixava mal… mas depois Orei a Deus que me ajudasse,, e ler a Biblia e conhecer a Deus profundamente me ajudou e muito, hoje nao me sinto mais só, porque com base na biblia tenho uma esperança de vida melhor.. e dei uma virada na vida… porem a depressao voltou.. quando assumir a Gerencia da empresa.. voltava exausta pra casa e stressada tds os dias..dai voltou sentimentos negativos, dores de cabeça..insonia, falta de apetite.. foi triste.. fui na psicologa… mas nao iniciei tratamento…..sei que é fundamental..

Hoje, estou melhor porque me concentro em Leitura da Biblia, me esforço sempre em pensar em coisas positivas, me associo com pessoas cristãs como eu, e criei um habito de acordar todos os dias cedinho;; as 18;00 e dançar zumba… de

pois tomo banho e leio…depois medito na esperança de Revelação 21:4 que Deus no promete sessar todo sofrimento ele diz " E enxugara dos seus olhos, toda lagrima, e nao havera mais morte, nem pranto, nem dor" tem em mente essa promessa maravilhosa me ajuda..

Ainda assim, as vezes eu me sinto cansada e fazendo esforço contra a mente e os pensamentos negativos.

Mas as dicas sao senssacionais!!!! Eu o agradeço!

Avatar for Miguel Lucas
SANDRA campos

Seu site é o melhor que já vi!! Parabéns pela iniciativa maravilhosa, sei que assim como me ajuda ajuda muitos outros.
Se vc puder continuar é maravilhoso.
Obrigada novamente pelo seu site eu vou indicá-lo pois ele ajuda muito.
Será que vc podia escrever algo sobre filhos preteridos não só na infância mas também na fase adulta.
Obrigada por tudo. Tenho muita coisa pra ler aqui que me ajudará a ser mais feliz comigo mesma.

Avatar for Miguel Lucas
damcan

caros amigos fiquei muito feliz quando me deparei com esse site tenho 28 anos desde dos 16 anos venho passando por problemas de depressão, tudo começou na minha adolescência quando eu passava por muito problemas , passei a sentir vários sintomas esquisitos ficava imaginando doenças que não poderia ter cura devido sintomas esquisitos que eu sentia,meus pais me levarão ao médicos,varias vezes ,fiz vários exames nada constava, mas mesmo assim continuava sentido ,tonturas desânimos falta de enderece pela vida,so vinhe descobrir que estava com depressão depois de 4 anos depois.
sofro ate hoje mas graças a deus consegui controlar através de medicação minha depressão, me sinto muito mau em saber que dependo ante depressivos, hoje sinto me muito frágil sem muito otimismo sou muito parado não gosto de sair sou muito de começar a planejar algo ao mesmo tempo desisto facio

Avatar for Miguel Lucas
sergio torres

Persizo da sua ajuda

Avatar for Miguel Lucas
karine

Olá, eu tive um filho há 4 meses atras, ele é cardiopata e tem que passar por diversas cirurgias e ja passou por uma… com o nascimento dele, muitas coisas mudaram na minha vida, acho que nada fora do normal quando se tem um filho, porém eu me sinto deprimida, me sinto sozinha, eu tenho todo o motivo do mundo para estar feliz, pois meu filho esta bem e tenho um marido atencioso mas não me sinto feliz, eu me sinto exausta e triste o tempo todo, como se nada do que eu faço é o suficiente, como se eu não estivesse conseguindo fazer tudo o que tenho que fazer!!! Eu tenho muita vontade de falar com o meu marido sobre isso, dizer me estou deprimia e que esta cada dia mais dificil pra mim, mas eu simplesmente não consigo dizer nada a ele!

Avatar for Miguel Lucas
Beatriz

Oi, eu estou passando por isso, tenho 19 anos e uma filha de quase 3. Imaginam o que é ser MÃE aos 16 anos. Há mais ou menos um mês tentei suicídio e é a única coisa que eu tenho vontade de fazer, porque quanto mais eu luto contra ela, ela sempre vem mais forte e me derruba. Eu estudo e amanhã tenho aula, mas só de pensar que vou ter que ir pro colégio e ficar fingindo pra todos que estou bem, já me dá vontade de chorar, de me trancar no banheiro, além do fato de que nem por 1 segundo eu paro de pensar na morte, que ela é a única solução e que todos vão estar bem melhor sem mim. Eu sou bem durona, então é muito difícil pra mim falar sobre isso, mas eu sei que preciso de ajuda, mas não a tenho e quando tentam me ajudar, fazem tudo errado e pioram tudo, cada dia mais. Todos os dias eu me despeço dos meus familiares e da minha filha como se nunca mais fossem vê-los e peço a quem seja que for, que me mate porque eu não aguento mais viver assim, nessa tortura. Eu costumava ser a mais divertida e alegre de todos e hoje eu não passo de uma falsa que fingi pra todos ser o que não sou.

Avatar for Miguel Lucas
artur

conheci uma mulher linda vivi com ela os melhores dias de minha vida a perdi sinto me na ruina

Avatar for Miguel Lucas
bolaria

Tenho estado em cativeiro desde o meu ex deixar por outra mulher, foi realmente um inferno para mim e todo mundo disse meeve para esquecê-lo, mas eu não podia, porque eu o amo muito, as coisas pioram até o meu amigo me apresentou a este grande feitiço caster Dr. AIDAMENBOR.D.GREAT que têm salvar tantos vida e relacionamentos e eu em contato com ele através de seu e-mail (aidamenbordgreat@yahoo.com) i explicar tudo para ele e ele lançou um feitiço para mim imediatamente depois de três dias, tudo volta ao redor e meu namorado veio para me no joelho implorando por perdão que eu sou o único e única mulher em sua vida agora. i foi surpresa eu nunca vi tal milagre em minha vida. Eu sou tão grato a este homem e eu vou sempre publicar seu nome Dr. AIDAMENBOR.D.GREAT contato com ele hoje em: aidamenbordgreat@yahoo.com ……..

Avatar for Miguel Lucas
roseli sarilho

não conseguindo nem se mover, então me resta morrer.
desepero total, quinta crise.

Avatar for Miguel Lucas
Sandra

Eu estou passando por isso tô fazendo tratamento já faz 11 messes vou todo mês no meu piscotra me dias que tenho que fingir que tá tudo bem tô cansada desanimada casada uivo cansada alguém me ajude por favor

Avatar for Miguel Lucas
José

Passo por isso há 05 anos sem trégua! Não conheço a tal felicidade…

Avatar for Miguel Lucas
Wins

Olá pessoal. Gostaria que prestassem atenção sobre a questão do que passo em minha vida (Talvez meus problemas sejam tão difíceis que até conforte-os).
Tenho 20 anos e moro com meu pai (48 anos), minha mãe (44 anos), uma irmã de 17 anos, uma irmãzinha de 6 anos e um irmãozinho de 3 anos. Os problemas dentro de casa são inúmeros: brigas, gritos, discussões e principalmente falta de compreensão (esse são alguns de muitos). Meu pai é alcoólatra e tem depressão. A rotina dele é trabalho>bar> dormir. Minha mãe cuida das duas crianças pequenas praticamente sozinha, e além disso, tem que cuidar da casa e vender produtos cosméticos pra aumentar um pouco a renda dentro de casa ( que é bem baixa). Minha irmã de 17 anos é bem rebelde. Ela é grita bastante, não tem muita paciência, já usou drogas e tem problemas emocionais (até entendo que crescer num ambiente igual minha casa não é fácil). Procuro compreender a todos e ajudar a todos. Estudo um pouco de psicologia, História e filosofia. Em base de alguns estudos, cheguei a conclusão de que Deus não existe. Acredito que a crença foi criada para confortar as pessoas para questões como a morte e que talvez um dia a religião atual vire mitologia, assim como muitas outras já viraram. Sempre quando falo sobre algum problema meu, pessoas próximas dizem pra eu rezar e pedir a Deus para me confortar (a crença é algo muito forte nas pessoas pois elas crescem aprendendo a crer em deus). Eu respeito e compreendo, porém, pra mim isso é doloroso pois minha concepção é totalmente diferente e dificilmente alguém me entende. As crianças estão cada vez mais incompreensíveis e incompreendidas (gritam bastante, são bem agitadas e eu me preocupo muito com elas pois não quero que passem pelo mesmo que eu passei e que ainda estou passando). Quando posso, sento ao lado deles, conto historinha, ajudo a de 6 anos fazer tarefa, ensino e passo atividades, levo ao parque entre outras coisas. Sou uma pessoa muito compreensível e tento ajudar a todos. Me preocupo com pessoas que nem estão perto de mim. Tenho pena das pessoas que passam necessidades (em quanto uns tem muitos, outros tem de menos). Vejo pessoas morrendo e a importância disso é zero porque se tornou algo banal. Vejo ser humano tratando animais como gente e gente como nada. Eu estudo e leio muito e posso dizer que a ignorância é um presente. Não saber da verdade é algo que conforta as pessoas. Creio que a verdade é dolorida e o que se passa por trás do mundo é algo muito complexo. Ninguém entende ninguém e as pessoas estão cada vez mais maldosas e sem falta de amor pelo próximo e que isso acontece por conta do reflexo do sistema social que temos. São muitas coisas que perturbam minha mente. Procuro sempre ser positivo e fortalecer minha resiliência. Tenho alguns traumas de infância pelas brigas que assistia e que nunca saíram da minha mente. Quando me deparo com uma briga entre outras pessoas vejo que isso é uma grande tolice e não vai levar a lugar algum, porém, uma pessoa que cresce em um ambiente com fortes brigas já criam uma concepção sobre brigas de que isso é normal e talvez, a força de ego e a vontade de estar certo, fala mais alto do que talvez ser feliz e manter a calma no momento. Meus pensamentos são muitos, minha mente é muito agitada e as vezes não consigo por pra fora tudo que se passa. Eu sou homossexual.
Isso vem desde pequeno, ( não sou ”afeminado” e nunca pareci ser). É algo que já nasceu em mim e infelizmente é mais uma de muitas questões que as pessoas nunca compreendem. Não foi uma escolha (na verdade sempre lutei contra isso, até porque, na sociedade que vivemos, não é nada fácil ser diferente pois querem nos igualar a tudo e nunca percebem que o Ser humano tem suas diferenças e devem ser respeitadas). O rombo na minha alma é muito grande e os problemas que me perturbam são muitos. Eu me preocupo com as pessoas menos favorecidas. Vejo uns com muito e outros com nada.O mundo é muito injusto. O governo esconde inúmeras coisas da população, as indústrias são cheias de esquemas e os alimentos são bem degradantes ao ser humano ( não querem sua saúde, querem seu dinheiro, afinal). Tenho inúmeros problemas e nenhuma condição financeira (nem para um tratamento de qualidade). Mas também não vivo reclamando pois vejo pessoas em situações piores que a minha e que conseguem se reerguer). Isso é só uma parte dos problemas que me assombram, as vezes minha ansiedade é tanta, que me da dor de barriga, mas temos que nos fortalecer e lutar contra isso todos dias, afinal, a vida é só uma. Vamos nos reerguer e encontrar o verdadeiro sentido da vida. O meu vai ser fazer o bem para as pessoas que eu amo e para todos. Peço que por favor não me julguem. Respeito a todos igualmente e respeito também todas as crenças. Deixo aqui uma frase motivadora pra nós: ” — Se não puder voar, corra. Se não puder correr, ande. Se não puder andar, rasteje, mas continue em frente de qualquer jeito.” – Martin Luther King.

Avatar for Miguel Lucas
Gomes

Desejo tudo bem pra vc meu amigo.

Avatar for Miguel Lucas
Domingos

Tenho 18 anos, também tive depressão, soube por meio de um Psiquiatra que me Receitou remédios. Tudo normal, se não fosse pelo motivo de eu ser contra esse tipo de abordagem.
Eu acreditava que podia me recuperar sozinho sem o uso de remédios, foi difícil no começo mas consegui lutar. E todas as vezes que tinha pensamentos negativos usava a técnica de duvidar, criticar.
Pouco tempo depois tinha pensamentos suicidas, e consegui novamente vencer.
Era difícil sentir com o peso na alma, mas foi a partir da depressão que aprendi a ser líder do meu eu.

Avatar for Miguel Lucas
-

oi. Como uma pessoa diabetica, tenho que dizer que aquele primeiro parágrafo me deixou mais triste do que eu já estava. É uma estupidez dramatizar a diabetes e se referir a ela como uma doença incurável, como se depressão fosse mais fácil. Não é. Nem um pouco. Controlar bem a glicemia significa furar o dedo ao menos 10x por dia. Não se pode comer nada, ou andar ou nada sem medir antes, pra garantir que não ocorrerá uma hipoglicemia. Vocês são imbecis, excluindo os diabéticos do seu possível público alvo. Tentem dar exemplos neutros da próxima vez

Avatar for Miguel Lucas
Estou Perdida.

As sinto como se estivesse sozinha, eu ando no psicólogo mas… Finjo estar melhor. Ou seja, faço acreditarem que estou bem. E quando chego no meu quarto me pego a ver vídeos tristes. Bem tento ver vídeos engraçados para me distrair mas não consigo. É como se outra parte de mim quisesse voltar a Alto-mutilação. É horrível sentir-se assim, e o pior é que só tenho 15 anos, por quanto tempo irei me sentir assim ? Cada dia que passa os maus pensamentos me aterrorizam.

Avatar for Miguel Lucas
FábioBrasilOurique

Olá, fiz ontem um video que pode ajudar a quem tem depressão: https://www.youtube.com/watch?v=4TUm4IvAW5M

Avatar for Miguel Lucas
ana zita

Olá Dr.
muito aprendi com suas escritas .. mas gostaria de aplicar com meu pai 74 anos está passando por sérios sintomas de depressão .
Sinto forte desanimo ..mas muita vontade de viver e batalhar na vida . Está tratando com psiquiatra e geriatra .Mas apresenta momentos bons e ruins e ai se desanima dizendo ..Deixa quieto. Tenho pena.
tem se isolado de tudo e todos principalmente da igreja q era um lider . Dava palestra para noivos ,grupo d familia . Ai na igreja por duas vxs teve desmaio n quer mais ir esperando melhorar .Minha mãe já n tem mais paciência com ele as vezes deixando de ouvir seus lamentos. Há vinte anos teve isto após mais leve. Hj voltou com intensidade. O que pede diante dos médicos é que volte a Vontade de fazer o que gostava. Mas ta dificil .Anotei suas regras e começarei a praticar com ele.Mas sinto q ..sei lá para ele nada mais ira dar certo . Mas tentarei Amo meu pai é muito singelo ..quer ajudar a todos.

Avatar for Miguel Lucas
vanilza silva

Minha irmã tem depressão mas a dela e mas forte ela pensar em coisa que não entendo muito bem ela passa mal com enjoada fala que vai morrer sente falta de ar ela não gosta de sair não faz um esforço pensar em qualquer coisa que vem na cabeça eu não seu o que fazer para ela melhorar ela saiu uma vezes ela nunca fala por que fico assim e quando agente fala por que ela não fala ela fica com raiva ela ia pra rua falava com dois amigo e amiga agente faz de tudo pra ela sair mas ela não que já não sei o que fazer mas você pode mi ajudar

Avatar for Miguel Lucas
Reginaldo

oi boa tarde b meu nome e REGINALDO MINHA MÃE ESTA COM DEPRESSÃO A 3 ANOS OS MEDICO ACHA QUE E POR CAUSA DO FALECIMENTO DO MEU PAI ,JA PASSEI POR 5 MEDICOS MAS NÃO VEJO MELHORA E A DEPRESSÃO DELA E ESQUISTA PORQUE SOMOS 5 IRMÃOS MAS ELA SO QUE EU COM ELA 24 HORAS ELA DORME COMIGO ELA QUE EU SENTANDO DO LADO DELA TODA HORA TEM QUE SE DO LADO DELA EU NÃO POSSO FAZE MAS NADA ELA SO QUE FICA COMIGO ESTOU NO MEU LIMITE ME AJUDE POR FAVOR MEU TELEFONE DD 21 34227559 SOU DO DO RIO DE JANEIRO

Avatar for Miguel Lucas
XxRhily

Tenho 13 anos,bem..meu pai morreu nunca mais quis me aproximar de ninguém,sempre dava aqueles sorrisos falsos falando.que estava bem para nao se preocuparem…depois de um devido tempo os familiares de meu pai vieram me visitar eu e minha irmã,eles queriam nossa guarda,nunca sequer me lembro deles,minha mãe me contou que a última vez que eles me viram foi quando tinha acabado de nascer..mais no fim não conseguiram com minha guarda e da minha irma,fiquei com minha mãe,faço de tudo para ela não se preocupar comigo…
Tenho alguns amigos mais não muito,tenho dificuldades de fazer amizades,comecei a querer me aproximar das pessoas,mais nunca dão certo,sempre elas me traem ou nunca mais falam comigo…enão meio que tô com amizades mais ao mesmo tempo não…
Esses.dias meu padrasto e minha mae brigaram,eu sei que sou culpada por isso ,minha fala que não sou,mais sei que sou,vi e escutei ela chorando,chorei também mais fiz de tudo para não perceber,e funcionou…as pessoas mais importantesobre para minha vida e minha irmã caçula e minha mãe, se.eu perder uma delas no sei mais oq será de mim, tenho muito medo de perde-las…

Quero de um modo começar a fazer amizades,tenho que deixar minha timidez de lado,e seguir em frente com a cabeça erguida,quero muito mesmo ter amigos verdadeiros…e pelo.menos me enteragir com as pessoas e ficar cada vez mais perto de minha mãe. .e não ter mais medo.

Avatar for Miguel Lucas
nikele fonseca

gostaria de comentar com vc nuno que realmente a depressão se não procurarmos uma ajuda profissional,não conseguimos sair dela.Ja faz um ano que entrei em depressão e o pior fui encaminhada ate uma psiquiatra que tratei com ela durante 7 meses etodas as vezes que fui ate as consultas ela mal ouvia o que eu estava sentindo e me passava mais remedios e eu cada vez pior. O nps não mais me asseitava so me deu tres meses e dai não conseguia trabalhar devido as medicações fiquei assim ate fim de julho foi quando passei mal e tiveram que me levar pro hospital por sorte e pela graça de DEUS o medico que estava la era de bh e de cara ele disse que as medicações que eu estava tomando não eram pra mim.então passou pra outro medico e por graça de DEUS O MEDICO RETIROU TODA A MEDICAÇÃO PASSOU OUTRA BEM MAIS FRACA FOI ONDE MELHOREI FICARAM SEQUELAS DE TODA ESTA SITUAÇÃO COMO TIVE QUE PEDIR CONTA DO MEU TRABALHO POIS MEU CHEFE NÃO QUIS MUDAR A MINHA FUNÇÃO ENTÃO NÃO VI OUTRA SOLUÇÃO A NÃO SER SAIR E ATE HOJE SINTO FALTA DO MEU TRABALHO NÃO POR CAUSA DO DINHEIRO MAS PELAS AMIZADES E PELO TEMPO TAMBEM QUE PASSAVA JUNTO COM MEUS COLEGAS DE TRABALHO E AINDA ME SINTO PERDIDA FORA ORBITA.MAS UMA COISA FICOL BEM CLARA EM MINHA VIDA NADA É POR ACASO MESMO DIANTE DESTE SOFRIMENTO TENHO CERTEZA QUE DEUS TEM ALGO DE MARAVILHOSO NA MINHA VIDA QUE QUANDO ESTAVA BEM NÃO ENXERGAVA MAS HJ POSSO ESPERAR A HORA DE DEUS POIS PRESIZAVA SER LAPIDADA POR DEUS NÃO SEI SE VC TEM ALGUMA RELIGIÃO MAS POSSO TE DISSER QUE SEM A GRAÇA DEUS NÃO TEM COMO SUPERAR ESTA DEPRESSÃO SO ELE É CAPAZ DE IR ATE A RAIZ DESTA SUA INFERMIDADE ACONSELHO AVC A FAZER O QUE EU FIZ PROCURE UMA IGREJA CATOLICA ONDE POSSA TER UM GRUPO DE ORAÇÃO E VAI AO GRUPO PEÇA AO COORDENADOR OU ALGUEM QUE ESTEJA CONDUZINDO O GRUPO QUE VC PRESIZA QUE ELES REZEM POR VC POR CURA E LIBERTAÇÃO ,CURA INTERIOR POIS NOS QUE TEMOS DEPRESSÃO ESSE É O MEIO PRA PODER MELHORAR,POIS SO DEUS CONHESE AS NOSSAS FERIDAS INTERIORES MAS É GRUPO DE ORAÇÃO NAÕ LHE SERA COBRADO NADA SÃO SERVOS DE DEUS QUE ESTÃO ALI PRA TE AJUDAR FAÇA ISSO OU ENTÃO TERA QUE CONVIVER COM ESSA DOR HORRIVEL QUE É A DEPRESSÃO QUE SE NÃO DEIXARMOS DEUS CUIDAR DE NOS NUMCA VAMOS SARAR NÃO LHE CONHEÇO MAIS SEI O UE CONVIVER COM A DOR DE UMA DEPRESSÃO OUÇA O MEU CONSELHO PROCURE AJUDA NO GRUPO DR ORAÇÃO RCC DA IGREJA CATOLICA DAI VC VERÁ O QUANTO IRA AJUDA-LO EU MESMA RECEBI VARIAS ORAÇÕES QUE FORAM UM ALIVIO ELES NOS ACONSELHAM NOS INDICAM UM CAMINHO A SEGUIR QUE DEUS LHE ABENÇÕE A E PARA OUVIR ESTAS MUSICAS MALUCAS DE RED MDTAL SO VAI PIORAR SUA CABEÇA OUÇA COISA TRANQUILAS QUE POSSAM ACALMAR SEU CORAÇÃO.

Avatar for Miguel Lucas
Rebeca

Tenho me sentido tão angustiada ,não sei mais o que fazer ,tudo estava tão bom,estava tão feliz com a minha vida ,com o meu namorado,,mas de repente tudo virou de cabeça pra baixo ,não sinto mais alegria, não sinto sinto mais os prazeres que a vida dava de antes ,parece que vivo em um mundo só meu ,quando acordo de manhã vem uma angustia tão intensa que eu não sei como descrever ,estou tão triste,tenho vontade de ficar sozinha sem ninguém ,meus pensamentos são tão perturbadores que são sei explicar não vejo mais saída ,quero ter minha felicidade de volta ,não quero perde meu namorado também….
Não aguento mas isso

Avatar for Miguel Lucas
Eliane

Oi, Rebeca estou passando por situação parecida, com o agravante que sou mãe de duas mocinhas (14 e 10 anos).
Tinha uma vida boa. Tinha vários amigos, um trabalho que gostava, fazia coisas que me agradavam, depois me separei e ainda continuei na boa. Com o passar dos anos, as coisas começaram a mudar, minha filha mais velha começou a me dar problemas com as amizades e na escola, perdi o interesse no serviço, me isolei dos amigos, não tenho mais vontade de nada.
Hoje minha filha mais velha foi morar com o pai e estou numa fase que não sei o que faço ou para que faço. Sei que preciso reagir… encontrar a motivação em alguma coisa, pois do contrário, acredito que o suicídio não é solução, mas as vezes penso que se morresse tudo se resolveria. Alguém pode me dizer qual o sentido da vida?

Avatar for Miguel Lucas
VANUSA

OLA TENHO UM SOBRINHO EM ESTADO MUITO GRAVE ELE NAO SAI DO QUARTO JA TEM 3 ANOS NAO SE ALIMENTA BEM SEU ESTADO PAREÇE UMA CAVEIRA MUITO MAGRO . MINHA IRMA JA TIROU A INTERNET DO QUARTOI DELE MESMO ASSIM NAO LARGA O COMPUTADOR E FICA TRANCADO NO QUARTO . ELE É MUITO VIOLENTO E NAO QUER SAI DO QUARTO NEM PARA VER O SOL NA RUA . MINHA IRMA JA FOI EM DIVERSOS PSICOLOGOS . MAS OS PSICOLOGOS AFIRMAM QUE NAO PODEM IR ATE A CASA E TIRAR ELE A FORÇA POR FAVOR ME AJUDEM . TEMEMOS PELA MORTE DELE POIS ELE ESTA COM ASPPECTO DE MUITO DOENDE MAS ELE NAO QUER AJUDA…

Avatar for Miguel Lucas
Paulinha

Bom dia
Tenho um filho com 29 anos que desde 16 anos que toma medicamentos para a ansiedade/depressão, já esteve internado porque tinha intensões suicidas, á cerca de três meses deixou de tomar a medicação por sua iniciativa, e encontra-se novamente no fundo do« poço», diz que é para eu me preparar que ele mais dia menos dias se vai matar, que ninguém pode decidir o que fazer da vida dele etc. Não sei como lidar com isto pois ele recusa-se a tomar a medicação porque diz que a mesma não resolve os problemas, eu sinto-me muito desgastada com esta situação pois já se arrasta á vários anos e eu não sei o que fazer.

Avatar for Miguel Lucas
Catia

Acho que a mudança é interna, isto é, primeiramente ocorre dentro de si para depois sim partir para as ações. Eu procurava fazer caminhada, passear, falar com as pessoas, sair com os amigos, porém essas coisas só fazia me sentir pior, pois eu via as pessoas se divertindo e dando risada, e eu ali sem achar graça em nada, sem contar o quanto que eu chegava cansada depois de uma caminhada curta.
Depois de um tempo no fundo do poço eu percebi que eu teria que mudar a minha mente primeiro teria que colocar mais fé, isto é, ter mais fé na vida, fé em mim e fé em algo (nesse caso eu escolhi ter fé em Deus), pois a fé nos dar energia e motivação que ao meu ver é o combutível para partir para as ações.
Meu quadro hoje é estável.

Avatar for Miguel Lucas
Alan

Eu lendo os comentarios, me identifiquei com muitos deles. Vive uma infancia pertubada, apensar de ter sido criado pela minha vó, sempre rodeado de carinho, sempre senti um vazio existencial muito grande, sempre me senti sozinho, mesmo quando estava com amigos, pois os via rindo, conversando e muitas vezes eu estava ali só a observar sem sentir nada. Ja na adolescência comecei a trabalhar, tinha um bom emprego, fora o status que ele me dava, mas mesmo assim, me sentia tão facil, tão só. Nunca tive animo para nada. Até que tive que vir embora para outra cidade mora com minha mãe biologica e foi quando tudo agravou. Não tivemos uma relação saudavel, sempre brigas, brigas, tomei uma caixa de remedio para vê se dava algum tipo de intoxicação, mas nada aconteceu, até o dia que resolvi sair da casa dela, pois se continuasse ali iria morrer, e passei por inumeras dificuldades, batalhei no meu trabalho para ter oportunidade, fazia faculdade, não tinha amigos e ainda hoje tenho poucos e poucos que confio. Sempre quebrei a cara com as pessoas e cada vez que isso acontecia me fechava para o mundo cada dia mais. Hoje sou adulto, até um tempo atras dizia que não queria ninguem, que estava feliz sozinho, mas parei e vi que isso é pouco provavel, todo mundo precisa compartilhar um pouco de se com alguem, e sinto essa necessidade. Além de tudo isso, tenho o fato de ter sido abusado e através disto despertou a minha homossexualidade, eu não culpo o fato disso ter ocorrido, mas até certo tempo não me aceitava de maneira alguma, e ainda não aceito, faço de tudo para não perceberem, mas o fato de me sentir sozinho esta acabando comigo. Até hoje nunca tive a oportunidade de alguem me olhar dentro dos olhos e dizer te amo, aquele te amo sincero que quando você ouvi muda seu humor, seu sorriso, que você sente sinceridade. E busco isso, mas parece que o mundo inteiro quer me vê só, as pessoas que eu gosto, normalmente não da certo e isso me frusta, por que termino usando toda minha energia na expectativa de ter alguem. Sem contar que ultimamente não sinto mais vontade de nada. Tudo parece que escureceu e não ha cor, nem vida. Meu mundo é escuro, frio, meus sentimentos são tão confusos, assim como minhas palavras aqui para me expressar por que são tantas as frustrações, anseios, raiva, odio, frieza que não sei por onde começar a falar. Meu nivel de irritabiliade é alto, meu humor oscila muito, e sem vontade nenhuma de fazer nada.

Avatar for Miguel Lucas
leslie

Eu estive em grande escravidão por quase 2 anos de sofrimento nas mãos de um marido batota, estávamos felizes e saindo bem até que ele quis dizer sua velha namorada tempo tempo e ela começou a namorar fora do nosso casamento antes que você sabia que ele parou de cuidar e Cuidando de sua própria família era na medida em que agora ele estava planejando casar com ela e se divorciar de sua própria esposa, eu chorei e relatei para sua família, mas ele nunca ouviu ninguém, mas para cortar a minha história curta i Veio em busca de um conjurador mágico real que poderia destruir seu relacionamento e fazê-lo voltar para sua esposa e 2 crianças na minha pesquisa eu vi pessoas fazendo testemunho sobre como seu casamento onde restaurado por DR feiticeiro eu pegar o seu e-mail e eu contei a minha história Para ele e ele concordou em me ajudar e depois de realizar um feitiço no terceiro dia ambos tiveram uma briga e ele bateu sua namorada para cima e ele veio para casa pedindo para eu e meus filhos pequenos para perdoá-lo que seus olhos estão claros agora que ele Nunca fará qualquer coisa que machucará sua família outra vez e promete ser um pai importando-se e nunca enganar again.I sou assim que feliz que eu não o soltei à menina toda a apreciação vai ao feiticeiro do DR para você é um rodízio do grande encanto E a quem isto pode interessar se você tem um marido ou uma esposa de batota você pode também enviar por correio electrónico (hechicero.de.amor1@gmail.com) Jolene Leslie de USA

Avatar for Miguel Lucas
Neuza Cecília

Olá Miguel sou de África mormente mocambique também sofro de depressão e acho que desde criança hoje tenho 40 anos . Sempre procurei superar (sozinha) pois para a minha família eu era apenas uma criança e adolescente e hoje mulher complicada. Quando eu era criança nem se falava dessa doenca nunca tinha ouvido mas sou uma pessoa que lê e pesquisa muito e já adolescente vi num artigo a falar sobre a depressao e pelos sintomas soube logo que eu tinha. No entanto na cidade onde eu vivo nem sequer ouvia se falar de tal doença. Só há cerca de 8 9 anos começaram a aparecer médicos psicólogos. Mas não fui pois tinha crises mas conseguia sozinha lutar e vencer. Há cerca de 5 anos fui pela 1a vez a um psiquiatra que me receitou medicamentos embora notei mudanças em mim fiquei com medo de me tornar dependente e deixei simplesmente ( o que na óptica de uma Psicologa foi errado por causa do desmame Oi seja diminuir gradualmente… mas embora no princípio passei um bocado mal mas acho que foi a fase que me senti mais saudável alegre mais predisposta .mas há cerca de 5bmeses para casa parece que meu mundo ruiu. Tdo corre mal desde emprego vida familiar saúde… entrei numa depressão que já não consigo dominar estou mesmo em baixo e digo le sempre lutei com isso mas as minhas forças já não surtem efeito. Estou a entrar em desespero. Sei que a causa da depressão e algo que se passa ou que aconteceu na nossa vida eu na verdade neste momento o emprego está a abalar me muito na medida em que afastaram me de um lugar em que estava há cerca de 9 anos mandaram me para outro onde praticamente não se faz nada e sinto que meu tempo vai passar e eu não vou aprender nada lá onde estou. Para além disso tem o meu marido ele é muito insensível sabe uma pessoa que acho eu estar ao lado dele ou não não lê vai fazer muita diferença. Todo o encargo das crianças deixa comigo e se faz algo por eles faz como se fizesse um favor para mim . Se fico doente não cuida de mim e onde vivo não tenho familiares perto só nos temos aos 2 e os nossos filhos que são menores.. ele vê me como algo funcional que serve só para ajuda lo só serviço dele e nas coisas de que ele precisa isso me deixa mesmo triste e desamparada.. até acabei me apaixonando por outra pessoa mas sinceramente so covarde para ir em frente nisso… eu vivo para os.meus filhos mas eles desgastar me tanto que as vezes até desejo coisas mas é fico desesperada por ter esses pensamentos porque eu adoro eles. Eu faço exercícios físico saio muito para conversar e essas coisas mas posso estar ali todo mundo a rir mas eu por dentro sinto me triste e sozinha. Por isso digo que para mim não sei qual é a salvação porque nada está a resultar….

Avatar for Miguel Lucas
lucas

Eu tenho depressão a muito tempo, as vezes me pergunto como eu aguento até agora. Uma pessoa tem suas lutas do dia-a-dia, mas eu pareço que tenho uma guerra e tenho que enfrentar isso todos os dias… Eu com 6 anos fui abusado sexualmente, também nunca tive pai, minha mãe me abandonou quando eu era bebê e hoje ela me envergonha fazendo programa, raramente vem em casa, acho que por causa disso tudo tive um péssimo desempenho na escola, alguns dias atrás procurei os remédios certos pra cometer suicídio, só que não tinha aqui em casa… eu li tudo que está escrito aí e acho que não consigo lidar com isso, acho que devo desistir mesmo.

Avatar for Miguel Lucas
Patrick Leonardo

meu desânimo me impediu de continuar lendo depois do 2 parágrafo…

Avatar for Miguel Lucas
cris

boa tarde, lento todas esses caso sinto me só mas uma que tenho lutando tanto contra essa depressão que cada ano e recaída mim leva mas pro fundo da vida possa disse assim. tenho 2 filhos e um esposo encantado um filho tem 17 anos e e portado de deficiência mental atraso intelectual .mas paro e vejo se olha arredo não mim falta nada mas a algo na minha vida que mi levou a depressão. passei por muitos tratamentos psiquiatras,psicólogos remédios e a igreja . mesmo assim as recaídas só vinhame piores. já tentei suicídio duas vezes e fracassei onde só mim senti mas fraca que nê a própria vida consigo tira la. a 3 anos entrei no curso de psicologia pra adquirir conhecimentos e ir a congressos pra tenta lida mas e muito difícil quando lutamos contra nos mesmo. melhoro e quando penso que venci recaiu e pior. muitos chegam a mim e sei ajuda lo mas a mim mesma só sinto um imenso vazio vontade de dormir eternamente pois acho que assim conseguirei a paz que tanto busco e não encontro e assim acabaria o sofrimento da minha família. to lutando ate quando não sei mas verdadeiramente por amo aos meus filhos que e o que mim cobrão seus filhos precisa de vc. e um dia se conseguir mim sair e forma me quero ajuda a muitos que como nos passa por essa prova que nao desejo nem aos que mi querem mal. são tantas coisas na cabeça que tem horas que penso que so louca. a vida nao tem sentido. mas luto porque sei q não podemos nos entrega a negatividade. lucas parabéns pelo artigo. em momentos de uma crise ja mim alivia um pouco esse desabafo.

Avatar for Miguel Lucas
unice

DEVE LER: COMO EU OBTIVE MEU MARIDO PARA TRÁS
É um privilégio compartilhar este milagroso testemunho com o mundo. Meu marido divorciou-me 9 meses atrás e eu tenho sido preenchido com remorso para eu não sabia o que fazer para corrigir problemas com o meu marido. Eu procurei ajuda na internet sobre como eu poderia obter ajuda em meu casamento e eu descobri grandes testemunhas sobre Prophet Lucky que foi progressivo com suas magias. Eu entrei em contato com ele em seu e-mail (luckyspelltemple @gmail. com) e eis que o Profeta Lucky me disse que ele vai preparar um feitiço para mim que vai trazer de volta meu marido. Eu estava cético, mas eu não tinha outra opção senão trabalhar com ele. 2 dias depois, meu marido me chamou que ele está voltando para casa e desde aquele dia até este momento, temos vivido pacificamente. Ele está de volta agora com tanto amor e carinho. Hoje eu estou contente de deixar todos vocês sabem que este conjurador tem o poder de trazer os amantes de volta porque agora estou feliz com meu marido ea coisa mais surpreendente é que o nosso amor é muito forte, todos os dias é felicidade e alegria e não há Nada como estar com o homem que você ama. Eu recomendo altamente o Prophet Lucky para qualquer um lá fora que precisa de ajuda qualquer Se você tiver qualquer problema contato Profeta Sorte, eu lhe dou 100% de garantia que ele irá ajudá-lo !!. O contato de Prophet Lucky está abaixo:
E-mail: LUCKYSPELLTEMPLE @GMAIL. COM

Avatar for Miguel Lucas
eliza

Estou mal já há algum tempo. Pra ser sincera, acho que desde que meu filho passou a me odiar. Há cerca de tres anos. Eu achava que era tudo culpa da minha nora porque não nos damos bem, mas depois descobri que tudo é muito mais complicado do que eu poderia imaginar. Minha filha, a cerca de um ano, me confessou que ela fez muitas coisas para que o irmão ficasse mal comigo. Ela me pediu perdão e eu disse que perdoava, mas não confiaria mais nela. Depois passei a pensar que meu filho era tão vítima quanto eu. Com mais um tempo comecei a pensar que ele deveria ter me dado o beneficio da dúvida e não deu e aí eu resolvi "esquecê-lo". Mas na verdade eu não o esqueci. Eu me forcei a não pensar nele para não sofrer. Só que de uns dias para cá tenho me sentido estranha. Sem vontade de conversar cm ninguém. Com horror de qualquer tipo de contato físico. Sou professora infantil e amo crianças, mas ultimamente tenho sentido horror a que eles me abracem e nem sinto vontade de ir ao trabalho, só para não ver nem ter que lidar com ninguém. Sinto que estou perdendo a vontade de viver. Nunca pensei em suicídio, mas hoje me peguei pensando que seria melhor enfiar uma faca no peito. Tenho certeza que tudo isso se deve a esse problema cm meu filho, mas não tenho coragem de procurá-lo e tentar resolver a situação.Sei que não tenho forças para lidar com a rejeição. Por isso não o procuro. Não sei o que fazer. Passo o dia na internet. Não tenho com quem falar. Não suporto ouvir as pessoas dizerem: – não fica assim não. – uma hora vai melhorar. Estou cansada demais. Sinto que minhas forças estão no fim…

Avatar for Miguel Lucas
Nazareth

Olá tenho 49 anos e infelizmente passo por este problema também faço tratamento com ansiolíticos atualmente venlafaxina mas as vezes chego a pensar que isso não terá fim, creio em Deus e acredito que nada para ele é impossível, isso me ajuda a viver gostei deste site. queria conversar com alguém daí.

Avatar for Miguel Lucas
Giovanna

Pra mim não tem doença pior que a depressao, na verdade pode ser que tenha mais pra mim é a depressao.Essa é o tipo de doença pisicologica que não desejo para ninguém, até porque eu sofro com ela e já tive fases bem difíceis,voce não tem o menor animo em levantar da cama de manhã e lembrar que vai ter que passar tudo de novo,tudo que passou ontem e anteriormente,tem que ver as pessoas ,falar com elas como se não houvesse nada de errado,sendo que sua vontade é sair dali correndo.O tratamento não é muito fácil, estou nessa fase é pra mim não está sendo fácil,porque quando se chega em um nível bem profundo a única vontade que você tem é de se isolar ,não ver mais ninguém e chorar até que você sinta por pelo menos um minuto um alívio para a tristeza,o vazio,a angústia e o sentimento de inutilidade, de que você não é nada.

Avatar for Miguel Lucas
Simone

Olá!
Gostaria de deixar registrado aqui, minha profunda gratidão por todo esse conteúdo excepcional que você disponibiliza!
Posso dizer que você Miguel (e mais outra pessoa que também achei na internet), salvaram minha vida!!! Eu já tinha meu plano de suicídio pronto e começava a iniciar os passos, quando achei seu blog.
Enroscada naquela escuridão, é como se o sol tivesse me achado! Não senti um pouco de esperança não, fui inundada por ela!
Desde 2009 enfrento a depressão, e já havia desistido. Tanto tempo tomando remédio, passando de um tratamento a outro é sempre a depressão voltava.
O que me fascinou e meu deu tanta esperança ao conhecer seu trabalho, é porque ele é realmente diferente de tudo sempre igual que eu encontrava.
A maneira como aborda diversas questões, com uma linguagem acessível e que nem por isso acaba por trazer mediocridade aos seus artigos, a sua coerência precisa que nos dá segurança do que estamos a ler. E acho que o mais belo e importante do seu trabalho: o enfoque que você dá às questões de que trata, a sua coragem e honestidade em não seguir discursos comerciais ou limitantes que tanto vemos por aí. Em especial ao falar sobre a indústria farmacêutica, é sobre a responsabilidade da pessoa na superação do seu problema. É libertador descobrir que posso sim ser protagonista no meu processo de superação!
Parabéns pela excelência do seu trabalho e da sua humanidade!

Avatar for Miguel Lucas
Marcos Vinicius

Bom, minha namorada tem indícios de depressão, quero muito poder ajudar ela, o que posso fazer ? Ou o que devo indicar pra ela ? Não consigo aguentar ver ela triste assim pf me ajudem

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Marcos, tente que ela consulte um profissional. Um psicólogo ou psiquiatra.
Abraço,

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *