Como libertar-se das angústias do passado
Psicologia Comportamental 22/09/2016

Como libertar-se das angústias do passado

Miguel Lucas Publicado por Miguel Lucas

Cada um de nós comporta em si a sua história, composta por tudo o que vivemos até ao dia de hoje. Inevitavelmente muitas dos acontecimentos são esquecidos, quer bons e menos bons. No entanto, existem eventos da nossa vida que são mais marcantes, influenciando as nossas acções e decisões do dia a dia. Em psicologia, podemos chamar isso de condicionamento. Agimos, emitindo um determinado padrão de comportamento que é altamente influenciado por acontecimentos marcantes (usualmente de cariz emocional), ambos, positivos e negativos. Evidentemente, que os acontecimentos marcantes negativos geram-nos algum tipo de dor emocional, normalmente traduzido no sentimento de angústia. Viaje comigo até ao seu passado e aprenda a liberta-se das angústias que teimam em paralisar a sua vida.

Mudar o passado

Quero neste artigo transmitir-lhe a mensagem que existe a possibilidade de poder mudar o significado do seu passado, do presente e do futuro. O presente e o futuro, até pode ser razoável, provavelmente pensa você. Mas o passado? Como é que podemos mudar algo que ocorreu?

Há onze anos atrás li um livro: Como construir uma máquina do tempo, do autor Paul Davies. Numa manhã ao pequeno almoço, lembrei-me de colocar uma questão ao meu filho, na altura com cinco anos. “Filho como é que achas que podíamos viajar no tempo?” Surpreendentemente ele responde: “Através da memória”. Nesse exato momento, o meu filho fez-me quebrar o padrão mental que me fazia estar focado apenas na possibilidade externa, tipo máquina do tempo.

A partir desse dia, essa ideia fez-me pensar no assunto do ponto de vista da psicologia. E é, de acordo com esta perspetiva de podermos aceder ao passado através do mecanismo da memória, que vos apresento a possibilidade real de podermos mudar o significado do nosso passado.

O passado o presente e o futuro, relacionam-se de forma intrínseca num só tempo, no aqui e agora. Mudar o presente, à primeira vista é a tarefa que nos parece ser mais viável, fácil e acessível de podermos executar. Nada podia estar mais longe da verdade. De um ponto de vista operacional, e dado que os três momentos estão intrinsecamente ligados, todos, inevitavelmente são mudados no exato momento em que se estabelece algum tipo de mudança.

Passo a explicar: alterando o significado dos eventos passados, automaticamente estes têm impacto no momento presente e permitem projetar-nos no futuro. Sendo que esse futuro em possibilidade, é estruturado pela ideia que temos dele no momento presente. Por sua vez, a ideia que temos no presente momento sofre influências oriundas do nosso passado.

Dica: Passado, presente e futuro, são exatamente o mesmo tempo. Aqui e agora!

Condicionados de forma dramática pelo passado

Ficarmos demasiado condicionados pelo passado, conduz-nos na grande maioria da vezes a padrões cíclicos de vitimização e dificuldades em iniciar novos desafios na vida. Por vezes, geram-se medos, cristalizam-se formas rígidas de pensamento, caminhamos na vida com demasiados mecanismos de defesa e em estados de alerta disfuncionais. Tornamo-nos especialistas na deteção do perigo, e onde e como podemos ser magoados. Tudo isto poderia encaixar-se perfeitamente com naturalidade não fosse o terrível incómodo causado por essa forma desajustada de viver a vida.

Certamente, alguns acontecimentos do passado deixam marcas profundas, infligem sofrimento, dor, aflição, tristeza, pesar. E alguns desses estados emocionais, fizeram-nos adaptar de forma mais funcional à nova realidade. Permitiram que nos movimentássemos, que fizéssemos coisas na tentativa de atingir novamente um estado de equilíbrio emocional.

Quando conseguimos ter essa atitude positiva, vemos o benefício a emergir do sofrimento e da dificuldade. Mas, provavelmente todos nós em algum período da nossa vida não conseguimos fazer este exercício de deixar ir o passado, de conseguir retirar um saldo positivo dos acontecimentos. Perante este cenário encontramo-nos paralisados pelo passado. Encontramo-nos tremendamente condicionados de forma dramática pelo passado. E isto é castrador!

Para aprofundar este assunto, pondere ler o artigo: Viva no presente. Não se paralise pelo passado

Onde é que existe o passado?

Podermos “viajar” no passado,  foi para mim uma descoberta maravilhosa, razão pela qual fiquei profundamente grato ao meu filho. Passo a explicar o alcance desta ideia. Na verdade, através das nossas memórias não podemos de forma alguma mudar os factos da nossa história. Mas visto que não está documentada, que não existem registos factuais dos acontecimentos, a nossa história é sempre uma construção dependente da forma como observámos e gravámos os acontecimentos, as experiências e as emoções envolvidas.

A reter: O nosso passado está relacionado com a forma como percepcionamos a nossa experiência.

De certa forma, o passado não existe. Bem, pelo menos não existe enquanto fatos. Existe sim, enquanto percepção da ideia que temos daquilo que nos aconteceu e como vivemos essa experiência passada. E este é um bom princípio para podermos viajar até ao nosso passado e alterar a percepção que temos dele, a nosso favor. Novamente, relembro que não podemos mexer nos acontecimentos em si, mas sim na ideia que temos acerca deles, e consequentemente da nossa percepção registada na altura.

Os eventos do passado não existem em nenhum outro lugar, a não ser nas nossas memórias, que dão origem aos sentimentos e pensamentos que temos sobre eles. Por si só, é claro, os eventos são neutros. Nós colocamos juízos sobre os eventos com base na forma com eles nos afetaram, tornando bons julgamentos sobre as coisas que nos beneficiaram e julgamentos ruins sobre as coisas que nos prejudicaram. São os sentimentos que resultam desses julgamentos que permanecem connosco, não os próprios acontecimentos.

Embora nós não possamos mudar as nossas memórias dos eventos, podemos mudar a percepção que temos deles, reestruturando e alterando uma ideia traumática para um enquadramento facilitador e benéfico.

A reter: De fato podemos mudar o passado, da única maneira que importa, não alterando o que realmente aconteceu, mas mudando o significado do que aconteceu e, portanto, podendo libertar-se das angústias do passado e dos sentimentos daí resultantes.

libertar-se do passado

Como o passado pode ser mudado?

Como já referi, nós podemos viajar até ao nosso passado através da nossa memória, reestruturar o significado de alguns eventos negativos e traumáticos e consequentemente encontrar uma forma de criar valor a partir desses eventos, que até à data entendíamos como prejudiciais.

Dica: Se podemos realmente utilizar eventos passados que podem ter sido traumáticos como trampolim para o nosso crescimento e desenvolvimento pessoal, reinterpretando-os em acontecimentos positivos, nós podemos libertar-nos da dor associada às memórias que temos deles. E isto é libertador!

A grande maioria da pessoas, que têm na sua história de vida acontecimentos que os prejudicaram, maltrataram ou que passaram por grandes dificuldades ou situações arrebatadoras que tenham provocando choques do ego, passam por momentos de angústia sempre que isso vem à sua memória, condicionando-lhe inevitavelmente as suas atitudes e ações. Se percebermos que podemos mudar o significado, que podemos libertar-nos dessa carga negativa, demos o primeiro passo para uma viagem reestruturante.

Para aprofundar o assunto, pondere ler o artigo: Mude a sua história. Se estás insatisfeito faça algo de Diferente

Tal como já referi anteriormente, leve em consideração que para mudar a sua história, seja ela passado, presente ou futuro, a única possibilidade é fazê-lo no momento presente.

Como podemos então  libertar-nos do passado?

Podemos usar o passado como combustível para o crescimento no presente. Se quando pensamos num evento do nosso passado e ele continua a ser doloroso, devemos compreender que a dor é uma indicação de que temos problemas inacabados, não com quem ou com o que estava envolvido no evento em si, mas connosco mesmos. Talvez alguém o tenha ferido. Talvez alguém o tenha traído. Talvez tenha feito uma escolha errada, com base no seu medo ou raiva e que agora lamenta.

Perder tempo em recriminações ou desejando que pudesse voltar atrás no tempo para mudar o que aconteceu, não é uma estratégia capacitadora e realista. Aquilo que pode ser verdadeiramente eficaz e exequível é encontrar uma maneira de transformar essa mágoa ou arrependimento num catalisador para o crescimento pessoal e avançar a partir de hoje.

Se você conseguir realmente pensar sobre o passado desta maneira, vá até lá, faça essa viagem por si mesmo. Em vez de pensar nos traumas dolorosos uma e outra vez, que só lhe provocam angústia e incapacidade, olhe para os acontecimentos como uma oportunidade para fortalecer-se e seguir em frente.

Viajar ao passado e mudar o seu significado

Entre na sua máquina do tempo (aceda à sua memória) accione a sua consciência, ligue os seus sentimentos e ative a sua percepção, a viagem vai começar. Remeta-se para um acontecimento passado que lhe cause angústia, perceba em que estado se encontra (de incapacidade, de vitimização, com sentimentos negativos, dor emocional, desesperançado, humilhado, com sentimento de culpa), pare um pouco nessas imagens e reflita sobre isso.

Sinta o que lhe está a acontecer no corpo, que sentimentos estão a ser gerados no momento presente. Com esse sentimento em mente, tente perceber o que é que isso influencia a sua vida. O que é que esses sentimentos relacionados com o passado condicionam o seu presente, os seus projetos de vida, as sua ações, as suas atitudes, as suas escolhas?

Tente perceber o quando o seu passado o está a travar, o impede de libertar-se e viver a vida que deseja, sem entraves, sem remorsos, sem sentimento de culpa, sem vitimizações, sem rancores, sem lamechismo. Entenda que tipo de manifestações, que tipo de padrão mental foi construído com base nos acontecimentos passados. Entenda em que medida a sua vida mudaria para melhor se conseguir atribuir um significado mais capacitador aquilo que o impede de seguir o que deseja? Observe até que ponto a sua experiência passada de negatividade lhe pode servir para potenciar o presente?

Para aprofundar o assunto, pondere ler o artigo: Estrutura mental positiva, o elixir da felicidade

PALESTRA EM VÍDEO

Se ao longo do tempo não tem conseguido libertar-se do seu passado angustiante, quero dar-lhe a conhecer a minha Palestra em Vídeo: Superar o Passado e Promover o Futuro. Se pretende ultrapassar as angústias do seu passado, alguma situação traumática ou situação que possa estar a paralisar a sua vida e a impedir que alcance os seus objetivos, esta palestra é para você. Aproveite esta excelente oportunidade de deixar o seu passado castrador para trás e passar a viver o presente com alegria e satisfação.

Agarre esta possibilidade clicando na imagem em baixo:

palestra-video-superar-passado

Abraço,

Miguel Lucas

Novo usuário?
Comece aqui
Receba Grátis os Vídeos “Fórmula da Positividade”
Receba Grátis os Vídeos “Fórmula da Positividade”

Dê a si mesmo a oportunidade de florescer e ser bem sucedido!

Comentários
Avatar for Miguel Lucas
Tiago Pimentel

O sentimento de vitimização ou de fatalidade, ao tentarmos olhar para o futuro à sombra dos fracassos do passado, é extremamente tóxico e limitador. Bom artigo com perspectivas interessantes e fortalecedoras sobre como lidar com crenças menos boas.

Obrigado pela partilha!

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Tiago, obrigado pelo comentário

Sem dúvida que perante alguns contratempos ou adversidades da vida, se nos transformarmos em profeta da desgraça em nada estaremos a contribuir para a melhoria da situação em que nos encontramos. Há que fazer um esforço para olhar em frente e ajudarmo-nos a nós mesmos, libertando-se daquilo que nos impede de aplicarmos na nossa vida aquilo que ainda conseguimos.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Rute

Boa tarde.

Parabéns e muito obrigada por um trabalho completo como este.
Conheci e jah tirei muio proveito dele. Neste artigo, por exemplo, eu iniciei uma retrospectiva da minha vida para entende-la melhor.
Realmente o passado tem tudo a ver com o presente e com o futuro – este depende tbem do presente, estou certa?
Entretanto eu ainda nao consegui entender que procedimentos fazer para mudar o significado do passado.
Continuarei como uma leitora ativa do seu material.
Parabéns e muito obrigada mais uma vez.
Sucesso!!!

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Rute, obrigado pelo comentário

Sim, Rute o seu raciocínio está correto! Fico muito contente com o fato do artigo lhe promover uma análise da sua vida.

Em breve irei escrever um artigo onde explicarei detalhadamente como dar um novo significado a acontecimentos passados. Fique atenta 🙂

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Rute

Boa tarde.

Como pode perceber, eu estou sempre dando uma olhada no q vc publica aki. Trata-se de um conteudo rico e importante.

Agora eu te pergunto: vc jah escreveu e publicou explicando como dar um novo significado aos acontecimentos passados?

Aguardo ansiosamente.

Um forte abraço.

Avatar for Miguel Lucas
felipa silva

Antes de mais Parabéns!!!! Adorei o site e gostava de contar aqui como eu ultrapassei o meu passado através dos chats de namoro online depois de um longo casamento cheio de complicações e muita dor.

Descobri a amstelcom e o site mulheres-chat.com por mero acaso. Sempre passei muitas horas online desde os primórdios da Internet por motivos profissionais e foi também graças à Internet que consegui encontrar a minha alma gémea. É incrível não é? Sei que para muitas pessoas isto pode parecer um bocado rebuscado e quase impossível mas de certeza que outras tantas passaram por uma experiência semelhante. Tudo começou quando vi um desses anúncios online sobre um sistema recente de namoro virtual. Sou uma pessoa muito namoradeira e como estava frustrada por não conseguir encontrar uma pessoa que me enchesse as medidas no meu círculo de conhecidos, decidi experimentar. Já tinha usado outros sites de namoro e o facto de perceber que a amstelcom estava sediada em Portugal inspirou-me muita confiança. Logo na página inicial pude ver perfis de pessoas normalíssimas que procuravam outras pessoas e o mais interessante foi perceber que podia pesquisar perfis de acordo com o sexo, idade e residência com ou sem foto; tudo isto sem me pedirem nada. Percebi que se no final da subscrição eu não ficasse satisfeita só tinha de enviar um sms a dizer stop ao 62988. Por isso apressei-me a ler toda a informação disponível no site e lembro-me de ter achado o processo muito simples, creio que se mantém exactamente igual nos dias de hoje. O sistema em si é absolutamente fantástico e muito acessível. Uma coisa é sermos nós a contactar alguém mas outra coisa é sermos contactadas por um homem misterioso com os mesmos interesses que nós. Por apenas 1 EUR por um sms 62988 eu podia conversar e namorar e flirtar com pessoas perto de mim. Como acontece noutros sites, a primeira coisa que tive de fazer foi aceitar as condições gerais e criar o meu perfil. Coloquei uma foto que me favorecia e passei as horas seguintes a dar uma vista de olhos pelos vários perfis. Nesse dia não aconteceu nada de extraordinário, apesar de receber um par de mensagens por MSN mas que não me interessaram por aí além. Confesso que estava um bocado nervosa porque nenhum dos outros sites de namoro onde me encontrava registada tinha dado frutos tão rapidamente. Quando acordei no dia seguinte e para minha surpresa, o meu telemóvel estava carregado de mensagens novas do 62988. O meu coração começou logo a bater a mil à hora e pela primeira vez em muito tempo sentia-me muitíssimo bem e estava com uma auto-estima que já nem me recordava. Lembro-me que nesse dia não comecei a trabalhar sem visitar o site mulheres-chat.com para tentar identificar alguns dos meus “pretendentes”. Houve um que me agradou de imediato e cujas mensagens haviam mexido muito comigo. Muito nervosa respondi-lhe, começamos a trocar sms diariamente até combinarmos um café num sítio público e desde aí nunca mais nos separámos. Nesse mês a minha factura do telemóvel estava repleta de sms 62988. Não tinha débitos extra, o que me tranquilizou bastante. Nestas coisas da Net convém estar sempre atento mas não fiquei nada arrependida. Cada euro gasto foi por um bom motivo. Só tenho a agradecer à amstelcom por permitir que um serviço deste tipo chegue a pessoas que têm pouca disponibilidade e outras dificuldades para encontrar parceiros amorosos. Graças ao site mulheres-chat.com e ao 62988 encontrei o homem da minha vida. O Pedro e eu ainda estamos juntos e somos um casal verdadeiramente feliz um com o outro e olhamos para o futuro em conjunto!

PS: Desculpem o longo comentário

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Felipa, obrigado pelo comentário.

A sua história é muito particular, mas felizmente com um final feliz. O mais importante é que conseguiu ultrapassar o seu passado seguir em frente e encontrar alguém com quem se identificou. A era digital tem muitas coisas boas, a Felipa usufruiu de uma delas. Felicito-a por isso!

Sorte e felicidades

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Wanderley

Caro Miguel.
Escrevi-lhe outro dia, que tenho 76 anos, fique viúvo recentemente, e recebi sua mensagem acalentadora no regresso.
Lendo alguns artigos de outras pessoas nesta coluna, deparei-me com uma pergunta feita por ujm deles que é a seguinte:
COMO DAR UM NOVO SIGNIFICADO AOS ACONTECIMENTOS DO PASSADO?
Evidentemente, tenho um passado como qualquer outra pessoa, porém depois da viuvez, esse passado se precipitou sobre mim, como uma carga muito grande. Foi um passado muito feliz que tive com minha esposa durante 50 anos.
Hoje ele está sempre presente, pois não posso mais revivê-lo, nem
esquecê-lo. Sinto-me todo dia, um ser vazio, só, e não consigo projetar um dia de amanhã com felicidade e alegria.
O dia seguinte é sempre mais um dia difícil de vivenciar.
Preciso construir um novo futuro, bem sei, mão não consigo, pois estou sempre preso a ele, o passado.
Não sei se fui claro na minha colocação, mas tentei passar-lhe o que acontece comigo.

muito obrigado
wanderley

Avatar for Miguel Lucas
wanderley

Caro Miguel.

Tenho acompanhado com muito interesse seus artigos,
e quero fazer-lhe uma pergunta:
COMO MUDAR O SGNIGICADO DO PASSADO?
muito obrigado, e continue com sucesso.
wanderley

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Wanderley, obrigado pelo comentário

Neste artigo, expliquei o mecanismo que permite ultrapassarmos algumas coisas incómodas (as boas e menos boas) que atualmente podem estar a ser um entrave para levar a vida para a frente.

A sua questão é pertinente, e devido à complexidade da resposta, não pode ser respondida aqui. Irei em breve voltar a esta questão e especificar num artigo algumas técnicas e formas de conseguir fazer isso na prática.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Elisa Silva

Muito obrigada.Não tenho palavras.Sinto-me leve.Estou a sorrir sem saber porquê.Sinto-me bem.Obrigada.

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Elisa, obrigado pelo comentário

Fico contente que possa ter contribuído para se sentir melhor 🙂

Força!
Abraço

Avatar for Miguel Lucas
mari

voce é de mais, muito obrigada por escrever.. voce esta me ajudando muito.. meus olhos estao voltando a brilhar.. AbraçAo

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Mari, obrigado pelo comentário.

Fico muito agradecido com as suas palavras.

Tudo de bom para você.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
LEILA

Oi Miguel, Bom Dia

Estou adorando seu blog, descobrir ele ontem, e sobre nao consegui se livrar do passado,estou vivenciando isso com minha mãe,eu falo com que ela é um museu, a arma dela é o sofrimento do passado e ela desconta tudo em mim e o pior as vezes me pego fazendo como ela. Miguel o que voce me aconselha, ja tentei fazer ela procurar ajuda mas ela acha que ta sempre certa, e o pior ela ta começando a fazer o mesmo com meus irmaos adolescente, tudo que ela quer, consegue atraves das chantagens emocionais sabe. É muito complicado! Ninguem tem mais gosto de ficar em casa, eu mesmo evito ficar perto dela, porque sei que vai começar a me xingar, me humilhar.
Abraços Leila

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Leila, obrigado pelo comentário.

O que você está vivenciando é bem presente, são situações do seu dia-a-dia. Mudar os outros é uma tarefa impossível se eles não quiserem. Por isso, foque-se no que pode fazer para ser o menos afetada possível protegendo igualmente os seus irmãos.

Não aceite as humilhações se elas forem desmedidas, aceite sim a sua mãe como ela é, não tendo de concordar com alguma das opiniões ou comportamentos dela. É aí que você pode ter alguma capacidade de intervenção, se não for diretamente, tente de forma indireta, aprendendo a lidar com a situação e ensinando os seus irmãos algumas estratégias de se inocularem de algumas situações depreciativas.

Força e convicção

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Ricardo Gonçalves

Estou gostando muito de ler sobre isso e fico cada vez mais interessado, mas to percebendo que tenho muito ainda a aprender, vendo os outros tópicos que nos aconselha, acredito realmente que isso possa me ajudar, portando pretendo voltar aqui sempre e ler tudo o que possa me ajudar e aos poucos ir implantando as modificações necessárias pra que me sinta cada vez melhor e mais capacitado a mudar o significado do meu passado e consequentemente viver melhor meu presente e sonhar com um futuro mais produtivo.
Abraços

Avatar for Miguel Lucas
will

Queria muito tira algumas coisas do passado de uma pessoa que vive comigo, mais vira e mexe me pego pensando.Isso acaba me encomodando bastante, pis e um coisa que não vivi, e pessoasm não muito proximas ao redor fazem questão de a todo tempo lembrar de uma outro relacionamento vivido!

Avatar for Miguel Lucas
Miguel Lucas

Olá Will, obrigado pelo comentário.

Por vezes determinadas conversas são bastante incomodativas, principalmente porque não temos a controle das mesmas. No entanto, por muito desagradável que uma conversa possa ter, ela só tem o impacto negativo que você permite que ela tenha. Tente resolver o que lhe aconteceu no passado, fazendo as pazes com os acontecimentos e pessoas envolvidas (mesmo que apenas em imaginação ou em intenção)…certamente o artigo pode conduzi-lo a isso.

Força e coragem.

Abraço

Avatar for Miguel Lucas
Charlan Macedo

Caro Miguel, tenho sofrido angustias terríveis,mais ten to superar de cabeça erguida, tudo começo em 2003 quando conheci um peamoramos por alguns meses tínhamos 16 anos, nos deixamos ela teve 2 outros namorados, nos encontramos 2 anos depois nos casamos e temos um filho, mais ela me diz que apenas tento com seus namorados ter relações sexuais mais que nunca conseguio que eu tirei sua virgindade eu acredito não acreditando, isso doí muito pois foi eu que abandonei no passado e isso esta refletindo em minha vida profissional também. me ajude e que deus te abençoe grandemente. um forte abraço….

Avatar for Miguel Lucas
lais

mais ate q para vcs es site e mt interresante!!!!!!!!!!!!!!!!!
BOA SORTE COM A SUAS ANSIEDADES!!!!!!!!!!!!!!
UM CONSELHO se cudem ddddddddddd++++++++++

Avatar for Miguel Lucas
vanessa

para perdoar eu tenho que convesar com apessoa pessoalmente pois eu tenho medo dela acho quenos nunca iremos nos dar bem

Avatar for Miguel Lucas
vanessa

vanessa

para perdoar eu tenho que convesar com a pessoa pessoalmente pois eu tenho medo dela acho quenos nunca iremos nos dar bem meu mail lvanessarodriguesdossantos475@gmail.com por favor me corresponda

Avatar for Miguel Lucas
fran

HOJE ESE ASSUNTO ME DEU FORÇA PARA ENFRENTAR E ACABAR COM ESSA ANGUSTIA QUE VENHO SENTINDO NO PRESENTE,MAIS VOU SEGUIR SEUS ENSINAMNETOS EM TRABALHAR AS PEDAS DO PASSADO EM ALO CONSTRUTIVO PARA O FUTURO.

OBG!

Avatar for Miguel Lucas
Luciano

Meu caro, trabalho maravilhoso o seu, estou começando a achar a maioria dos motivos de minhas angustias e limitações, está me fazendo pensar de forma bem ampla e consciente a respeito de minha vida, espero que continue com essa página, pois tem me ajudado e acredito que a muita gente. Obrigado.

Avatar for Miguel Lucas
Allan

Eu errei algumas vezes, decidi me isolar, abandonei todos os meu amigos, sinto um grande remorso, amo uma garota e sei que nunca a terei de volta, a alguns dias atras aconteceu uma situação em que ela me deu motivos para seguir em frente, mas eu não consigo, gostaria de saber oque fazer para amenizar essa dor, eu amo ela demais e não consigo me ver com outra pessoa.

Avatar for Miguel Lucas
max

Guardo muitas magoas do passado, as pessoas confiam mais em mim do que eu mesmo sei que fiz escolhas erradas sinto que me "diverti" menos do que devia mas mesmo assim me diverti mais que muitos pessoas que conheço parece uma frescura ou coisa simples vou completar 26 anos e para maioria das pessoas sou jovem mas não me sinto assim. Estou tentando reunir forças para realizar algumas coisas que estão pendentes, mas a sensação de incapacidade atrapalha muito. O que tem me ajudado são postagens como essas, realmente ajuda muitas pessoas. Espero que essa sensação de descrença na vida me deixe desde já obrigado!

Avatar for Miguel Lucas
jussara

Boa noite Miguel,eu estou namorando pouco tempo,mas ele foi casado e ela traiu ele,toda vez que ele tenta namorar com alguem,ele não consegue demonstrar sentimento,por viver ainda no passado,gostaria de ajudar ele parar de viver o passado e mudar o comportamento dele e ele perceber que podemos sermos felizes.oq faço,te peço que leia por favor,me ajuda;

Avatar for Miguel Lucas
B.

Preciso que alguém me dê pontos de vista para me ajudar a compreender algo que aconteceu.
Essa pessoa teria que se colocar no lugar de outra através de fatos que serão dados para compreensão do comportamento da mesma.
Alguém poderia? Se for estudante ou formado em psicologia, melhor. Se alguém souber de um estudante ou pessoa formada em psicologia disposta a ajudar me avise.

Avatar for Miguel Lucas
luci

Entao nao e facil assim ,eu mesma numa discusao c minha cunhada q nao tive culpa ,meu marido nao ficou do meu lado ,dando valor nas irma ,outra c uma amiga dele ele de novo nao me entendeu me dando as costas ,e qd eu e ele nos desentendo ele me choga na cara q me achou na rua ,so pq nao tenho pai e mae nem irmaos ,morava c uma prima qd nos nos conhecemos ,isso nos causou a separaçao de corpos ,pois ainda moramos juntos e temos um cadal de filhos uma adolecente e o outro quase adolecente ,magoa e o meu nome ,pq ele nao me deu valor ,mas vive tentando se aproximar dizendo q nao quer se separar ,eu nao volto de jeito nenhum pq nao consigo perdoar ,pq sei o meu valor sei q nao merecia a ingratidao dele ,agora falar q tem q perdoar e esquecer comooo

Avatar for Miguel Lucas
luci

Acho assim ,ele q fique sozinho ,nao me deu valor ,agora mesmo q eu queira nao consigo voltar nao tem jeito ate tentei p varias vezes qd estou vivendo uma situaçao feliz pensar de outro jeito ,mas nao da mesmo ,se me fazem um bem nao esqueço ,mas se me fazem um mal nossa tambem nao esqueço pior ainda naocsifo voltar atras ,se isso me faz sofrer ou a outra pessoa q continue pq nao mudo

Avatar for Miguel Lucas
Glaucya

Traumas de famílias, uma frase que foi inúmeras vezes repetida e ficou amplamente marcada em minha vida que influencia diretamente nas minhas escolhas, principalmente em relacionamentos…O sentimento de rejeição é muito forte.

Avatar for Miguel Lucas
Antonio Garcia

Pois é! Porém a que se ter em conta que ”Perdoar não é esquecer… isso é amnésia. Perdoar é lembrar sem se ferir e sem sofrer…isso é cura. Por isso, perdoar é uma decisão, não um sentimento.” O perdão é vital. Caso contrário, a paz interior estará bem distante de nós. Não gaste energia tentando esquecer. Tudo fica registrado em nosso cérebro. Quando a lembrança do fato chegar, não se deixe ferir. Passe por cima da mágoa. Sofrer é uma permissão. Decida não sofrer mais com o que se passou. Você até pode lembrar do que se passou, mas não há necessidade de sofrer. Escolha viver em paz…escolha perdoar! Bênçãos! Paz e Bem! Abraço!

Avatar for Miguel Lucas
Cris

Eu tive um relacionamento no passado que me fez sofrer muito. Durante muitos anos preferi não falar sobre isso com ninguém, pois sentia muita raiva e vergonha do ocorrido. Eu era noiva e conheci outra pessoa por quem me apaixonei. Mantive um relacionamento durante algum tempo com ele, terminei o noivado pra ficar com ele e descobri que ele era casado e tinha dois filhos.
Me senti enganada, e nós brigamos. Ele se envolveu com uma prostituta e ia todos od dias ao meu trabalho com ela, eu trabalhava num restaurante e ele a levava lá para tomar cerveja e jantar, tomar café, almoçar, enfim ele ficava lá de propósito o tempo todo e me chamava para servir a mesa dos dois, uma humilhação.
O pior é que eu não pedi demissão, não sei porque apesar de sofrer eu não conseguia sair daquela situação.
Depois de tudo ele me ligava e tentava reatar comigo, dizia que me amava e pedia perdão, não dá pra entender algué que faz tudo isso e ainda quer se desculpar.
Lógico que eu não quis mais me envolver com ele, mas não consegui esquecer.
Voltei com meu noivo, nos casamos viviamos felizes, tivemos uma filha, e doze anos depois ele apareceu de novo na minha vida.
Nossa eu fiquei sem chão, depois de tantos anos é bem estranho, ele estava muito diferente, mais velho mas ao mesmo tempo tão igual, quando eu olhava pra ele eu não conseguia mais saber o que era passado e o que era presente foi muito irreal.
As lembranças que eu guardava dentro de mim vieram à tona e eu pirei.Eu perdi o controle sobre mim mesma, fiqie deseeperada, é como se eu quisesse de toda forma voltar no passado, ter essa tal máquina do tempo e poder mudar o que aconteceu, mas não tem jeito, não tem como, o passado não muda, não volta e não dependia só de mim, na verdade não havia nada que eu pudese fazer em relação a isso.
Depois desse reencontro que não deu certo eu fiquei doente, tive depressão, tinha dias que eu queria morrer, enlouqueci de vez, meu corpo ficava tão agitado só de pensar nessa pessoa era como se por pensamento eu quisesse encontrá-lo de alguma forma, como se eu estivesse buscando aquel que algum dia eu amei, aquele primeiro amor que me amava também, não a figura que me enganou e traiu.
Foi horrível, depois de muito sofrer, psiquiatras e remédios controlados eu decidi começar a fazer terapia.
Engraçado como falar expor a situação faz bem pra alma, mais até que remédio.
De repente eu percebi que na verdade eu não superei, estranho mesmo após tantos anos eu não consegui superar, foi só me colocar de novo frente a situação eu caí de novo, e dessa vez com mais intensidade.
Ma eu estou em tratamento, e acredito que o melhor não fugir do problema mas lidar de frente com ele, falar sobre a situação, é verdade que não existe amnésia, existe sim tratamento, não está sendo fácil, a dor é uma constante na minha vida, foi como se os meus sentimentos estivessem trancados numa caixa que foi aberta. E eles sairam todos de uma vez, angústia, desespero, dor, tristeza, mágoa, remorso, nojo, raiva, humilhação. e eu comecei a sentir tudo isso de uma vez. Eu não aguentei.
Mas tudo isso faz parte de um processo, eu prefiro pensar assim, eu acredito agora que eu preciso esuqecer isso e viver de novo.
Lembrar eu sempre vou lembrar, mas o que eu preciso fazer é lembrar sem sofrer, e de fato aceitar que aconteceu que nada posso fazer quanto a isso.

Avatar for Miguel Lucas
dvm

Adorei a matéria muito enriquecedor

Avatar for Miguel Lucas
Cristiane

Eu conheço uma pessoa que anota em um caderninho tudo de ruim que fizeram a ela no passado, para que assim, ela nunca se esqueça disso e um dia possa jogar na cara da pessoa o fato. Na minha opinião isto é muito angustiante, e ela está sempre na situação de vitimização. E muitas das vezes, a tal pessoa que fez mal, fez sem querer e nem guarda mais esta mágoa.

Avatar for Miguel Lucas
natasha

olá estou quase entrando em depressão por causa do meu passado eu não estou tendo animo de viver,de estudar,de sorrir,pois quebrei meu celular e faz 2 meses que comprei e minha mãe está pagando e estou com outros problemas em casa ,minha vida não tá tendo sentido só fico pensando no passado e tentando voltar mesmo sabendo que não eu não estou conseguindo viver,as pessoas não me intende eu sei que celular é um bem material só queria que em 10 minutos elas tivessem essa experiencia e vicem como é difícil pra mim superar,eu não sei o que faço,emagreci muito,não estou focando na minha escola,nos meus estudos,em rir,em aprender e nem em viver,sei que todos podem falar falar mas nínguem sabe o que estou sentido e como penso que eu podia ter impedido isso afff meu ajuda por favor estou muito doente por isso bua bua ajude -me ajude- me

Avatar for Miguel Lucas
EIRI

Me identifiquei muito com o que li. Eu me encontro na fase de vitimização o passado ou melhor as memorias me machucam muito ainda e vejo se refletir nas minhas atitudes…

Avatar for Miguel Lucas
samira

Eu tenho um passado cheios de sofrimento ao mesmo tenho mgoas resentimentos ja nao a mesma de antes.penso ajuda

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *